n
Avalie este item
(1 Votar)

Os 324 alunos do curso de formação da Polícia Penal da Sejuc (Secretaria de Justiça e Cidadania), iniciaram na manhã desta quinta-feira, 13, mais uma ação de doação de sangue para o Hemoraima (Centro de Hemoterapia e Hematologia de Roraima). A ação segue até esta sexta-feira, 14, com grupos de 50 pessoas por turno (manhã e tarde).

 

O secretário da Sejuc, André Fernandes, falou sobre a importância do ato solidário. “Doar sangue é doar vidas. Os alunos da Polícia Penal, se prontificaram para fazer essa doação e abastecer os bancos de sangue do Hemoraima, e principalmente para que as cirurgias que já estão acontecendo continuem ocorrendo sem alteração. Isso é a Polícia Penal contribuindo ainda mais para sociedade de Roraima”, disse.

 

O aluno Célio Roberto Feitosa, de 42 anos, afirmou que foi a primeira vez que doou sangue e ficou feliz em ajudar. “É uma experiência única. Às vezes para quem nunca veio, pode sentir um pouco de medo ou receio, até mesmo porque é algo novo. Mas o pelotão do segundo curso, abraçou a causa e nos sensibilizamos, e vejo que quem doa sangue, está doando vida. Fiquei muito feliz e tudo foi muito rápido. Quem nunca doou sangue, venha e faça parte de um seleto grupo de salvar vidas”, destacou o voluntário.

 

REQUISITOS PARA SER DOADOR

 

O doador é cadastrado e encaminhado para uma entrevista, para em seguida passar por uma triagem. Precisa pesar mais de 50 quilos. Não havendo nenhum impedimento, ele é encaminhado para a sala de coleta onde é feita a doação, que dura no máximo 10 minutos.

 

O Hemoraima fica localizado na Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, próximo ao HGR (Hospital Geral de Roraima Rubens de Souza Bento). O horário de funcionamento da unidade é de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 11h e de 13h30 às 17h.

 

Outras informações podem ser obtidas por meio do número (95) 98404-9593.

Avalie este item
(1 Votar)

Em breve, os moradores do município de Pacaraima vão contar com um novo espaço para a prática esportiva. O Governo de Roraima está finalizando a obra de reforma e revitalização do ginásio poliesportivo do município, com investimento de aproximadamente R$ 1 milhão.

 

A obra foi iniciada em dezembro do ano passado pela Seinf (Secretaria de Infraestrutura do Estado) e está com 80% dos serviços executados.

 

“A quadra de esportes será entregue ainda neste mês de outubro, e esperamos que seja bem utilizada por crianças, jovens e adultos, enfim, toda a comunidade de Pacaraima, que precisava e pedia a recuperação desse espaço tão importante. O ginásio pode ser utilizado para diversas modalidades esportivas como futsal, vôlei e basquete”, declarou o governador Antonio Denarium.

 

O Governo do Estado também está reformando os ginásios dos municípios de São João da Baliza, São Luiz do Anauá, Rorainópolis, Caroebe, Alto Alegre, Iracema e Cantá.

 

INVESTIMENTO

 

No ginásio, o Governo realizou, entre vários serviços, a substituição total da cobertura, recuperação estrutural interna e externa, banheiros e vestiários com louças e metais novos e pintura total dos muros externos e internos do local.

 

Também fez os forros nos vestiários e banheiros, instalou portas de madeira e de proteção, portão principal em aço, substituiu todas as louças do banheiro, fez sinalizações de acessibilidade (piso tátil com alerta direcional), substituiu totalmente as grades de proteção da quadra, realizou as instalações elétricas e trocou todos os cabos existentes, além da iluminação em led, construção de castelo d’água e combate a incêndio.

 

“Quando a bola voltar a rolar no salão, a arquibancada do ginásio será utilizada. Por isso a obra contempla também a reforma dos alambrados, substituição de telas, pintura, além de melhorias na iluminação do local”, destacou o secretário de Infraestrutura, Emerson de Paula.

Avalie este item
(1 Votar)

A Praça Interativa José Renato Hadad, reinaugurada no dia 27 de setembro, foi palco para a celebração do Dia das Crianças, nesta quarta-feira, 12, e centenas de famílias aproveitaram o espaço para comemorar a data com muita diversão, banho nas fontes luminosas e músicas infantis.

O governador Antonio Denarium falou sobre a data comemorativa e enfatizou os investimentos do Governo do Estado que estão em execução no Parque Anauá, destacando a reabertura da Praça Interativa José Renato Hadad.

“Hoje é um dia muito especial, 12 de outubro, Dia das Crianças e também dia de Nossa Senhora  Aparecida. Esse é um evento bacana, com muita alegria e descontração. A Praça Interativa foi totalmente revitalizada, está com cores lindas e maravilhosas; a meninada se divertindo nesse período de calor intenso e se refrescando nas fontes luminosas. Esse é apenas o início da reforma geral e revitalização do Parque Anauá, que vai ser todo reconstruído. O Governo do Estado tem trabalhado muito, primando pelo lazer, pelo esporte, pela cultura, pela diversão e pela melhoria da qualidade de vida do nosso povo”, ressaltou.

O secretário de Cultura, Shérisson Oliveira, também destacou a revitalização da Praça Interativa e a reforma total do maior parque urbano de Roraima e um dos maiores da região Norte. 

“A Praça Interativa foi uma grande entrega feita pela gestão do governador Denarium recentemente. Ainda tem a previsão de entregar, ao longo dessa nova gestão nesse novo mandato, todo o complexo. É um espaço que estava desativado há mais de dez anos e, em uma cidade quente como a nossa, nada mais justo do que ter um local como esse. Desde a inauguração, está sendo muito prestigiado por todos. As crianças estão felizes e têm todo o apoio dos Bombeiros e da PM [Polícia Militar]. É um ganho para a população. Funciona a partir das 6 horas e tem sido um grande ponto de encontro das famílias roraimenses, principalmente nos finais de semana. E hoje, Dia das Crianças, nada melhor do que um lugar como esse para comemorar”, disse.

 

Frequentadores ressaltaram a importância da reabertura da Praça

 

Joice Araújo Veras levou os filhos e salientou a importância da reabertura do espaço de lazer.  “Há muito tempo trouxe a esse local a minha filha que hoje tem 22 anos e agora retornei com meus outros filhos. Foi bacana a reabertura da Praça, estava precisando, porque ficou muito tempo esquecida e agora surgiu esse novo projeto”, disse.

A adolescente Vitória Maria, de 13 anos, foi com parentes e amigos e ressaltou a alegria de aproveitar o Dia das Crianças na Praça Interativa. “Estou gostando muito. É uma experiência que nunca tinha tido. Vim com minha tia e meus primos. Estou também com muitos amigos aqui. Temos música para nos alegrar e água para banhar à vontade. Está sendo muito divertido”, falou. 

