Terça, 01 Novembro 2022 10:57

FEBRE AFTOSA | Produtor tem até 15 de novembro para notificar sobre vacina em rebanho Destaque

Escrito por Elias Venâncio
FEBRE AFTOSA | Produtor tem até 15 de novembro para notificar sobre vacina em rebanho Ascom/Aderr

A 42ª campanha contra febre aftosa encerrou nesta segunda-feira, 31 de outubro. Agora, a Aderr (Agência de Defesa Agropecuária do Estado de Roraima) inicia o período de notificação, quando os produtores rurais precisam declarar a vacinação do rebanho, que tem prazo final no dia 15 de novembro. Até lá, os pecuaristas devem procurar o órgão e seus escritórios nos municípios do interior para fazer a declaração da vacina.

 

Para fazer a notificação, é preciso levar a nota fiscal da compra da vacina e a estratificação por sexo e idade do rebanho, conforme informou o presidente da Aderr, Marcelo Parisi.

 

“Pedimos aos produtores para que notifiquem as vacinações de seus rebanhos dentro do prazo, até 15 de novembro. É muito importante para evitar penalidades, além de ser rápido e fácil. Isso também garante a manutenção do status de livre de febre aftosa de Roraima com vacinação”, enfatizou Parisi.

 

Com mais de 90% de cobertura vacinal, a 42ª campanha de vacinação obteve o êxito necessário para continuar livrando o rebanho da doença, mantendo Roraima como área livre da doença por meio da vacinação.

 

O pecuarista que não conseguiu realizar a vacinação dentro do prazo determinado pela Aderr deve procurar o órgão para obter a autorização de venda ao produtor. Somente com esse documento será possível comprar a vacina nas lojas agropecuárias do Estado.

 

AGULHA OFICIAL

 

A campanha continua nas comunidades localizadas nas Terras Indígenas Raposa/Serra do Sol e São Marcos, dentro dos municípios de Normandia, Pacaraima e Uiramutã. A meta é vacinar as 52 mil cabeças de gado localizadas nas comunidades e garantir o índice de mais 95% de cobertura vacinal em Roraima.