Terça, 28 Junho 2022 16:04

PROGRESSÕES VERTICAIS | Governo anuncia pagamento de R$ 4 milhões em retroativos para professores Destaque

Escrito por Mágida Azulay Khatab
PROGRESSÕES VERTICAIS | Governo anuncia pagamento de R$ 4 milhões em retroativos para professores Ascom/Seed

O Governo do Estado vai pagar R$ 4 milhões em retroativos de progressões verticais para professores da rede estadual de ensino. Com este quarto lote, somam-se R$ 20 milhões em retroativos já pagos pela atual gestão de governo, saldando com os professores, dívidas deixadas por gestões anteriores.

“O governador Antonio Denarium vem cumprindo fielmente o acordo firmado com a categoria [professores]. Ele já determinou o levantamento da quinta e última parcela do pagamento das progressões verticais e tão logo seja feito esse pagamento, ele também deseja pagar as progressões horizontais e ficar quite com a categoria que tinha com esse débito há anos com o Governo“, ressaltou o secretário de Educação e Desporto, Nonato Mesquita.

O primeiro lote de R$ 5 milhões foi pago em novembro de 2021, para 278 professores; o segundo lote de R$ 7 milhões em março de 2022 beneficiando 817 professores e o terceiro lote, de R$ 4,9 milhões, que contemplou 218 docentes, foi pago em maio de 2022.

Neste quarto lote, serão beneficiados 231 docentes, que tiveram as progressões verticais concedidas por meio de portarias publicadas entre os anos de 2017 a 2020.

“Estamos sempre buscando valorizar os nossos servidores, honrando os compromissos e principalmente, o que é de direito. Essas progressões eram aguardadas desde 1995 pelos professores. Outras gestões deveriam ter pago, mas não o fizeram. Coube a nossa gestão, fazer  justiça a esse direito, que é legítimo dos nossos docentes e que eles agora, podem finalmente alcançar”, destacou o governador Antonio Denarium.

O professor de Educação Física, Antonio Nilson de Almeida Silva, concursado desde 1997, é um dos professores contemplados. Confiante na atual gestão, o docente já aguardava pelo pagamento.

“Eu acompanhei outros colegas sendo contemplados e aguardava ansiosamente pela minha vez. Agradeço ao governador Denarium por tratar com seriedade a gestão pública. Estamos vendo muitas melhorias nas escolas com revitalizações, mobiliários novos, entrega de tablets e tudo isso engradece a educação. Estou grato e muito feliz”, disse.

Os professores de História, Carlos José Barreto Cavalcante, concursado desde 2007 e Raquel de Paula Silva, de Língua Portuguesa, concursada desde 2002 também serão contemplados. Para eles, o pagamento das progressões representa reconhecimento.

“Eu definiria esse momento com duas palavras: reconhecimento e valorização. Reconhecimento por aqueles que buscaram se qualificar por meio de uma Especialização, Mestrado, Doutorado e levar esse conhecimento para a sala de aula, qualificando o ensino; e valorização, por estar sendo pago neste momento. Outros governos tiveram a oportunidade de fazer e não o fizeram”, enfatizou Carlos.

Segundo Raquel, quem é educador busca sempre formação. “Esse pagamento é uma conquista que hoje está se concretizando. Além disso, é o reconhecimento do órgão competente, que me contrata, que me emprega, em trazer para mim o reconhecimento dessa minha luta de o tempo todo estar buscando melhorar para estar bem na sala de aula com os alunos. Estou muito feliz”, disse.

Pagamento será feito em folha suplementar

Os docentes vão receber valores individuais que variam entre R$ 500 a R$ 80 mil. O pagamento será realizado por meio de uma folha suplementar e a Seed (Secretaria de Educação e Desporto) está seguindo todos os trâmites burocráticos para a efetivação do pagamento. A data em que os valores estarão disponíveis na conta dos docentes será divulgada em breve.

Na segunda-feira, dia 24, o secretário Nonato Mesquita entregou para a presidente do Sinter (Sindicato do Trabalhadores em Educação de Roraima), Josefa Matos, a listagem com os nomes dos professores contemplados e os valores respectivos. Os docentes poderão consultar a lista diretamente no Sindicato.