Eder dos Santos levou a filha para aproveitar o espaço e falou do ambiente e da segurança. “Eu tinha ouvido falar, mas nunca tinha vindo a essa praça. Hoje estava de folga e lembrei dessa pracinha, meus parentes me deram a dica, disseram que estava funcionando e resolvi trazer minha filha. Está tudo ótimo, bom para as crianças, ambiente familiar, tem segurança, bem legal”, concluiu.

 

Avalie este item
(1 Votar)

Nesta quinta (13) e sexta-feira (14), a partir das 15h, o Detran-RR (Departamento Estadual de Trânsito de Roraima) receberá em sua sede, localizada na Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, as pessoas contempladas com o Projeto Social CNH Cidadã.

 

O setor de Biometria do Detran funcionará nestes dois dias, a partir das 15h, para atender as 91 pessoas já contempladas e com os nomes homologados, que irão iniciar o processo para emissão da primeira CNH (Carteira Nacional de Habilitação), para posterior encaminhamento para a autoescola e para fazer os exames.

 

“Isso ocorre após toda a fase interna realizada pelo Detran, para contratação de autoescola e credenciamento de clínicas médica e psicológica, para atender o projeto CNH Cidadã e as pessoas contempladas”, disse o diretor de Controle de Condutores e Veículos, Diego Aragão

 

O diretor informou também que na terça-feira, dia 18, o Detran homologará o resultado com os nomes dos contemplados da segunda turma de Boa Vista e da primeira turma do interior. “O próximo passo é dar publicidade, informando os beneficiados”, comentou Aragão.

 

Na quarta-feira (19), o Detran vai divulgar o edital de chamamento dos beneficiados às vagas remanescentes, para concluir o processo de seleção para a CNH Cidadã. “Quem se inscreveu fique atento”, ressaltou o diretor.

 

Diego Aragão disse ainda que, nesta primeira versão do projeto, serão contempladas 400 pessoas, sendo 65% da capital e 35% do interior, além da reserva de vagas para pessoas com deficiência.

 

BENEFICIÁRIOS – São pessoas de baixa renda que estejam desempregadas há mais de um ano, que sejam beneficiárias do programa Bolsa Família e egressas do sistema prisional, além da renovação de CNH para condutores profissionais de baixa renda, que comprovem o exercício da profissão.

 

CNH CIDADà- O Projeto Social de Formação, Qualificação e Habilitação Profissional de Condutores de Veículos – CNH Cidadã foi instituído pela Leis número 338/2002 e 1.011/2015, regulamentadas pelo Decreto Estadual número 29.492-E, de 19 de outubro de 2020. A iniciativa concede às pessoas de baixa renda a oportunidade de obtenção da Carteira de Habilitação gratuita.

Avalie este item
(1 Votar)

O IIOC (Instituto de Identificação Odílio Cruz), da PCRR (Polícia Civil de Roraima), está realizando nesta semana atendimentos de emissão de RG destinado a servidores da SEI (Secretaria de Estado do Índio) e seus familiares.

 

O serviço será interrompido somente nesta quarta, 12, devido ao feriado alusivo à Nossa Senhora Aparecida, mas volta na quinta-feira, 13.

 

A ação visa atender uma solicitação feita pela SEI, em alusão ao Dia do Servidor Público, celebrado nacionalmente no dia 28 de outubro, e tem como intuito valorizar o trabalho prestado pelos servidores públicos ao Estado de Roraima.

 

Segundo o diretor do IIOC, Hênio Stânio Lima de Andrade, a ação na Secretaria do Índio ocorrerá somente nesta semana, das 7h30 às 13h30.

 

“A Polícia Civil tem sido uma grande parceira com as diversas instituições do Estado. Esta é uma maneira de levar mais cidadania às pessoas que necessitam dos nossos serviços e facilitar a vida do servidor público”, destacou o diretor.

Avalie este item
(1 Votar)

O Dia das Crianças está se aproximando, e com isso, o Governo de Roraima, por meio do Ipem-RR (Instituto de Pesos e Medidas de Roraima), realiza ação especial de fiscalização em vários estabelecimentos comerciais da capital e do interior de Roraima.

 

A operação especial, intitulada “Dia das Crianças”, ocorreu entre os dias 3 a 7 de outubro, e tem como principal objetivo, verificar se os brinquedos expostos estão em conformidade com as normas do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), tanto em relação à presença do selo de conformidade do Inmetro, quanto à simbologia, que indica a faixa etária de uso do item.

 

Foram fiscalizados cerca de 25 estabelecimentos que comercializam produtos infantis, como brinquedos, bicicletas de uso infantil, berços infantis, carrinhos de bebê e cadeiras de alimentação para bebês.

 

Segundo a presidente do Ipem-RR, Isabella Dias, antes de realizar a compra para a meninada, é preciso que o responsável siga algumas orientações importantes.

 

“O consumidor deve observar se na embalagem do brinquedo, por exemplo, consta o selo do Inmetro, que é a principal evidência de que o produto passou pelo processo de certificação e está em conformidade com os requisitos técnicos estabelecidos no regulamento e na norma”, pontuou Isabella Dias.

 

Outro ponto bastante importante para ser levado em consideração na hora da compra do brinquedo, é a indicação da faixa etária de uso do item, para que esse não venha oferecer riscos à segurança da criança.

 

“Isso evita, por exemplo, que a criança se engasgue por ingestão de pequenas peças e ou partes de um brinquedo. Alguns produtos exigem inclusive a presença de um adulto para preparo e entrega à criança, e outros necessitam da supervisão contínua dos responsáveis pelos pequenos. É preciso ter cuidado também com peças pontiagudas, com bordas que podem causar cortes, e com produtos tóxicos, como tinturas”, concluiu Dias.

 

A embalagem do produto também deve conter outras informações obrigatórias, como: dados do fabricante ou do importador, CNPJ da empresa fabricante, país de origem e material de composição, tudo isso em português.

 

OUVIDORIA

 

O consumidor pode tirar dúvidas e apresentar denúncias ou sugestões por meio da ouvidoria do Ipem-RR, no telefone (95) 99971-6066 ou (95) 99135-3061. O órgão está localizado na avenida Surumu, nº 1719, bairro São Vicente, com atendimento de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 13h30.

Avalie este item
(1 Votar)

Em alusão à campanha Outubro Rosa, o Governo de Roraima, por meio da Sesau (Secretaria de Saúde), vai reforçar as suas ações junto às mulheres com a finalidade de reforçar a prevenção contra o câncer de mama.

 

O Centro de Referência de Saúde da Mulher Maria Luiza Castro Perin, localizado no bairro Aparecida, realizará atendimento estendido para o rastreio do câncer de mama. Serão 50 vagas diárias com mastologistas e ginecologistas, além de oferta de exames de mamografia nos turnos matutino, vespertino e noturno.

 

“Aumentos as ofertas de exames de mamografia e estendemos neste mês de outubro os exames para o horário noturno. Também colocamos alguns médicos, ginecologistas e mastologistas à disposição de mulheres que não são usuárias dos nossos serviços, mas que possuem alguma queixa relacionada à mama”, destacou a diretora-geral do Centro de Referência, Marília Pinto.

