Mostrando itens por marcador: governoderoraima

O Governo de Roraima inicia na próxima segunda-feira,10, a contratação e lotação de 273 profissionais de copa e cozinha (merendeiros) que irão atuar nas escolas indígenas da rede estadual de ensino.

“Recentemente contratamos através de um processo seletivo, 248 merendeiros para atuarem nas escolas não indígenas da capital e do interior. Desta vez, as escolas indígenas estão sendo contempladas com novos profissionais. Além de atender as unidades de ensino com as contratações, também geramos empregos e fomentamos a economia de cada localidade”, destacou o governador Antonio Denarium.

O certame ofertou 273 vagas e contou com 705 candidatos inscritos. O resultado final foi publicado no DOE (Diário Oficial do Estado) no dia 30 de dezembro de 2021. Os profissionais de copa e cozinha contratados terão uma carga horária de trabalho de 40 horas semanais e remuneração de R$ 1.200.

Entre as atribuições destes profissionais estão o recebimento, armazenamento e organização do fluxo dos alimentos na escola, além de preparar e servir a alimentação. Também precisam ter boas práticas de copa e cozinha e conhecimento sobre a manipulação segura dos alimentos.

Depois da contratação, os profissionais vão passar por capacitação para melhor atender os estudantes na oferta da alimentação escolar.

Lotação será realizada por município em dias diferentes

Segundo a presidente da Comissão do Processo Seletivo, Rosalete Saldanha, os convocados devem comparecer ao DRH (Departamento de Recursos Humanos) da Seed (Secretaria de Educação e Desporto), no horário das 7h30 às 13h30.

“Os candidatos devem apresentar todos os documentos exigidos em edital para a assinatura do contrato. Além disso, o profissional receberá um documento de apresentação para dirigir-se à escola em que será lotado”, explicou Rosalete.

De acordo com o quadro de atendimento, a lotação para os convocados do município de Uiramutã ocorrerá seguindo a ordem de classificação. Os classificados dos números 01 a 60, devem comparecer à Seed no dia 10, enquanto os classificados dos números 61 a 76 devem se apresentar na terça-feira, 11. Os demais classificados serão atendidos até sexta-feira, 14, conforme quadro abaixo.

 

DATA DO ATENDIMENTO

CLASSIFICADOS NOS MUNICÍPIOS

11/01

Bonfim, Cantá, Caroebe e São João da

Baliza (todos os classificados)

12/01

Alto Alegre, Amajari e Boa Vista-Rural

(todos os classificados)

13/01

Normandia (todos os classificados)

14/01

Pacaraima (todos os classificados)

Publicado em DESTAQUES

Os 100 novos servidores do Governo de Roraima aprovados no processo seletivo para contratação temporária da Secretaria das Cidades, participam nos dias 5 e 6 de janeiro de 2022, de um treinamento funcional. As atividades ocorrem pela manhã e tarde na Univirr (Universidade Virtual de Roraima).

A capacitação tem como objetivo orientar e melhorar a qualidade de trabalho dos servidores no dia a dia. A diretora do Departamento de Desenvolvimento Urbano e Regional da Secretaria das Cidades, Angélica Silva, ministrou o tema Inteligência Emocional. Ela relatou que esse tipo de treinamento pode contribuir e melhorar o relacionamento entre os novos servidores e as pessoas.

“O Governo de Roraima teve essa preocupação em treinar os novos servidores em poder levar de maneira mais humanizada todas as ações governamentais, fazendo com que as pessoas estejam mais próximas do Governo, não apenas como instituição, mas como um ente acolhedor, preocupado com as famílias”, ressaltou.

Angélica disse ainda que os servidores serão mais um elo do Governo com a população.  “Eles também vão levar o que aprenderam e assim serão conectores na resposta das necessidades, com a empatia e relações interpessoais, fazendo com que o trabalho do Governo do Estado chegue de forma mais rápida, melhor e com mais qualidade”, ressaltou.

Entre os aprovados, Moisés Levi, falou sobre a nova oportunidade de trabalho e explicou como isso será fundamental no desempenho da função.

