Segunda, 17 Outubro 2022 09:02

Roraima discute acordos de exportação com países da Caricom Destaque

Escrito por Michel Sales
Roraima discute acordos de exportação com países da Caricom Ascom/Seadi

Diante da demanda produtiva local que precisa ser escoada para novos mercados, o Governo de Roraima tem alinhado estratégias de negócios com países da Caricom (Comunidade do Caribe), visando oportunizar a exportação de gêneros alimentícios.  

Nesta semana, a embaixadora de Barbados, Tonika Sealy-Thompson, esteve em Roraima discutindo acordos transfronteiriços, objetivando segurança alimentar, cooperação técnica e intercâmbio linguístico.

Representando o governador Antonio Denarium, o secretário Emerson Baú, titular da Seadi (Secretaria de Agricultura, Desenvolvimento e Inovação), percorreu o Estado acompanhado da embaixadora, durante quatro dias, visitando propriedades rurais de grande e pequeno porte.

 “Nossa maior necessidade é a segurança alimentar, e estamos na fronteira de várias oportunidades que podem transformar a vida de todos os envolvidos num momento em que buscamos superar os abalos da pandemia e da guerra entre Ucrânia e Rússia. Em Roraima, a nossa rotina nos últimos dias tem sido de visitação a fazendas de fruticultura, horticultura, pecuária, suinocultura e grãos, também aprendendo técnicas específicas do agronegócio, além de políticas que viabilizem o sucesso do empreendedorismo com o transporte de cargas e o turismo numa região que desenvolve depressa a oportunidade dos negócios internacionais”, destacou a embaixadora.

Segundo o secretário Baú, o governador Denarium tem possibilitado o desenvolvimento do setor primário, potencializando o agronegócio e a agroindústria roraimense e beneficiando quem trabalha e produz.

“A vinda da embaixadora de Barbados ao nosso Estado reflete a gestão de bons projetos, elevando a economia regional, ampliando as oportunidades de sustentabilidade com sinergia entre as instituições que fomentam a produtividade através da tecnologia e da inovação, pensando de forma estratégica também para suprir as necessidades da Caricom”, pontuou.

O presidente da Aderr (Agência de Defesa Agropecuária), Marcelo Parisi, também referiu as potencialidades de Roraima em favor da Caricom. “Nosso Estado está avançando rapidamente na produção e no empreendedorismo, fatores que têm despertado a atenção de investidores, também podemos evoluir economicamente com a Caricom na eficiência logística diante da segurança alimentar”, reforçou.

 

Trânsito de cargas e turismo

 

Na análise do coordenador de Negócios Internacionais, Eduardo Oestreicher, a visita da embaixadora Tonika Sealy-Thompson reforça os acordos entre o governador Antonio Denarium, o presidente da Guiana Irfaan Ali e a primeira ministra de Barbados, Mia Mottley, gerando escala de produção para abastecer a Caricom.

“Dentro da agricultura familiar e agroindústria roraimense estão sendo elaboradas as necessidades contínuas de exportação para suprir o bloco econômico caribenho, atendendo a Jamaica, Trinidad Tobago, Dominica, Santa Lúcia e outros países, possibilitando de imediato a exportação de frutas e carnes. Nesse objetivo, estamos ainda fomentando a capacitação técnica, buscando também romper os demais obstáculos, dentre eles a logística terrestre e aérea com acordo de transportes, além da barreira da língua, ampliando todo este esforço com segurança e sucesso econômico”, comentou.

 

Visita a Embrapa

 

Durante encontro com a embaixadora Tonika na Embrapa, o chefe-geral da instituição, Edvan Chagas, destacou as possibilidades de uma parceria técnica da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária com Barbados.

“A República de Barbados é uma ilha localizada no Caribe Oriental, onde o turismo é a principal atividade econômica. Sua população praticamente não produz nada de agricultura. Nesse objetivo, Roraima pode exportar alimentos, além de promover cooperação técnica para a subsistência agrícola do país”, comentou.

Edvan reforçou a atuação das empresas de pesquisa, do Governo do Estado, Universidades e a produção de novas políticas públicas aproximando o setor primário roraimense com a nação caribenha.

“Somos totalmente capazes de promover uma receita de sucesso sustentável e econômico para Barbados, consolidando estratégias tecnológicas na agricultura e pecuária”, concluiu.

 

Indústria e exportação

 

Recepcionada na Agroindústria Serra Verde, a embaixadora vivenciou todo o processo de mecanização da esmagadora de soja na produção de óleo vegetal e demais produtos alimentícios.

“Há 10 anos atuamos no mercado de soja em Roraima e hoje estamos iniciando o esmagamento de mil toneladas de soja por dia, trabalhando 87 mil toneladas de grãos já armazenados em nossa estrutura. Com a visita da embaixadora Tonika Sealy-Thompson, entendemos as necessidades do mercado caribenho no consumo alimentício de Barbados e demais ilhas, onde as populações locais e o turismo demandam de diversos produtos provenientes da soja. Essa perspectiva para Roraima fortalece o nosso mercado, ampliando as possibilidades de emprego e renda, sobretudo, fomentando a sustentabilidade das nações fronteiriças diante de uma logística mais acessível”, destacou o empresário Felipe Falavinha.

 

Opinião de produtores

 

Na zona Rural de Boa Vista, o produtor Edson Rodrigues planta frutas e hortaliças com suporte da Agricultura Familiar. “A visita da embaixadora de Barbados proporcionou o compartilhamento de conhecimentos, sobretudo, viabiliza aos pequenos agricultores do Estado novas possibilidades de escoação da produção”, analisou.  

Em Bonfim, o produtor Victor Spiens lida com melancia, pecuária e grãos. Ele avaliou com positividade a vinda de Tonika Sealy-Thompson a Roraima.

“A proximidade dos países caribenhos buscando conhecimento e fechando negócios com o nosso Estado possibilita desenvolvimento produtivo, já trabalhamos com empenho a qualidade alimentícia sustentável, sendo Roraima um local privilegiado para atender as demandas da Caricom”, reforçou.