 

Conforme a diretora, o diagnóstico precoce da doença ajuda a ampliar de forma positiva a respostas terapêuticas durante o tratamento, aumentando as chances de cura em mais de 90%.

 

Para isso, é necessário que a paciente esteja atenta a qualquer sinal de alteração na mama, como surgimento de caroço, espessamento da pele na região mamária, vermelhidão, descarga papilar, entre outros.

 

“O Centro de Referência possui o mamógrafo digital bastante completo e sensível, e nós realizamos mamografias durante todo ano. Neste ano estamos intensificando e conscientizando as pacientes que estão vindo à procura de outros serviços aqui na unidade, e sobre a necessidade desse cuidado a partir dos 40 anos”, reforçou Marília.

 

ORIENTANDO A PACIENTE

 

Durante este mês, a equipe multiprofissional da unidade realizará palestras de conscientização nas salas de espera. A assistente social Danuza Assunção ressalta a importância da atividade.

 

“Montamos várias equipes para fazer uma atividade diferente a cada dia, buscando a sensibilização das mulheres na detecção do câncer precoce de mama, porque vamos priorizar a informação”, completou.

 

A servidora pública Stefany Mambaru foi até a unidade para marcar uma consulta para a irmã. Ela afirmou que a iniciativa do Centro de realizar atendimentos noturnos é muito oportuna e interessante, além de dar maior conforto e tranquilidade para as pacientes.

 

“O Centro de Referência é bem equipado para que as mulheres possam se cuidar, e abriram mais vagas à noite. Isso é muito importante, porque tem mulheres que trabalham pela manhã e à tarde e só têm a noite para fazer algumas coisas”, disse.

 

ENDEREÇO

 

O Centro de Referência de Saúde da Mulher Maria Luiza Castro Perin está localizado na avenida Capitão Júlio Bezerra, nº 1632, bairro Aparecida.

Avalie este item
(1 Votar)

Instrumento que liga o cidadão aos órgãos e entidades que compõem o SUS (Sistema Único de Saúde), a OGSUS-RR (Ouvidoria-Geral da Rede Estadual do SUS) está funcionando em novo endereço. O órgão agora está localizado na avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, 1364, Bairro dos Estados, mesmo prédio do TFD (Tratamento Fora de Domicílio).

 

A mudança visa melhorar a qualidade dos serviços que são oferecidos nas unidades de saúde do Estado, conforme destaca a coordenadora do órgão, Danielle Braga.

 

“Nas ouvidorias os cidadãos podem fazer reclamações, denúncias, dar sugestões, fazer elogios e solicitar informações [sobre os serviços oferecidos pela saúde]. Mas a maior importância é intermediar as relações da população com os gestores do SUS e promover uma boa comunicação, a formação de laços de confiança e colaboração mútua”, disse.

 

As demandas podem ser feitas pela população tanto de forma presencial quanto on-line, por meio do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. De maio a agosto deste ano, a OGSUS-RR recebeu um total de 489 solicitações. Ao todo, o setor dispõe de quatro servidores.

 

Para aqueles que optarem pelo serviço presencial, o atendimento acontece de segunda à sexta-feira, das 7h às 13h. Há ainda o número de telefone (95) 984100-6188.

 

O cidadão também pode mandar suas sugestões ou queixas por meio das ouvidorias que funcionam dentro das unidades de saúde do Estado, sendo elas o Hospital Geral de Roraima Rubens de Souza Bento, Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth, Hospital das Clínicas Dr. Wilson Franco Rodrigues, Pronto Atendimento Cosme e Silva e Clínica Médica Especializada Coronel Mota.

 

Avalie este item
(1 Votar)

Como parte das atividades da 11ª Semana da Leitura, em alusão ao Dia Nacional da Leitura, celebrado em 12 de outubro, a Escola Estadual General Penha Brasil, no bairro Aparecida, em Boa Vista, está realizando uma série de atividades até sexta-feira, 14, que finaliza com uma exposição de dioramas (maquetes artísticas tridimensionais).

 

Todas as turmas estarão envolvidas no projeto, e a exposição dos trabalhos segue o plano de leitura bimestral da escola. Na manhã desta segunda-feira, 10, aconteceu a abertura da semana com exibição do filme “O Pequeno Príncipe” para os alunos das turmas do 6º ano do Ensino Fundamental.

 

“Nossa escola desenvolve bimestralmente um plano de leitura, onde cada aluno de nossa unidade tem a oportunidade de receber um livro previamente escolhido pela Sala de Leitura para realizar uma leitura autônoma”, disse a mediadora da Sala de Leitura da escola, a professora Marly Maia.

 

Além desse momento em casa, dentro da escola são realizadas leituras compartilhadas na Sala de Leitura ou ainda dentro de sala de aula com o professor titular.

 

Como culminância do processo de aprendizagem desse bimestre, os alunos farão uma exposição de dioramas, que são maquetes de apresentação artística que ilustram, de forma tridimensional, trechos dos livros lidos pelos alunos.

 

“A gente sabe que a leitura é algo fundamental na vida dos estudantes, principalmente para os adolescentes e jovens, público alvo de nossa escola. Tentamos ao máximo desenvolver esta habilidade nos alunos, portanto, esta data não poderia ficar em branco e gostaria de convidar a comunidade escolar para prestigiar a nossa exposição”, disse Marly.

 

SEMANA DA LEITURA

 

A exibição do filme desta segunda-feira foi a versão de 1974 após a leitura do clássico de Antoine de Saint Exupéry. Durante a semana os alunos serão presenteados com lembrancinhas, haverá ainda a premiação do mais bem produzido diorama.

 

Os alunos dos 6º anos interpretarão a música “Cativar” e no último dia, além da exposição, os alunos receberão uma palestra com a professora Celina do Espaço Saber sobre incentivo à leitura.

 

INCENTIVO

 

A data foi instituída através da Lei 11.869 de 8 de janeiro de 2009 em conformidade com a data mundial de incentivo à leitura comemorada no mesmo dia. Durante toda a semana, as escolas da rede estadual estarão realizando atividades para incentivar seus alunos à prática da leitura visando a melhoria do raciocínio, vocabulário e interpretação textual.

Avalie este item
(2 votos)

Estimular uma gestão participativa e colaborativa, valorizar ações que fortalecem a relação escola-comunidade e destacar as boas práticas de gestão no ambiente escolar. Estes são alguns dos objetivos do Prêmio Estadual de Gestão Escolar Professora Maria Odete Calheiros Pena, que já está na sua terceira edição.

 

O lançamento oficial do PGE 2022 acontece nesta terça-feira, 11, no auditório do Centro Estadual Profissionalizante Professor Antônio de Pinho Lima, no bairro Caranã, às 16h. O evento é organizado pela Seed (Secretaria de Educação e Desporto) por meio do Depe (Departamento de Desenvolvimento de Políticas Educacionais).

 

“Esse ano o prêmio tem como objetivo reconhecer e homenagear as escolas que se destacam pela gestão competente e participativa no desenvolvimento de ações e atividades capazes de impulsionar o processo administrativo e pedagógico, contribuindo assim para a melhoria da aprendizagem”, destacou Rosilda Garcia, diretora do Depe.