“Eu acredito que é de suma importância o governo promover esse tipo de ação, porque vai dar oportunidade a algumas pessoas que estão desempregadas. Nós sabemos que muitas pessoas ficaram desempregadas por conta da pandemia e ter essa oportunidade é gerar empregos na cidade, é gerar renda. Acreditamos que o Governo está de parabéns por essa atitude”, destacou.

Sobre o treinamento, Levi disse que as palestras e seminários ajudam a somar esforços para ampliar o conhecimento de maneira prática para a sociedade.

“A capacitação é sempre bem-vinda, nós precisamos gerar conhecimento e eu acredito que o conhecimento muda as coisas. Então a capacitação vem no momento para que a gente possa aprender e também implantar o nosso conhecimento, levando até a comunidade. Então, vamos levar esse conhecimento e aplicar na nossa sociedade”, observou.

O senhor Maurício Teixeira também está participando do treinamento junto aos novos colegas seletivados. Para ele, o curso mostra como se portar diante das adversidades e de que maneira poderão enfrentar os problemas quando estiverem atuando em campo.

“É preciso estar sempre preparado, pois acredito que com esse treinamento, com esse curso, teremos uma maior capacidade de entender e saber que melhorias a população precisa. Também saberemos as dificuldades e os problemas que cada um vem enfrentando. Assim, o Governo terá condições de levar políticas sociais para as pessoas que mais precisam”, completou.

Publicado em DESTAQUES
Quinta, 06 Janeiro 2022 08:49

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

O Governo de Roraima, por meio da  Sesau (Secretaria de Saúde), e do COERR (Centro de Operações Especiais de Saúde Pública de Roraima) torna pública a divulgação do BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO PARA ATUALIZAÇÃO SOBRE O CORONAVÍRUS.

A divulgação da situação epidemiológica com relação à doença faz parte do Plano de Contingenciamento montado pelas autoridades de saúde do Estado. As publicações vão ocorrer diariamente no site da Sesau (www.saude.rr.gov.br) e no portal roraimacontraocorona.rr.gov.br.

A nova atualização informa o Estado contabiliza até o momento 364.021 notificações para a COVID-19, de acordo com os critérios de definição de caso do Ministério da Saúde.

Destes 129.452 foram confirmados, sendo 26.848 por RT-PCR e 102.604 por teste rápido, 234.569 descartados, sendo 62.733 por RT-PCR e 171.836 por teste rápido e 2.078 óbitos.

Com relação apenas as confirmações para a doença 1.697 em Alto Alegre, 1.187 no Amajari, 99.453 casos foram notificados em Boa Vista, 2.556 em Bonfim, 2.574 no Cantá, 2.724 em Caracaraí, 2.061 em Caroebe, 1.440 em Iracema, 2.402 em Mucajaí, 648 em Normandia, 2.443 em Pacaraima, 3.438 em Rorainópolis, 1.681 em São João da Baliza, 723 em São Luiz e 1.199 em Uiramutã.

Já sobre os casos descartados, 3.252 em Alto Alegre, 2.361 em Amajari, 184.461 notificações ocorreram em Boa Vista, 5.023 em Bonfim, 3.643 no Cantá, 3.938 em Caracaraí, 2.780 em Caroebe, 1.842 em Iracema, 3.749 em Mucajaí, 1.008  em Normandia, 7.697 em Pacaraima, 5.352 em Rorainópolis, 2.649 em São João da Baliza, 1.674 em São Luís e 739 em Uiramutã.

O Estado também contabiliza 2.078 óbitos por Coronavírus (COVID-19), 39 em Alto Alegre, 25 em Amajarí, 1.566 no município de Boa Vista, 36 no Bonfim, 42 no Cantá, 61 em Caracaraí, 21 em Caroebe, 18 em Iracema, 47 em Mucajaí, 36 em Normandia, 50 em Pacaraima, 69 em Rorainópolis, 12 em São João da Baliza, 13 São Luiz e 22 em Uiramutã.

