Segunda, 31 Outubro 2022 15:12

ESPECIALIZAÇÕES | Corpo de Bombeiros conclui curso de abordagem técnica e inicia treino em salvamento aquático Destaque

Escrito por Raustman Gondim
ESPECIALIZAÇÕES | Corpo de Bombeiros conclui curso de abordagem técnica e inicia treino em salvamento aquático Ascom/CBMRR

O CBMRR (Corpo de Bombeiros Militar de Roraima) realizou na manhã desta segunda-feira, 31, no auditório do QCG (Quartel do Comando Geral), a solenidade de encerramento do CATTS (Curso de Abordagem Técnica a Tentativas de Suicídio) e, na sequência, deu início ao CSaq (Curso de Salvamento Aquático).

 

O CATTS teve um total de 60 horas-aula, divididas em módulos que abordaram técnicas e táticas utilizadas em ocorrências dessa natureza, além do estudo prático dos diversos cenários que envolvem abordagem a tentativas de suicídio.

 

Ao todo, 19 profissionais entre militares do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar de Roraima, da FAB (Força Aérea Brasileira), da PRF (Polícia Rodoviária Federal) e da ETSUS (Escola Técnica do SUS) participaram da capacitação.

 

A coordenadora do curso, a major Sandra Menezes, falou da importância da habilitação desses novos profissionais nas técnicas mais atualizadas de abordagem a tentativas de suicídio. “O curso trouxe a doutrina mais atualizada sobre a abordagem humanizada dentro da técnica, com ênfase na oratória e no diálogo com a pessoa que está precisando de apoio”, declarou.

 

O comandante-geral geral do CBMRR, coronel Anderson Carvalho de Matos, reforçou a preocupação da corporação em especializar seu efetivo, possibilitando o emprego de profissionais cada vez mais preparados para lidar com essas ocorrências.

 

“É um tema que nós já estamos abordando há algum tempo e agora tivemos a oportunidade de iniciar e viabilizar para o Corpo de Bombeiros de Roraima. É um curso bastante técnico, que trabalha não somente a questão da abordagem a esse tipo de ocorrência, mas também a atuação de forma preventiva”, disse.

 

CSAQ

 

A 3ª turma do CSaq (Curso de Salvamento Aquático), promovido pela corporação militar, ocorre no período de 31 de outubro a 18 de novembro de 2022, com carga horária total de 150 horas-aula.

 

O curso é composto de duas fases: a primeira fase é voltada para águas fechadas / controladas (piscinas); a segunda fase é realizada em águas abertas (rios, lagos, igarapés, represas e corredeiras).

 

O CSAq iniciou com 17 alunos, dos quais 11 são bombeiros militares, quatro militares do Exército Brasileiro, um militar da Marinha do Brasil e uma agente da Polícia Federal.

 

Ao término do curso, os alunos estarão qualificados com o preparo técnico necessário para o resgate de vítimas de afogamento e também para atuação como condutores de embarcações públicas.