Quarta, 25 Mai 2022 14:31

Governo contrata psicólogos, assistentes sociais e nutricionistas para atender rede estadual de ensino Destaque

Escrito por Mágida Azulay Khatab
Governo contrata psicólogos, assistentes sociais e nutricionistas para atender rede estadual de ensino Ascom/Seed

O Governo de Roraima está contratando mais 40 profissionais para reforçar o atendimento na rede estadual de ensino. Após finalização do processo seletivo, nesta quarta-feira, 25, os candidatos aprovados para os cargos de psicólogos, assistentes sociais e nutricionistas estão assinando contratos e recebendo a lotação de local de trabalho.

O Processo Seletivo Temporário tem validade de 12 meses, a contar da data da homologação do certame, e poderá ser prorrogado por igual período, por excepcional interesse da Administração Pública.

“É a primeira vez que o Governo de Roraima contrata esses profissionais para o atendimento da educação. Eles vão auxiliar o trabalho da rotina escolar, garantido assistência necessária para que o estudante alcance o sucesso escolar, que é o nosso maior objetivo”, destacou o governador Antonio Denarium.

Estão sendo contratados 18 psicólogos, 10 assistentes sociais e 12 nutricionistas que vão atender escolas nos 15 municípios do Estado, com o objetivo de assegurar um ensino integral aos estudantes, uma vez que esses profissionais são essenciais para auxiliar o pleno desenvolvimento educacional.

O processo seletivo teve início em abril e contou com várias etapas, entre elas, avaliação de provas e títulos e entrevistas, sendo encerrado no dia 20, com a publicação do resultado final no Diário Oficial do Estado. Nos próximos dias 26 e 27 haverá uma capacitação para os profissionais assistentes sociais e psicólogos.

A assistente social Vanessa Francisca Chagas de Oliveira disse que desde a sua graduação, faz pesquisa na área de assistência social voltada para crianças e adolescentes.

“E quando foi aprovada lei para inserção de psicólogos, assistentes sociais na educação, me debrucei a pesquisar ainda mais sobre o assunto. Agora tivemos a causa abraçada pelo Governo do Estado que está inserindo esses profissionais no âmbito da educação e eu espero fazer o melhor trabalho para os estudantes”, disse Vanessa.

Os novos servidores terão uma remuneração de R$ 3.918,00 e jornada de trabalho de 30 horas semanais. Para o secretário Adjunto da Educação Básica, Semaias Alexandre, os profissionais vão fazer a diferença no ambiente escolar.

“Os psicólogos e assistentes sociais vão nos ajudar a acolher tantos estudantes quanto professores nesse retorno de aulas presenciais pós-pandemia, que foram afetados de alguma forma pela covid-19 e precisam de auxílio. Já a contratação dos nutricionistas era uma demanda antiga, eles vão atuar para garantir ainda mais a segurança alimentar e qualidade da merenda que chega em nossas escolas”, destacou Semaias.