Sexta, 03 Junho 2022 09:04

ACOLHIMENTO DE QUALIDADE | Mais de 400 atendimentos são realizados diariamente no Pronto Atendimento Cosme e Silva Destaque

Escrito por Suyanne Sá
ACOLHIMENTO DE QUALIDADE | Mais de 400 atendimentos são realizados diariamente no Pronto Atendimento Cosme e Silva Ascom Sesau

Localizado no bairro Pintolândia, o Pronto Atendimento Cosme e Silva tem sido o destino para os pacientes que procuram atendimento com maior celeridade. A unidade é exclusivamente voltada para o atendimento de casos de urgência e emergência médica.

Tamanha importância não é por acaso, uma vez que parte das demandas que a unidade atende envolve moradoras da zona Oeste de Boa Vista. Nos primeiros cinco meses deste ano foram realizados mais de 70 mil atendimentos, uma média diária de 474 acolhimentos.

“Aqui na nossa unidade, nós recebemos pacientes de todos os níveis, exceto as pessoas abaixo dos treze anos. Aqui, nós realizamos o primeiro atendimento, exames laboratoriais e raio-x, para conseguir um diagnóstico pronto, com uma média de 474 atendimentos ao dia”, destacou a diretora do Pronto Atendimento do Cosme e Silva, Moema Barbosa.

Por meio da adoção do protocolo de Manchester, a equipe de atendimento da unidade consegue a identificação do grau de prioridade que o momento exige e o tempo de duração da especialidade requerida para a avaliação médica.

Além dos atendimentos de urgência e emergência, o PACS também realiza exames de malária e laboratoriais, e ainda triagens clínicas que analisam as funções hepáticas e renais dos pacientes que procuram a unidade. A unidade disponibiliza atendimento psicológico e odontológico.

“Hoje em dia nós somos um pronto atendimento que consegue atender uma grande quantidade de pacientes com o atendimento na sala rápida, que são as prioridades elencadas com base no protocolo de Manchester, podendo ela ser classificadas com a cor verde ou azul; ou amarelo e laranja, que são cores destinadas para aqueles pacientes que precisam fazer exames, além da cor vermelha, para os casos de atendimento imediato”, explicou.

Caso haja a necessidade de internação, a equipe do pronto atendimento pode realizar o encaminhamento do paciente a leitos de retaguarda no Hospital das Clínicas Dr. Wilson Franco Rodrigues ou para o Hospital Geral de Roraima Rubens de Souza Bento, sendo este último voltado para os casos mais graves.

ENTENDA O FLUXOGRAMA DE ATENDIMENTO DO COSME E SILVA

Ao ser atendido pela recepção, o paciente que busca o Pronto Atendimento Cosme e Silva é direcionado para a sala de triagem, onde receber uma classificação para o seu grau de prioridade.

As cores verde e azul, por exemplo, são atribuídas para os casos de menor gravidade. O atendimento da demanda é realizado nas salas rápidas, locais que abrange os pacientes com dores leves, torcicolo, enxaqueca, estado febril sem a presença de alterações vitais, resfriados e viroses, náuseas e tonturas, hemorragia controlada, asma não diagnosticada como quadro de crise, entre outros.

Já as cores amarela e laranja são dadas para os casos de urgência moderada. Recebem essa classificação o paciente que apresentar desmaio, dor moderada, vômito intenso, crises de pânico, hemorragia moderada, picos de hipertensão, alteração dos sinais vitais e outros quadros clínicos.

Os casos mais graves ou com risco de morte são classificados pela cor vermelha. Isso significa que o paciente necessitará de atendimento imediato, como quadros de queimadura em mais de 25% do corpo, problemas respiratórios, dor no peito relacionada à falta de ar, crises de convulsão, trauma cranioencefálico, tentativa de suicídio, parada cardiorrespiratória, hemorragias incontroláveis e outros.