 

PÓDIO

 

Todas as escolas da rede estadual de ensino podem concorrer. Este ano, o PGE distribuirá R$ 33 mil reais em premiação para as escolas vencedoras, sendo R$ 15 mil para o primeiro lugar, R$ 10 mil para o segundo lugar e R$ 8 mil para o terceiro lugar. Os valores devem ser investidos na instituição de ensino.

 

No ano passado, a Escola Estadual Geraldo da Silva Pinto, do município de Alto Alegre, foi a vencedora com o projeto intitulado “Realidade da Comunidade Escolar durante a pandemia da Covid-19”. A escola conquistou o prêmio de R$ 8 mil reais.

 

“Esse prêmio trouxe para a escola uma valorização dos nossos servidores, desde o porteiro ao professor. Também nos proporcionou diversificar e dinamizar o nosso trabalho para que o aluno possa absolver melhor os conteúdos. Os estudantes ficaram mais motivados aos estudos. Só trouxe coisas positivas o que nos motiva a querer participar cada vez mais”, destacou André Viana, gestor da Escola Geraldo Pinto.

 

Na segunda colocação, ficou a Escola Estadual Cívico Militar Fagundes Varela, de Boa Vista, com o projeto ‘Aulas de Superação: Desafios e Reformulação do Ensino em Tempos de Pandemia’ com o prêmio de R$ 5 mil reais e em terceiro, a Escola Estadual Lobo D’Almada com o projeto “Ensino Colaborativo como Apoio a Educação Inclusiva em Tempo de Pandemia da COVID-19”, com o prêmio de R$ 3 mil reais.

 

COMO FAZER A INSCRIÇÃO?

 

Para participar, a equipe gestora deve inscrever a escola por meio do preenchimento de um formulário de inscrição e apresentação do ‘Relato de Boas Práticas’. A inscrição é on line, por meio do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. no período de 13 de outubro a 04 de novembro.

 

O regulamento completo com todas as informações para participação já foi publicado no DOE (Diário Oficial do Estado) e está disponível para consulta no endereço https://www.imprensaoficial.rr.gov.br no dia 30 de setembro.

 

De acordo com o cronograma do edital, entre os dias 07 a 18 de novembro ocorrerá a avaliação das inscrições e dos Relatos de Boas Práticas, que será realizada pelo Comitê Estadual de Avaliação. Serão selecionadas dez escolas, as quais receberão visita do Comitê entre os dias 23 a 30 de novembro. Das dez, serão escolhidas três escolas.

 

No dia 06 de dezembro será divulgada a seleção das três escolas classificadas e no dia 16 de dezembro, a divulgação do resultado e cerimônia de premiação. Todas as escolas que efetivarem a inscrição no Prêmio receberão certificados de participação.

 

PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR

 

O PGE (Prêmio Gestão Escolar) Maria Odete Calheiros Pena foi instituído pelo governador Antonio Denarium por meio do Decreto N° 29.112-E de 13 de agosto de 2020.  Seguindo os moldes da edição especial do PGE promovido pelo Consed (Conselho Nacional de Educação), o Prêmio Estadual de Gestão Escolar ‘Professora Maria Odete Calheiros Pena’ foi criado para valorizar as boas práticas escolares em tempos de pandemia.

 

Na primeira edição, realizada em 2020, o prêmio contou com a participação de 55 escolas, sendo 42 da capital, 11 do interior e 02 escolas de comunidades indígenas. A escola Estadual Major Alcides foi a vencedora desta edição.

 

Em 2021, na segunda edição, participaram 43 escolas sendo 40 da capital, uma indígena (Escola Estadual Indígena David de Souza) e duas do interior: Escola Estadual Geraldo da Silva Pinto de Alto Alegre e Colégio Estadual Militarizado Tenente João de Azevedo Cruz, de Nova Colina, Rorainópolis.

Avalie este item
(2 votos)

Dando continuidade aos negócios transfronteiriços entre as nações que compõem a Caricom (Mercado Comum e Comunidade do Caribe), o Governo de Roraima recebeu nesta segunda-feira, 10, a visita da embaixadora de Barbados, Tonika Sealy-Thompson buscando estreitar o mercado econômico entre os povos na perspectiva do desenvolvimento sustentável.

 

Na oportunidade, o governador Antonio Denarium recebeu a comitiva internacional no Palácio Senador Hélio Campos. Participaram ainda secretários estaduais, empresários, presidentes de associações e cooperativas de Roraima.

 

Para o governador, a aproximação de Roraima com os mercados caribenhos impulsiona o crescimento econômico regional. “Este novo encontro é mais um passo no nosso trabalho de viabilizar o escoamento da produtividade estadual com os países próximos do nosso Estado. É uma grande oportunidade para o desenvolvimento roraimense que vai nos permitir continuar investindo e gerando oportunidades de trabalho e renda”, declarou Denarium.

 

A embaixadora Tonika Sealy-Thompson avaliou a importância do esforço de Roraima e Barbados fomentando o desenvolvimento. “Construir relações comerciais com bons parceiros é o nosso intuito, onde consigamos alinhar os mercados, favorecer treinamento técnico e recursos humanos, além de promover intercâmbio linguístico em uma troca de experiências que seja duradoura e tenha resultados concretos e de curto prazo”, frisou.

 

O crescimento das áreas plantadas, infraestrutura e o estímulo ao agronegócio também foi discutido com a embaixadora Tonika. “Diante do potencial roraimense, nosso setor primário tem se multiplicado a cada ano, e na relação com Barbados, já estamos iniciando o processo de exportação de mercadorias para compor as demandas da ilha, onde são concentrados 67% da economia nos serviços turísticos”, informou o secretário titular da Seadi (Secretaria de Agricultura, Desenvolvimento e Inovação), Emerson Baú.

 

Ele destacou ainda o desempenho do Governo estadual na atração de novos investidores ampliando a infraestrutura roraimense.

 

“Nosso maior desafio é o escoamento da produção estadual passando pela Guiana, onde as estradas naquela região ainda estão recebendo asfaltamento e vão ganhar novas pontes até Georgetown. Isso vai facilitar o tráfego de Roraima direto aos países caribenhos e vamos poder exportar carnes, frutas e grãos. Isso sem falar em uma oportunidade logística sem precedentes para o turismo”, explicou.

 

A programação da comitiva em Roraima segue até quarta-feira, 12, com visitas técnicas a propriedades rurais de citricultura, fruticultura, pecuária, suinocultura e grãos.

Avalie este item
(2 votos)

A partir desta segunda-feira, 10, os proprietários de veículos registrados em Roraima podem verificar no site do Detran-RR (Departamento Estadual de Trânsito de Roraima) todas as infrações de trânsito aplicadas pela Smtran (Superintendência Municipal de Trânsito) da prefeitura de Boa Vista.

 

O chefe da DCVV (Direção de Controle e Condução de Veículos) do órgão estadual, Diego Aragão, informou que desde 2018, quando o município de Boa Vista entrou no Sistema Nacional de Trânsito, houve problemas de migração com as bases de infração, o que impossibilitou os proprietários de veículos de verificarem no site do Detran-RR as multas aplicadas pela prefeitura.