Além disso, 126.760 pacientes diagnosticados com a doença receberam alta de isolamento e encontram-se recuperados. Deste total, 1.657 em Alto Alegre, 1.160 em Amajari, 97.312 são de Boa Vista, 2.518 de Bonfim, 2.531 no Cantá, 2.663 em Caracaraí, 2.030 em Caroebe, 1.422 em Iracema, 2.352 em Mucajaí, 612 em Normandia, 2.386 em Pacaraima, 3.367 em Rorainópolis, 1.667 em São João da Baliza, 710 de São Luiz e 1.176 em Uiramutã.

Por conta do crescimento de casos, a OMS (Organização Mundial de Saúde) declarou que o mundo vive uma pandemia da doença.

Publicado em DESTAQUES

O governador Antonio Denarium se reuniu nesta quarta-feira, 5, com representantes do Sindifisco (Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Federal) e de empresas de transporte de cargas, para intermediar conversa entre a categoria e o Governo Federal.

A intermediação se mostrou necessária, uma vez que os auditores fiscais da Receita Federal decidiram paralisar suas atividades nas áreas de fronteira desde a segunda-feira, 3. Com isso, 800 carretas estão paradas entre o Amazonas e Roraima, sem poder exportar a produção.

Para auxiliar na negociação, o chefe do Executivo entrou em contato com o ministro da Economia, Paulo Guedes e o chefe-geral da Receita Federal em Brasília, Júlio César Vieira, que se mostraram sensibilizados com as reinvindicações da categoria.

"Estão abertas as negociações para o reconhecimento do bônus salarial, de todos os auditores fiscais da Receita Federal. E o Governo de Roraima se sensibiliza com os caminhoneiros e as transportadoras que estão paradas. Reconhecendo também a necessidade de da reposição salarial dos auditores da Receita Federal", frisou Denarium.

Representante do Sindifisco, Rafael Anselmo Moreira salientou que a mais de cinco anos, os auditores fiscais da Receita Federal em todo o Brasil lutam por um acordo salarial e também para reverter o recente corte orçamentário, que teria reduzido a capacidade de operacionalizar as importações e exportações.

"Por conta disso, a gente entrou em contato com com o governador Denarium e ele prontamente nos ofereceu o seu apoio político. Com isso, a gente espera que nossos pleitos sejam atendidos e de imediato, nós vamos liberar as cargas que estão retidas lá na fronteira de Pacaraima com a Venezuela", concluiu.

Publicado em DESTAQUES

Janeiro é o mês dedicado à conscientização para os cuidados com a saúde mental. Por isso, na Clínica Especializada Coronel Mota, o cuidado e atenção com a saúde mental está sendo fortalecido essa semana, por meio de atividades voltadas para servidores e pacientes da Unidade.

Nesta quarta-feira, 5, profissionais da equipe de psiquiatria da unidade realizaram um momento de descontração para pacientes que aguardavam o atendimento, com muita música e mensagens de conforto e incentivo ao realizar a entrega de flores e chocolates.

Para a equipe, o momento serviu para mostrar que os pacientes não estão sozinhos e que o mês de janeiro vem como uma folha em branco para traçar novos caminhos e estimular a compreensão de que, igual ao físico, a mente também requer cuidados especiais.

“Os cuidados com a saúde mental são muito importantes. São inúmeras doenças associadas ao estresse, por conta do ritmo acelerado que as pessoas têm hoje. Por isso, todos precisam estar atentos com os cuidados com o corpo e a mente, pois somos como uma engrenagem, onde cada peça deve estar bem para que o organismo por completo esteja pronto para o dia-a-dia”, destacou o governador Antonio Denarium.

A enfermeira Daysimara Montealto, que fez parte da ação, reforça que o foco é o cuidado com os pacientes, mas que os servidores também precisam de atenção.

“O janeiro branco tem o foco em trazer novas perspectivas, como é o primeiro mês do ano, temos em pensamento iniciar novas metas, deixar para trás o que passou e aqui tanto usuários, quanto servidores que atuam em áreas de pressão extrema, psicológica ou não, merecem receber a mensagem de esclarecimentos e conscientização da promoção de bem-estar físico, social e mental”, destacou a enfermeira.

Para Jardison Trindade, que buscou a unidade para agendar uma consulta com o psicólogo, a entrega das flores foi muito especial e representa a preocupação da equipe com os pacientes.

