Domingo, 26 Junho 2022 13:12

RESSOCIALIZAÇÃO | Internas da Cadeia Pública Feminina participam de palestra feita por egressa da unidade Destaque

Escrito por Ayan Ariel
RESSOCIALIZAÇÃO | Internas da Cadeia Pública Feminina participam de palestra feita por egressa da unidade Rebeca Bastos

O processo de ressocialização é peça chave para que internos do Sistema Prisional voltem ao convívio social. Pensando nisso, o Governo de Roraima, por meio da Sejuc (Secretaria de Justiça e Cidadania), realizou, nesta sexta-feira, dia 24, a palestra "A esperança de um novo recomeço... É totalmente possível a mudança".

Ocorrida na CPFBV (Cadeia Pública Feminina de Boa Vista), a palestra foi ministrada por Raquel de Paula Souza, egressa da unidade prisional, atendida pelo Escritório Social, ferramenta criada pelo CNJ (Conselho Nacional de Justiça), com gestão compartilhada entre o Executivo e o Judiciário, responsável pelo acolhimento e encaminhamento de pessoas egressas do sistema prisional, bem como parentes dessas pessoas.

Presente na palestra, a primeira-dama Simone Denarium ressaltou a importância dessa palestra para este processo de ressocialização das internas da Cadeia Pública Feminina.

“Foi um momento muito especial. É muito importante que elas tenham esse exemplo, que sejam motivadas por alguém que sabe o que elas estão passando e vivendo. Nós estamos aqui para ajudá-las a voltar à sociedade de cabeça erguida, da melhor forma possível”, frisou a primeira-dama.

De acordo com a coordenadora do Escritório Social em Roraima, Décima Rosado, a entidade funciona no Estado desde 2019 e atende 400 egressos do sistema prisional. A coordenadora ressaltou a parceria da instituição com o Governo de Roraima e a Assembleia Legislativa de Roraima, que abraçaram o projeto.

“Se não tiver um apoio, a gente não tem como fazer quase nada. Esse apoio é fundamental. Agradeço de coração o secretário de Justiça e Cidadania, que teve essa brilhante ideia da palestra com a Raquel, para que elas vejam e tenham esperança de que tudo pode mudar”, disse.

Governo irá custear funcionamento do Escritório Social

Durante a ação realizada na Cadeia Pública Feminina, o secretário de Justiça e Cidadania, André Fernandes, anunciou que o Governo de Roraima irá custear as atividades do Escritório Social enquanto o convênio com o Depen (Departamento Penitenciário Nacional) vigorar.

“A gente levou para o governador Antonio Denarium esse projeto, onde vai ser feito um convênio com o Departamento Penitenciário Nacional. Mas antes disso, ele determinou que, pelos cofres do Estado, esse Escritório Social começa a funcionar o mais rápido possível, aproveitando a mão de obra já existente e trazendo essa responsabilidade que já deveria ser do Estado, mas que funciona hoje através da Assembleia Legislativa”, explicou.

A proposta foi conversada há alguns dias junto ao governador e ao coordenador de Políticas de Participação Social e Atenção ao Egresso do Depen, Cezar Augusto Delmondes, durante reunião ocorrida no gabinete do chefe do Executivo Estadual. Na ocasião, foi firmado um acordo com um aporte de R$ 750, para que haja a promoção daquelas que saíram do sistema penitenciário, para que haja qualificação profissional e encaminhamento ao mercado de trabalho.