 

“Os motoristas consultavam a situação financeira de seu veículo no site do Detran, mas só acessavam informações sobre IPVA [Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores], licenciamento e outras taxas, além de multas do federais, de Roraima e até de outros estados. A exceção eram as infrações de responsabilidade da prefeitura de Boa Vista. Ou seja, para concluir a pesquisa, era preciso acessar dois sites para atingir o mesmo fim”, ressaltou.

 

Ele explicou ainda que, desde o ano passado, o Detran-RR trabalhava na migração da alimentação referente às multas, o que já foi concluído.

 

“Agora o cidadão terá a segurança de acessar apenas o site do Detran e conseguir visualizar todos os débitos de seu veículo sem ter que se dirigir à Smtran ou acessar o site da prefeitura. A fonte agora é unificada de informações e emite boletos e débitos de todas as instituições que compõem o trânsito”, garantiu Aragão.

 

Ainda segundo o diretor da DCCV, é possível que ocorram algumas inconsistências isoladas, mas, em caso de dúvidas, os condutores de veículos devem entrar em contato com a Coordenação do Sistema Renainf (Registro Nacional de Infrações de Trânsito) ou com a Divisão de Multas do Detran-RR.

Avalie este item
(1 Votar)

A Seed (Secretaria de Educação e Desporto) e o IFRR (Instituto Federal de Roraima) Campus Bonfim, assinaram, nesta segunda-feira, 10, um termo de cooperação para oferecer cursos técnicos a alunos do CEM (Colégio Estadual Militarizado) Aldébaro José Alcântara.

 

As aulas dos cursos técnicos serão ministradas no polo do Instituto com a participação de 120 estudantes distribuídos em quatro turmas sendo duas do curso técnico em Agroecologia, e outras duas turmas do curso técnico em Administração.

 

Em 2019, o Instituto Federal de Roraima procurou a gestão do colégio propondo a parceria para a oferta de cursos técnicos profissionalizantes concomitantes, ou seja, simultâneos às aulas regulares, para os estudantes do Ensino Médio.

 

“O diálogo com o IFRR iniciou, mas foi adiado pela pandemia. Retomamos a ideia em 2021, quando o instituto e a Seed firmaram o acordo e escolheram o Colégio Aldébaro”, disse Álvaro Flávio Rodrigues, gestor pedagógico do colégio estadual.

 

AULAS

 

Os alunos farão as aulas técnicas no horário oposto ao das convencionais e em dias alternados, de forma a não sobrecarregar os alunos. Os cursos terão duração mínima de três semestres e duração máxima de seis para atender estudantes das 1ª e 2ª séries do Ensino Médio da unidade. As matrículas foram efetuadas em setembro.

 

A parceria entre as instituições vem de encontro ao que propõe o Novo Ensino Médio, que está sendo implementado em todo o país.

 

O novo modelo propõe mudanças como o aumento da carga horária anual de 800 horas para 1000 horas, a inclusão de disciplinas eletivas (voltadas ao interesse dos estudantes), além de projeto de vida e itinerários formativos que contemplem a formação técnica profissional.

 

Atualmente, de 153 escolas estaduais de Roraima que ofertam o Ensino Médio, 14 já estão inseridas no novo modelo. Até 2024, 139 escolas devem concluir a implementação.

Avalie este item
(1 Votar)

O Corpo de Bombeiros Militar de Roraima informa à população que já registrou os primeiros focos de incêndio em vegetação em Roraima referentes ao verão 2022/2023. A ocorrência de incêndios em vegetação, conhecida como incêndios florestais, são sazonais em Roraima e sempre ocorrem no período do verão.

 

Em 2022, o CBMRR registrou algumas ocorrências no início do ano e, após o inverno, voltou a realizar alguns atendimentos.

 

“Apesar de ainda termos chuvas em todo o Estado, já é possível perceber um aumento normal da temperatura e, consequentemente, o aumento das ocorrências de incêndio em vegetação”, disse o gerente de Proteção e Defesa Civil de Roraima, capitão Rodrigo Maciel.

 

Para atender as primeiras demandas que estão surgindo, o CBMRR já trabalha com o emprego de guarnições de combate a incêndios florestais em Boa Vista.

 

“Devido à demanda crescente, começamos a trabalhar desde o início de outubro com duas guarnições exclusivas para atender as solicitações referente a incêndios florestais. As guarnições mistas, Bombeiros Militares e Brigadistas de Proteção e Defesa Civil, estão preparadas e equipadas para atuar em caso de necessidade", informou o Coronel Anderson Carvalho de Matos, Comandante Geral do CBMRR e Coordenador Estadual de Proteção e Defesa Civil.

 

OCORRÊNCIAS POR PERÍODOS

 

De janeiro a setembro de 2022, o Corpo de Bombeiros Militar de Roraima registrou 389 ocorrências envolvendo incêndios florestais. No mesmo período do ano passado, a corporação havia registrado 119, ou seja, um aumento de 227%.

 

Os anos de 2019 e 2020 foram os que mais registraram atendimentos de incêndio florestais. Entre janeiro e setembro de 2019 e 2020, o CBMRR verificou, respectivamente, 1094 e 747.

 

“O ano de 2021 foi diferente da normal climatológica. Tivemos um inverno rigoroso e prolongado, com chuvas que iniciaram muito cedo e demoraram para terminar. Isso diminuiu bastante a quantidade de ocorrências no ano passado. Em 2022, a expectativa é que tenhamos o retorno à normalidade”, disse o capitão Rodrigo Maciel.

 

RECOMENDAÇÕES

 

O CBMRR reforça que a queima de vegetação sem a devida autorização dos órgãos competentes é crime ambiental, passível de sanções civis e criminais.

 

 

A corporação orienta a população a não atear fogo para limpeza de terrenos urbanos, lotes rurais ou queima de lixo. O clima quente e a vegetação seca, juntamente com ventos fortes, auxiliam na propagação das chamas, fazendo com que o incêndio atinja áreas adjacentes, podendo causar danos às pessoas, aos animais, ao meio ambiente e ao patrimônio.

Avalie este item
(2 votos)

O Governo de Roraima inicia, na próxima segunda-feira, 10, a Agulha Oficial, vacinação contra febre aftosa dos rebanhos das comunidades indígenas, com o deslocamento das equipes da Aderr (Agência de Defesa Agropecuária de Roraima), em parceria com o Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento). O trabalho será feito nos municípios de Pacaraima, Uiramutã e Normandia, na região das terras indígenas Raposa/Serra do Sol e São Marcos.

 

A meta é vacinar 50 mil cabeças distribuídas em 450 rebanhos nas comunidades indígenas. Entre 10 a 23 de outubro, seis equipes irão trabalhar em uma ação conjunta entre Aderr, Mapa e Funai (Fundação Nacional do Índio).