“Queria parabenizar toda a equipe, fiquei surpreso com a ação, todos estão de parabéns. Foi um momento muito lindo. Hoje mais do que nunca, sei o quanto a saúde mental é importante", completou.

Programação encerra na sexta-feira

Na quinta-feira, 6, a partir das 9h30, o momento de conscientização continua.

A equipe multiprofissional percorrerá os corredores da unidade cantando diversas músicas em homenagem aos pacientes.

Para finalizar a programação na sexta-feira, 7, a partir das 9h30, será realizada uma encenação teatral sobre a importância de manter uma mente saudável durante as diversidades do dia a dia.

O foco é reforçar para os servidores, convidados e pacientes, a importância do acompanhamento psicológico e do apoio familiar.

De acordo com a diretora da unidade, Rayane Phranklismar, o apoio tem feito a diferença na vida de diversos pacientes. E momentos como esse geram motivação para continuar.

"Essa semana programamos essas ações de incentivo aos usuários e servidores para cuidarem da saúde mental, com música, brindes, palavras de apoio. Parecem pequenas atitudes, mas fazem diferença na vida daquela pessoa que pensa em desistir. Vale lembrar que se você precisar de ajuda, não tenha vergonha de procurar atenção especializada em saúde mental”, explicou a diretora.

O secretário de Saúde, Leocádio Vasconcelos, reforça sobre o acesso às unidades que prestam atendimento nessa área em Roraima.

"Temos uma Rede de Atenção Psicossocial que disponibiliza serviços de assistência psicológica, psiquiátrica e demais especialidades importantes, que fazem parte da equipe multiprofissional das unidades que integram a rede estadual de saúde. E a oferta desse serviço é uma preocupação do Estado de promover a qualidade de vida que as pessoas precisam", enfatizou.

Publicado em DESTAQUES

O Governo de Roraima, por meio da Sesau (Secretaria de Saúde) adquiriu três torres de videolaparoscopia - técnica cirúrgica realizada com câmera - destinadas a especialidade de urologia, para reforçar a qualidade destes procedimentos.

As torres estão predestinadas ao Hospital Geral de Roraima Rubens de Souza Bento. Um investimento de R$ 4.292.644,32 efetuado com recursos próprios do Estado.

A aquisição se deu a partir do trabalho planejado do Governo de Roraima e foi executada pela Coordenadoria Geral de Urgência e Emergência da Sesau, em conformidade com a preocupação da atual gestão em alavancar a saúde pública roraimense em todas as especialidades.

“Nós não estamos medindo esforços para renovar a estrutura hospitalar das áreas de urgência e emergência do Estado e isso inclui a compra de novos equipamentos como as torres de vídeo-cirurgia. O Governo tem uma equipe totalmente atenta às necessidades das nossas Unidades e, com isso, o trabalho tem ocorrido de forma ininterrupta. Ainda temos mais reforço chegando para outras especialidades do HGR e de outras Unidades de Saúde”, afirmou o governador Antonio Denarium.

Os novos equipamentos devem ser instalados neste mês de janeiro no HGR para pleno funcionamento, servindo aos pacientes que precisam passar por procedimento cirúrgico referente a problemas renais e complicações no sistema urinário.

Para o diretor geral Anderson Dalla, a nova aquisição é importante para aprimorar a efetividade destes serviços oferecidos no Hospital, uma vez que a técnica utilizada por meio destes equipamentos evita grandes lesões no local do procedimento.

“As demandas da especialidade de urologia estão dentre as mais comuns no nosso Hospital, e essa aquisição só vem agregar positivamente no atendimento a esses pacientes, visto que estarão aptos para as atividades cotidianas em menor tempo, devido a utilização desses aparelhos tornar o procedimento minimamente invasivo”, ressaltou.

A segurança, possibilitada pelo sistema gerador de imagens para visualização das cavidades internas durante o procedimento, é uma das atribuições que o secretário de Saúde, Leocádio Vasconcelos, destaca como fundamentais para a oferta do serviço com qualidade.

