Quarta, 09 Novembro 2022 08:14

SEGURANÇA PÚBLICA | Polícia Civil vai montar delegacia itinerante na Expoferr Destaque

Escrito por Márcia Fernanda
SEGURANÇA PÚBLICA | Polícia Civil vai montar delegacia itinerante na Expoferr Ascom/PCRR

A PCRR (Polícia Civil de Roraima) vai montar uma Delegacia Itinerante para atender as eventuais ocorrências registradas durante a realização da 41ª Expoferr (Exposição Feira Agropecuária de Roraima), maior evento da agroindústria do Estado e promovido pelo Governo de Roraima, que será realizado no Parque de Exposições, no Monte Cristo, zona rural de Boa Vista, entre os dias 11 a 15 de novembro.

De acordo com o delegado Márcio Amorim, diretor interino do DPJC (Departamento de Polícia Judiciária da Capital), o serviço será disponibilizado das 19h às 7h, durante todos os dias, com uma equipe formada por delegado, escrivão e agentes.

“Todas as ocorrências relacionadas ao evento como APFs [autos de prisão em flagrante] ou TCOs [termos circunstanciados de ocorrência] serão atendidas e processadas na própria unidade itinerante”, ressaltou o delegado.

Amorim também destacou a importância dos visitantes da feira estarem atentos a normas de segurança para evitar transtornos durante a festa.

“Temos registrado ocorrências de furtos de telefones celulares em locais onde ocorrem aglomerações de pessoas. Esses furtos podem ser evitados com alguns cuidados, como por exemplo, a pessoa diminuir a exposição do aparelho. Ela também pode utilizar todos os recursos de bloqueio e senhas possíveis, além de aplicativos para localizar e mesmo inutilizar o aparelho para evitar uso indevido”, disse o diretor do DPJC.

VEÍCULOS

Outros cuidados também podem ser tomados em relação aos veículos dos visitantes da feira.

“Nosso conselho é que as pessoas não deixem objetos de valor dentro dos carros e se certifiquem de que o alarme está acionado e que seja feito o travamento das portas. E óbvio, para evitar acidentes, não dirigir sob o efeito de álcool em nenhuma circunstância”, ressaltou Amorim.

O delegado frisou ainda que as orientações de segurança são importantes para que a feira seja marcada apenas por diversão. Muitas vezes algumas práticas aparentemente comuns podem trazer prejuízos à população.

“É importante estar atento e sempre registrar um boletim de ocorrência ao ser vítima de um crime. O auxílio da polícia é indispensável para coibir ações delituosas”, declarou.