 

O presidente da Aderr, Marcelo Parisi, lembrou que na última campanha, foram vacinados 48.364 animais. A tendência é o aumento da imunização, já que o rebanho das comunidades tem aumentado. Ele também destacou a participação importante dos indígenas na Agulha Oficial.

 

“Vale ressaltar a colaboração valiosa dos indígenas, que a cada campanha têm participado efetivamente, prendendo os animais, consertando os currais, dando o suporte para os raposeiros e nos recebendo com muita cordialidade. Hoje eles têm muita consciência da importância da vacinação na proteção dos rebanhos.”

 

Segundo a Coordenadora Agropecuária Região Norte, Ingryd Mota, que atua como supervisora durante a Agulha Oficial, serão 45 dias de trabalho nas comunidades.

 

“Em um primeiro momento a gente faz [a Agulha Oficial] na região de São Marcos, em Pacaraima, avançando na segunda quinzena para o Uiramutã, e finalizamos a vacinação no município de Normandia”, ressaltou Ingryd.

 

PECUÁRIA INDÍGENA

 

De acordo com historiadores, quando os indígenas trabalhavam nas fazendas locais na década de 1970, eles aprenderam o manejo com os bovinos, o que ajudou a criar uma cultura entre eles de ter seus próprios animais. Com a saída dos fazendeiros, eles assumiram os pastos e começaram a investir na pecuária, que é feita de forma comunitária.

 

Com aproximadamente 50 mil animais, o rebanho das comunidades indígenas tem crescido ao longo dos anos e a tendência é aumentar, pois eles estão cada vez mais se aperfeiçoando e melhorando técnicas, genética, estrutura física e compreendendo o valor da pecuária para a própria economia.

 

“A Agulha Oficial, que neste ano completa 12 anos de trabalho, é uma ação importante para a imunização dos rebanhos nas comunidades indígenas. É um serviço feito pelo Mapa, Funai e Governo de Roraima, por meio da Aderr, que ajuda a manter a sanidade dos rebanhos na região de fronteira, além de garantir nosso status de área livre de febre aftosa com vacinação”, enfatizou o governador Antonio Denarium.

 

OBSTÁCULOS

 

O presidente da Aderr, Marcelo Parisi, lembrou das dificuldades que foram enfrentadas pelos vacinadores da Agulha Oficial para cumprir com a cobertura vacinal projetada nas campanhas.

 

“Foram muitos obstáculos nesses 12 anos, mas, apesar dos obstáculos, sempre houve êxito nas ações. Hoje, existem rotas georreferenciadas, comunicação por internet, participação massiva dos indígenas, melhorias nas estruturas físicas, dentre outros benefícios que facilitam os trabalhos dos vacinadores”, disse.

Avalie este item
(1 Votar)

O titular da Seadi (Secretaria de Agricultura, Desenvolvimento e Inovação), Emerson Baú, foi entrevistado, nesse sábado, 8, pelo jornalista Ribamar Rocha, apresentador do Programa Gestão em Foco da Rádio Roraima AM-590.

Na oportunidade, ele destacou o crescimento econômico estadual conquistado nos últimos anos, além da projeção do Plano Roraima 2030 impactando na Agricultura Familiar e Indígena, Indústria, Comércio, Serviços, Infraestrutura, Segurança, Educação, Bem-Estar, Saúde e Desenvolvimento Sustentável.

“A cada ano, o Governo de Roraima vem elevando os indicadores econômicos do Estado, promovendo trabalho e renda para o povo. Nesse intuito, nosso esforço contínuo tem sido destaque na imprensa geral, além do Tesouro Nacional que pela segunda vez consecutiva avaliou Roraima com nota A, a máxima em Capacidade de Pagamento, indicando a situação fiscal de Municípios e Estados capazes de sanar suas dívidas”, explicou Baú.

 

Plano Roraima 2030

 

Segundo o secretário, até 2027 o governo já projeta uma performance de 100% no alcance do Plano Roraima 2030. “Trabalhamos no intuito de antecipar as metas desta gestão, também para mantermos nossa credibilidade com o serviço público estadual diante do reconhecimento regional, nacional e internacional, já que Roraima agrega uma tríplice-fronteira estratégica para o agronegócio, agroindústria, turismo e cultura”, disse.

Ainda cruzando os objetivos do Roraima 2030, Baú reforçou a garantia da propriedade urbana e rural, destacou a gestão integrada do Governo do Estado e o trabalho desenvolvido para promover o crescimento socioeconômico.

“Trabalhando de forma integrada, as secretarias têm fomentado segurança jurídica, assistência técnica, além de crédito para o pequeno empreendedor investir e crescer de forma autônoma. Vivemos ainda o melhor período em Roraima na valorização do patrimônio. E nesse caminho, também trabalhamos a transição da independência do setor público, num momento em que 48,5% da nossa economia ainda circula nesse sentido. Contudo, até 2030 nossa estimativa é reduzir o percentual de participação da gestão pública para 30%, favorecendo um crescimento médio da nossa produção interna bruta de 5% ao ano”, observou.

 

Agricultura Familiar

 

Na Agricultura Familiar, Baú destacou a atuação do governo estadual na atração de investidores de maior porte junto aos pequenos produtores. “Estamos estruturando as cadeias produtivas da suinocultura, avicultura, fruticultura, citricultura, horticultura, grãos e outros, viabilizando suporte, além do incentivo para a capacitação técnica operacional, com apoio do Sistema S, das Federações e das Universidades Estadual e Federal que asseguram a formação profissional, fomentando o desenvolvimento com técnicas de inovação para quem trabalha e produz suprir a necessidade dos investidores”, referiu.

 

Distrito Industrial

 

Sobre o Distrito Industrial, o secretário destacou avanços na implantação de médias e grandes empresas no local e reforçou que novos polos serão implantados no interior.

“A gestão atual do governo é bastante expressa na articulação dos negócios. Com o Distrito Industrial na Capital, observamos hoje uma vitrine de obras a céu aberto. Também vem acontecendo a revitalização de ruas e avenidas, iluminação e demais obras de melhorias necessárias, além da regularização de lotes e empresas. Já no interior, o mesmo favorecimento econômico será implantado, tendo Rorainópolis e Bonfim seus polos industriais, enquanto Roraima se destaca entre os Estados que mais recebem investidores de outras regiões e países, favorecendo a circulação da moeda interna com efeito multiplicador”, exclamou.

 

Desenvolvimento Estadual

 

Concluindo a entrevista, Baú falou sobre inovação e reforçou a atuação da Seadi junto ao eixo de desenvolvimento estadual.

“O Governo de Roraima está transformando o nosso Estado também com inovação. Estamos melhorando os benefícios fiscais e logo os problemas energéticos e de internet também serão sanados. Este esforço, além da Seadi, é um conjunto de atitudes da Femarh (Fundação Estadual Meio Ambiente e Recursos Hídricos), Iater (Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural), Desenvolve Roraima, Iteraima (Instituto de Terras e Colonização de Roraima), Aderr (Agência de Defesa Agropecuária), Codesaima, (Companhia de Desenvolvimento de Roraima) e SEI (Secretaria do Índio)”, finalizou.