“Um ponto importante nesse trabalho de aquisição que o Governo de Roraima está realizando através da nossa Coordenadoria de Urgência é a garantia da segurança no decorrer do atendimento. Estamos visando sempre os equipamentos com capacidade mais avançada que os outros que tenhamos, para dar mais confiança para o profissional e mais resolutividade ao problema do paciente”, destacou.

Publicado em DESTAQUES

Na manhã desta quarta-feira, 5, a reitora da Univirr (Universidade Virtual de Roraima) Elísia Martins, assinou um Termo de Recebimento de equipamentos de informática doados pela COGER (Controladoria Geral do Estado de Roraima), em uma ação de parceria institucional.

“Nós conseguimos renovar nossos computadores na Controladoria, adquirindo novos equipamentos de informática e os que nós estávamos utilizando, que também estão em bom estado, estamos doando para a Univirr, uma instituição que é parceira da COGER”, explicou Érico Veríssimo, controlador geral do Estado.

A assinatura do documento ocorreu no prédio da COGER. Estão sendo doados nove computadores completos, contendo CPUs, monitores, teclados e mouses. Segundo Elísia Martins, os equipamentos já têm destino certo.

“Esses equipamentos serão enviados para os pólos de atendimentos no interior do Estado, onde ofertamos cursos de Informática Básica e também atendemos alunos dos cursos de Graduação. Essa parceria institucional é de grande valia, só temos a agradecer”, finalizou a reitora.

A Univirr está presente hoje nos 15 municípios do Estado

A Univirr está presente em todos os municípios de Roraima por meio dos pólos de apoio para o desenvolvimento das atividades pedagógicas presenciais levando cursos de Extensão, Graduação e Pós-Graduação para todo Estado.

Alguns cursos são ofertados por meio do sistema UAB (Universidade Aberta do Brasil), um programa do MEC (Ministério da Educação) que tem o objetivo de ampliar e interiorizar a oferta de cursos e programas de Educação Superior, por meio da Educação à Distância.

A prioridade é oferecer formação inicial a professores em efetivo exercício na Educação Básica pública, porém ainda sem graduação, além de formação continuada aos que já são graduados.

O Programa propõe a articulação entre as instituições de ensino já existentes, possibilitando o acesso ao Ensino Superior público de qualidade aos municípios brasileiros que não possuem cursos de formação superior ou em que os cursos ofertados não são suficientes para o atendimento.

Desta forma, por meio da Univirr, as instituições cadastradas UFRR (Universidade Federal de Roraima), IFRR (Instituto Federal de Roraima), UERR (Universidade Estadual de Roraima) UFAM (Universidade Federal do Amazonas), IFAM (Instituto Federal do Amazonas ofertam nove cursos de Graduação e seis cursos de Pós-Graduação.

Publicado em DESTAQUES

Pacaraima tem recebido atenção especial do governador Antonio Denarium. Em breve o município contará com uma nova Delegacia da Polícia Civil. O prédio chama atenção pela estrutura moderna, que recebe os últimos detalhes para ser entregue à população.

Com a nova estrutura o Governo vai oferecer melhores condições de trabalho aos policiais que atuam na região, além de um ambiente pronto para atender a população.

A segurança pública é uma das prioridades do nosso governo, que desde o início assumiu o compromisso de fazer o que os outros não fizeram. Dessa forma estamos investindo em novas delegacias, presídios, viaturas, armamentos, além de realizar concursos públicos e contratar novos policiais e agentes penais. A segurança pública de Roraima jamais recebeu tantos investimentos em toda a sua história. E nós vamos continuar, porque a população do nosso Estado merece o melhor”, destacou o governador Antonio Denarium.

A obra foi coordenada pela Seinf (Secretaria de Infraestrutura) e contou com recursos na ordem de quase R$ 1 milhão, de emenda parlamentar do deputado Renato Silva e contrapartida do governo do Estado.

O prédio abrange uma área de 205,16 m² de construção. O espaço conta com recepção para registro de ocorrências, banheiros masculino e feminino. Sala de arquivos, sala do delegado titular, sala de reconhecimento, sala do setor de investigação, sala para material apreendido, sala de ocorrências, 2 salas administrativas, sala de repouso para o delegado com banheiro privado, copa, 5 banheiros para área administrativa, 3 salas de contenção com sanitário e estacionamento interno para carros e motos.

