Quinta, 25 Agosto 2022 16:29

PROGRAMA CENTELHA | Faperr irá executar projeto de apoio a empreendedorismo em outubro Destaque

Escrito por Gabriela Garcia
PROGRAMA CENTELHA | Faperr irá executar projeto de apoio a empreendedorismo em outubro Ascom/Faperr

De forma a estimular, orientar e promover a geração de empresas inovadoras e de alto crescimento em todo o território nacional, o Programa Centelha II foi a pauta da reunião entre representantes da Faperr (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Roraima) e da Seadi (Secretaria de Agricultura, Desenvolvimento e Inovação), realizada na manhã desta quinta-feira (25).

Em Roraima, o Programa Centelha será executado pela Faperr, que contará com o apoio metodológico e financeiro da Seadi. Executado em quase todos os estados do país, a iniciativa, que já está na segunda edição, iniciou suas ações em agosto de 2021 no Rio Grande do Sul.

De acordo com o assistente técnico da Faperr, Elemar Favreto, a parceria entre Seadi, Faperr, como o apoio do MCTI (Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações) e da Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), poderá estimular o empreendedorismo inovador dos roraimenses.

“Em breve estaremos lançando edital para captação dessas ideias que possam se transformar em projetos inovadores e empreendimentos formalizados a partir do aporte financeiro do programa. O importante, sem dúvida, é desenvolver o empreendedorismo e ideias inovadoras”, afirmou Favreto 

Conforme acordado pelas três instituições participantes, o edital de lançamento do Programa Centelha II será lançado oficialmente em Roraima em outubro deste ano no site oficial da Faperr.

Participaram do encontro, de forma presencial, o diretor técnico da Faperr, Carlos Borges, o assistente técnico, Elemar Favreto, o coordenador de inovação da Seadi, Reginaldo Rubhi, a chefe de divisão de promoção, Kátia Silva, e, por videoconferência, o superintendente da área de Pesquisa Aplicada e Desenvolvimento da Finep, Nicolas Camargo.

CENTELHA

O Programa Nacional de Apoio à Geração de Empreendimentos Inovadores, popularmente chamado Programa Centelha II, tem o intuito de selecionar propostas de Parceiros Operacionais Descentralizados a nível estadual para o estímulo, orientação e promoção da criação de empresas de base tecnológica inovadoras e de alto crescimento em todo território nacional.

O Centelha deverá ser executado de forma descentralizada, por meio da articulação institucional e cooperação com órgãos e entidades da administração pública estadual que atuam na área de ciência, tecnologia e inovação, com o apoio técnico e financeiro do MCTI e das agências federais de fomento.