Avalie este item
(1 Votar)

O trabalho de divulgação do Estado realizado pelo Governo de Roraima, por meio de parcerias e mostras em feiras e eventos voltados ao turismo, tem atraído os olhares de turistas de todo o Brasil. Entre esses olhares, estão o de influenciadores digitais, que chegam para mostrar o que temos de melhor.

 

Entre esses influenciadores digitais, estão o casal de jornalistas Carina Furlanetto e João Paulo Mileski, responsáveis pela página do Instagram Crônicas na Bagagem, com 134 mil seguidores na plataforma, além de outros 21 mil no Facebook.

 

A bordo de um carro popular, o casal de Bento Gonçalves (RS) está há mais de 500 dias explorando as belezas naturais do Brasil e, na terça-feira, 4, chegaram à Roraima para conhecer vários pontos turísticos dos municípios do Estado. Eles também devem subir o Monte Roraima.

 

VOLTA AO ESTADO

 

A viagem pelo Brasil é, na verdade, uma continuação da aventura de 14 meses por dez países da América do Sul, iniciada em 2019. As experiências dessa viagem foram contadas no livro “Crônicas na Bagagem: 421 dias na estrada - uma jornada de desprendimento pela América do Sul”, escrito por Carina e João Paulo.

 

O trajeto foi interrompido em 2020, quando teve início o período de pandemia da Covid-19. A essa altura, o casal já havia conhecido alguns Estados da Região Norte, dentre eles, Roraima. Agora eles voltam para conhecer melhor o Estado, e contaram com o apoio da Secult (Secretaria de Cultura e Turismo). “Retomamos em maio do ano passado e voltamos para a estrada com o objetivo de passar por todos os Estados do Brasil numa única expedição. A gente repetiu os lugares que já tínhamos passado. Roraima é um desses destinos, mas decidimos voltar porque ficaram alguns atrativos para conhecer”, explicou Carina. O casal deve ficar por volta de 30 a 40 dias conhecendo o Estado.

 

Programa do Governo de Roraima possibilitou vinda de influenciadores

 

Durante o ano de 2022, o Governo de Roraima firmou várias parcerias para fomentar o turismo local. Uma dessas parcerias foi com a Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas) e a Fornatur (Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo). 

 

A atual gestão e a instituição trouxeram, pelo programa “Voar de Novo”, cinco influenciadores digitais, que conheceram o Estado em vários segmentos, sendo eles:

 

Guilherme Serpa: influenciador digital especializado em observação de aves, viajou para os municípios de Caracaraí e Amajari, locais com a maior concentração de aves do Estado;

 

Elizabeth Werneck: influenciadora digital com 137 mil seguidores no Instagram, veio à Roraima para conhecer o etnoturismo na comunidade Raposa I, em Normandia;

 

Vergílios na Trip: Pai e filho, os influenciadores digitais Cristiano e Leonardo Vergilio possuem, somente no TikTok, cerca de 1,3 milhão de seguidores. Em Roraima, conheceram parques aquáticos, balneários e cachoeiras dos municípios turísticos;

 

Mariella Lazaretti: editora da revista “Prazeres da Mesa”, conheceu um pouco da culinária roraimense. Na rota gastronômica, esteve os municípios de Boa Vista, Pacaraima e Amajari;

 

Lucian Grillo: administrador da página “Os Lugares Incríveis do Brasil”, possui mais de 1 milhão de seguidores no Instagram. Veio a Roraima para conhecer os roteiros de ecoturismo na Serra do Tepequém e de etnoturismo na região de Uiramutã.

 

O diretor do Departamento de Turismo da Secult, Bruno Muniz de Brito, disse que 2022 foi um ano desafiador por conta do crescimento do setor em Roraima. Porém, o resultado desse esforço trouxe um novo olhar para o Estado, o que inclui a vinda dos influenciadores digitais. “Isso é motivo de orgulho pra nós, pois vai oportunizar ainda mais a nossa divulgação junto a esses públicos influenciadores, junto a esses profissionais que trabalham com comunicação e que apresentam a sua experiência de viagem para um número cada vez maior de pessoas que certamente ficarão muito interessados e estimulados a nos visitar”, disse Bruno.

Avalie este item
(1 Votar)

A PCRR (Polícia Civil de Roraima) iniciou nesta quinta-feira, 6, o Curso de Autoproteção Policial e Saque Velado, ofertado exclusivamente para policiais civis.

 

De acordo com a diretora do DPE (Departamento de Polícia Especializada), delegada Elivânia Aguiar, o curso integra o Programa de Capacitação Continuada, e tem como objetivo, aprimorar os policiais sobre técnicas para autoproteção dentro e fora do ambiente de trabalho.

 

“Ao todo, estão inscritos no curso 30 policiais de diversas unidades e áreas. Capacitações como estas visam aperfeiçoar os profissionais em relação à proteção pessoal de cada um”, destacou a delegada.

 

A instrução está sendo ministrada pelo agente carcerário James Vasconcelos e o policial penal da Paraíba, Lucas Leal.

 

Segundo Leal, o curso é fundamental para que os policiais saibam como se portar em momentos de risco, que geralmente acontecem em horário de folga.

 

“É imprescindível que o policial saiba como se proteger da maneira correta durante sua folga, proteger sua família ou em caso de legítima defesa”, disse o instrutor.

 

PRÓXIMA TURMA

 

O curso terá uma nova turma no dia 18 deste mês. As inscrições serão realizadas entre os dias 10 a 14 de outubro, exclusivas para policiais civis.

 

Avalie este item
(1 Votar)

A partir de segunda-feira, dia 10 de outubro, a Sejuc (Secretaria de Justiça e Cidadania) vai retornar com as visitas das crianças e adolescentes nas unidades prisionais do Estado. A visitação ocorrerá durante todo esse mês de outubro, sendo retomada a cada três meses.

 

A medida leva em consideração a necessidade de reforçar, resgatar e preservar vínculos afetivos, sociais e familiares, de modo a contribuir com a reinserção social do reeducando junto à sociedade.

 

A proposta vai beneficiar as crianças com idade entre cinco e 12 anos e adolescentes de 12 a 18 anos, conforme explicou o secretário de Justiça e Cidadania, André Fernandes. “Nós vamos retornar com as visitas das crianças agora no mês de outubro. A partir de segunda-feira nós daremos início às visitas em nossas unidades”, reforçou.

 

A iniciativa vale para aqueles que possuem o cadastro no sistema e estejam acompanhados dos pais ou responsáveis, que poderão visitar os familiares internos do sistema prisional.

 

COMUNICADO

 

Além disso, a direção informou por meio de um comunicado que será exigido, obrigatoriamente, por medida de preservação da saúde dos reeducandos, o teste negativo de covid-19 para todos os visitantes, inclusive crianças, realizado no máximo 72h antes da data da visita.

 

Para facilitar o atendimento, a Sejuc informou ainda que vai fornecer através do Estado, em parceria com a Sesau (Secretaria de Saúde) um ponto de apoio na secretaria de Justiça para a realizar as testagens.

