Terça, 02 Agosto 2022 09:07

TRIAGEM NEONATAL | Profissionais de saúde participam de capacitação sobre teste do pezinho Destaque

Escrito por
TRIAGEM NEONATAL | Profissionais de saúde participam de capacitação sobre teste do pezinho Suyanne Sá

A importância da triagem neonatal com foco na coleta do teste do pezinho foi o tema central de uma capacitação de dois dias oferecida pela Referência Técnica Saúde da Criança de Boa Vista. A atividade, promovida pelo Governo de Roraima por meio da Secretaria de Saúde, foi realizada em parceria com o Laboratório Guthrie de Brasília e envolveu profissionais que atuam na Atenção Básica do Estado e dos municípios. 

Conforme o gerente do Núcleo de Ações Programáticas da Saúde da Criança da Sesau, Marcelo Silva, as ações ocorreram de forma online, por meio da plataforma Google Meet. Ao todo, 180 profissionais, divididos em duas turmas, participaram do treinamento.

“É um treinamento teórico remoto em triagem neonatal, ofertado para os profissionais dos municípios do estado de Roraima e DSEI’s Yanomami e Leste”, explicou.

Além de fortalecer as ações do Programa Nacional de Triagem Neonatal, a capacitação também teve como finalidade a preparação para a implantação de novos postos de coleta para realização do exame, que é coletado entre o 3º ao 5º dia de vida do recém-nascido até 30 dias.

Silva ressaltou ainda que os participantes farão treinamento prático na sala do teste do pezinho do Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth (Maternidade), complementando a carga horária de 16 horas da atividade. “Os municípios vão encaminhar a lista com os profissionais que vão fazer o exame e vamos marcar esse treinamento”, completou.

A IMPORTÂNCIA DO TESTE

O teste do pezinho é o instrumento responsável por detectar, de forma precoce, parte das doenças metabólicas, genéticas, enzimáticas, endócrinas e infecciosas que acometem os recém-nascidos. Por esse motivo, é importante de gestores promovam iniciativas que visem aumentar o conhecimento dos profissionais que atua na rede pública de saúde

O aumento de profissionais capacitados para a coleta do exame de Triagem Neonatal reduz sensivelmente o número de coletas inadequadas ou inválidas.

“Quando esse exame é realizado e detectado precocemente, ele salva vidas, evita que os recém-nascidos tenham sequelas de desenvolvimento físico, motor, neurológico, e até mesmo evolua ao óbito”, concluiu Marcelo Silva.