Espaço Cultural Indígena

Para valorizar e incentivar a cultura indígena tão presente no município de Pacaraima, o Governo construiu a Casa do Índio, na comunidade Indígena do Bananal.

A obra contou com recurso especial destinado pelo senador Mecias de Jesus, no valor de R$ 680 mil.

“A obra já está finalizada e servindo os indígenas da região. Nos últimos anos o governo tem investido em obras que beneficiam as comunidades indígenas em todo o Estado”, destacou o secretário de Infraestrutura, Edilson Damião.

Infraestrutura

A casa possui 256 m² de área construída que abrange quatro salas e uma copa. Na parte interna, conta com três banheiros (um feminino, um masculino e um com acessibilidade). Na parte externa tem dois chuveiros masculinos, dois chuveiros femininos e uma caixa d’água de 15 mil litros.

Possui ainda um bicicletário e estacionamento com calçada. Além disso, o local conta com um salão de 190 m², onde há um palco para apresentações. 

Publicado em DESTAQUES

Visando fomentar a apicultura em Roraima, o Governo de Roraima cedeu um caminhão-baú frigorificado, com capacidade de armazenamento de oito toneladas, à Cooperativa de Apicultores de Roraima (Roraimel).

A entrega do veículo, patrimônio do IACTI (Instituto de Amparo à Ciência, Tecnologia e Inovação de Roraima), foi feita na manhã desta terça-feira, 4, na sede da cooperativa, localizada no Distrito Industrial.

A doação é fruto de um convênio formalizado entre o Executivo Estadual e a instituição, com vigência de um ano e possibilidade de renovação por igual período. O governador Antonio Denarium ressaltou que a atual gestão vem dando forte apoio a atividade apicultora, que vem crescendo em Roraima, tanto é que o Estado também cedeu um prédio no Distrito Industrial para a cooperativa poder se instalar.

“A Roraimel já produz mais de duzentas toneladas de mel por ano para exportação, gerando emprego, renda e desenvolvimento. Até por isso, a Desenvolve Roraima está financiando a industrialização de novas colmeias. Já financiamos 2.680 colmeias e o Governo do Estado disponibilizou recurso para todos produtores de mel aumentarem a produção”, explicou.

O chefe do Executivo também pontuou que, com o crescimento da produção, quem ganha é o pequeno produtor rural, com aumento real da sua renda mensal.

“Hoje, um produtor que tem apenas cem colmeias, trabalha três dias por semana e tem uma renda mensal de aproximadamente R$ 2 mil por mês. É o Governo do Estado apoiando a produção, geração de emprego e renda”, complementou.

O presidente da cooperativa Roraimel, Josias Ferreira Rufino, que recebeu das mãos do governador a chave do novo veículo, disse ser uma honra receber o caminhão. De acordo com Rufino, ele auxiliará na realização dos projetos de expansão da cooperativa.

“Hoje o projeto da cooperativa é entrar na agricultura familiar. Nós já conversamos com os prefeitos, nós já sentamos com eles e um dos nossos objetivos é reativar a casa do Mel do Cantá e reativando esse local, nós vamos entrar hoje em todo o Estado de Roraima, ainda mais com incentivo do governo, que vai aumentar mais ainda a nossa linha de crédito. Nós não queremos ter só o melhor do Brasil, nós queremos ser o maior produtor de mel do Brasil. E nós vamos ser, com esse apoio do Governo do Estado de Roraima”, disse.

RESULTADOS DA APICULTURA EM RORAIMA

O ano de 2021 foi bastante produtivo para os apicultores roraimenses. Isso porque, no ano passado, 130 toneladas de mel foram exportadas para países da Europa, como a Alemanha, que comprou a maior parte desta remessa. Para 2022, é previsto a produção de mais de 200 toneladas de mel no Estado.

No cenário local, cerca de oito a dez toneladas são consumidas por mês e, atualmente, cerca de 30 toneladas por mês são beneficiadas.