 

Os exames já podem ser realizados nos dias 7, 10, 11, 12 e 15 de outubro. Os horários para os atendimentos se iniciam pela manhã das 8h às 12h e pela tarde, das 14h às 17h30.

 

REGULAMENTO

 

A Sejuc publicou também, nesta segunda-feira, 6, a portaria Nº 783, que traz todos os regulamentos de entrada de crianças e adolescentes para visitas nas unidades prisionais de Roraima.

 

Para facilitar o processo de visitação, os interessados poderão ter acesso às informações contidas no documento afixado no mural da secretaria.

 

Avalie este item
(1 Votar)

Profissionais da Sesau (Secretaria de Saúde) e acadêmicos de cursos voltados para a área de saúde participaram nesta quinta-feira, 6, de uma qualificação voltada para a melhoria de fluxos de trabalho em hospitais públicos. A ação é uma iniciativa do Ministério da Saúde com o Hospital Sírio Libanês e o Conass (Conselho Nacional das Secretarias de Saúde).

 

Realizada pela manhã, a atividade teve como foco a gestão de programas de residência médica, em complementação aos cursos de preceptoria e especialização do SUS e qualificação de segurança do paciente. 

 

O secretário-adjunto da Sesau, Edson Castro, ressaltou a importância do curso para o HGR (Hospital Geral de Roraima Rubens de Souza Bento) e o HMI (Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth), consideradas as duas unidades de referência hospitalar do Estado.

 

“Como a saúde vem passando por transformações nos últimos meses, essa parceria é mais um fator que nos ajuda a reavivar os nossos programas de residência médica, tanto no HGR quanto na Maternidade. Ou seja, analisar os fluxos, os protocolos e as dinâmicas que são aplicadas em São Paulo, nos grandes centros [urbanos], e trazer para o nosso estado”, afirmou.

 

Ao todo, a atividade de hoje contou com a participação de 40 pessoas que fizeram a apresentação de seus projetos para os representantes da Maternidade e HGR.

 

“Os cursos estão acontecendo em Boa Vista desde fevereiro de 2022. São três cursos de especialização que qualificam nos programas de residência e do cuidado com o paciente, refletindo na melhoria da assistência à população no SUS”, pontuou representante do Sírio Libanês, Akemi Fuonke.

 

Segundo a diretora do DGES (Departamento de Gestão da Educação na Saúde), Márcia Máximo, o principal intuito é colocar em prática os projetos propostos pelos acadêmicos, resultando em melhorias na assistência aos pacientes do SUS.

 

“A importância desse evento é exatamente atender aos anseios que os gestores e os servidores tem, que é estar em constante capacitação dos profissionais. Esse curso é um dos melhores, estão se especializando para orientar os nossos próprios alunos e servidores”, enfatizou a diretora.

 

Fisioterapeuta do HGR há 10 anos, Evair Rocha foi um dos servidores selecionados para participar da especialização. Ele afirmou que apresentou para os representantes do Sírio Libanês uma proposta de qualidade e segurança do paciente.

 

“O curso tem sido muito importante, porque na formação acadêmica não somos acostumados a trabalhar essa prática de segurança. Para a população, isso dará a garantia de que ela será recebida com segurança, humanização, qualidade e que ela possa ter o seu problema resolvido de forma justa e adequada dentro da unidade”, salientou.

Avalie este item
(0 votos)

A Aderr (Agência de Defesa Agropecuária do Estado de Roraima) retornou com as atividades de educação sanitária em escolas públicas e privadas. O objetivo é esclarecer a um público específico da sociedade sobre o cuidado com os alimentos consumidos.

 

Segundo o presidente da Aderr, Marcelo Parisi, a meta é que a GPOA (Gerência de Produtos de Origem Animal), do órgão, leve informações mais precisas para adolescentes em idade escolar para torná-los consumidores conscientes. Serão ministradas diversas palestras nos próximos meses em escolas públicas e privadas da rede estadual.

 

“Estamos levando um conhecimento para o público jovem para que se tornem multiplicadores, conscientizando suas famílias e amigos sobre a necessidade do consumo saudável para evitar doenças que podem levar até a morte”, destacou Parisi.

 

PALESTRA

 

O fiscal agropecuário e médico veterinário Haroldo Trajano e a técnica e fiscal agropecuária Raqueline Sousa, ministraram palestra, nesta quinta-feira, 6, sobre educação sanitária para alunos do Colégio Adventista de Boa Vista.

 

Na ocasião foram abordados temas relativos ao consumo de produtos de origem animal legal, segurança dos alimentos e a atuação do médico veterinário na cadeia alimentar. Ao todo foram duas palestras, pela manhã e pela tarde, com um público aproximado de 240 crianças.

 

Carnes, leites, embutidos, mel, ovos e derivados podem ser consumidos com segurança, basta que se tomem os cuidados recomendados pelos técnicos, como, por exemplo, produtos que sejam inspecionados e fiscalizados, identificados pelo carimbo do serviço de inspeção pública.

 

“Nosso trabalho é levar informações ao público adolescente das escolas públicas e privadas com o objetivo de formar consumidores conscientes de seus direitos previstos no código do consumidor”, enfatizou Trajano.

Avalie este item
(0 votos)

O Detran-RR (Departamento Estadual de Trânsito de Roraima) participa do Encontro Regional de Educadores Etapa Norte, promovido pela Senatran (Secretaria Nacional de Trânsito). O evento ocorre nesta quinta, 6, e sexta-feira, 7, em Palmas, capital do Tocantins.

 

Nesses dois dias, acontecem oficinas e palestras que abordam várias questões como redução de acidentes, a segurança e a paz no trânsito, estratégias de mobilidade, entre outros assuntos.

 

O Encontro Regional de Educadores, realizado em todo o País, é dividido por regiões, tem como objetivo aproximar a Senatran das entidades e órgãos do SNT (Sistema Nacional de Trânsito), no campo da educação para o trânsito, identificando desafios e buscando a construção de uma agenda conjunta, tendo como base o Pnatrans (Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito).

 

Para o Educatran, os Detrans do Norte enviaram, previamente, dez temas e cinco foram escolhidos para serem apresentados no evento. O Detran-RR participa com o tema “Ações educativas para o trânsito com alunos do ensino médio, fundamental, EJA (Educação de Jovens e Adultos), empresas públicas e privadas e servidores”.

 

O órgão de Roraima está sendo representado pelo chefe da DPET (Divisão de Prevenção e Educação para o Trânsito), Milton Emílio Melo de Oliveira.

 

“É importante nossa participação nesse evento, porque podemos contribuir de maneira significativa para mudar o atual quadro do trânsito no País, por meio dessa ação que já desenvolvemos em Roraima”, ressaltou Milton Emílio.

 

“Os motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres precisam de mais ações de conscientização e aí é que entra a educação para o trânsito, que é capaz de construir valores, para nos tornarmos mais solidários, gentis e responsáveis para salvarmos vidas”, finalizou.

 

Publish modules to the "off-canvas" position.

Orjinal cialis sipariş hattı orjinal cialis resmi sitesi olan https://cialispillshop.com adresidir. mert tesisat