Para fomentar a produção de mel no Estado, o Governo de Roraima levou aos apicultores incentivos, financiamentos e repasse de conhecimento, por meio de assistência técnica. Por meio da Desenvolve Roraima, em 2021, foram financiadas 3 mil caixas para os apicultores. O Executivo também financiou R$ 570 mil para a Casa de Mel, via Desenvolve.

A Associação dos Apicultores de Roraima, que funciona na região do Monte Cristo, zona rural da capital, já possui o SIE (Selo de Inspeção Estadual), emitido pela Aderr (Agência de Defesa Agropecuária de Roraima), que garante a boa procedência do mel e possibilita a produção de 64 produtores de mel associados.

 

Publicado em DESTAQUES

“Nós não somos tratados com respeito. O povo se dirige aos carvoeiros como se fossem criminosos. Mas hoje nossa história vai mudar. Seremos vistos como seres humanos, com a dignidade que merecemos. Pois teremos um lugar destinado para a produção do nosso trabalho”. O relato de Hodirene Freitas, que há 14 anos trabalha no setor carvoeiro de Roraima, revela a realidade vivida por esse segmento.

Atento a isso, o Governo de Roraima organizou a atividade da indústria artesanal de carvão, que hoje emprega mais 180 famílias. O governador Antonio Denarium, fez a doação na manhã desta terça-feira (4), de quatro lotes do Distrito Industrial para a Unicarvão (Cooperativa dos Carvoeiros de Roraima). As áreas, juntas, medem 20 mil metros quadrados.

Na oportunidade, os carvoeiros receberam 170 mil tijolos para a construção de pisos e fechamento dos fornos e mais 20 kits de incineradores de fumaça, que prometem reduzir em até 95% a emissão de gases poluentes na atmosfera.

Para o governador, a cedência do espaço promete pôr fim a um problema antigo entre carvoeiros, empresários e moradores da região, causado por conta da fumaça gerada pelas carvoarias no Distrito.

“É um momento muito importante para a Cooperativa dos Carvoeiros Roraima. Eles que estavam trabalhando em uma ocupação desordenada, sem controle, sem licenciamento ambiental, gerando poluição e fumaça no Distrito Industrial. Mas o momento deles serem reconhecidos chegou”, frisou.

O governador informou que a deputada estadual Aurelina Medeiros destinou emenda parlamentar para a construção de 250 fornos, que irão atender mais de 60 kits incineradores que em breve serão entregues em mais uma remessa.

“Vamos também juntos com a Caer [Companhia de Águas e Esgotos de Roraima], fazer a ligação de uma rede de água de 700 metros, e a perfuração de um poço artesiano aqui, para oferecer uma qualidade de vida melhor aos produtores de carvão”, acrescentou.

Segundo a presidente da Unicarvão, Denize Vital da Silva, a cedência dos lotes vai dar segurança jurídica para os trabalhadores da Cooperativa.

“A gente trabalhava de forma muito precária, sem nenhum conforto. Sem falar que gente estava em terras que não eram nossas. Sofríamos ameaça diariamente, aviso de despejo. Então, não tínhamos nenhum tipo segurança. Essa ação, ela vem para revolucionar o nosso setor, pois agora teremos de uma vez por todas um lugar só nosso. É um benefício muito grande e a gente só tem a agradecer ao governador Antonio Denarium e a toda a sua equipe, por esse momento tão esperado”, afirmou.

O secretário da Seplan (Secretaria do Planejamento e Desenvolvimento), Emerson Baú, também reforçou que o setor carvoeiro era um problema histórico dentro do Distrito, e que a atual gestão buscou solucionar.

“É um problema que buscamos transformar em oportunidade. Fomos à procura de resolver e mostramos a preocupação que o Governo tem não apenas no momento atual, mas sim com a situação de perigo que essas pessoas viviam hoje e com o futuro delas. Pois são pessoas que atuavam em uma situação indigna de trabalho, respirando ar poluído, com periculosidade, e que finalmente hoje, vão ganhar o seu espaço próprio, com conforto e segurança, estrutura de produção adequada”, destacou.

Publicado em DESTAQUES