Sábado, 30 Abril 2022 17:41

ASSOCIATIVISMO | Governo incentiva a criação de Cooperativa em Bonfim Destaque

Escrito por Cacau Bastos
ASSOCIATIVISMO | Governo incentiva a criação de Cooperativa em Bonfim Ascom Iater

Neste sábado, 30 de abril, se comemora o Dia do Associativismo, e o Governo de Roraima, por meio do Iater (Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural), incentiva a criação e o fortalecimento das associações que desejam crescer economicamente.

“O incentivo para criação e crescimento de associações é fundamental. É importante que todos que trabalham no setor agro se fortaleçam, pois, é por meio de uma entidade de classe forte que se pode defender os interesses e direitos de seus integrantes. Dessa forma, as associações integram os produtores do campo, a fim de ampará-los em seus direitos”, frisou o presidente do Iater, Marlon Buss.

Segundo Jorgeane Souza, do Núcleo de Fortalecimento das Organizações Rurais do Iater, há 493 associações cadastradas no Núcleo.

“O Instituto vem apoiar e construir políticas públicas de fortalecimento para os agricultores familiares, dando condições para que eles cresçam, passem a compreender melhor as técnicas agrícolas e administrativas, além de participar e compreender o processo de comercialização”, informou.

 

De associação à cooperativa

 

O presidente da AAPAC (Associação dos Agricultores do Projeto de Assentamento Caju), Raimunto Nonato Farias, é agricultor rural, morador do município de Bonfim, região do Complexo do Caju, e falou sobre as orientações e todo apoio recebido do Instituto.

O produtor recorda que no ano passado, Marlon Buss, ainda como secretário adjunto de Agricultura, e o então titular da pasta, Aluizio Nascimento, propuseram e incentivaram a transformação da associação que ele representa em uma cooperativa.

Ele foi convidado a realizar uma visita técnica à sede da Coopana (Cooperativa Agropecuária Nova Amazônia), localizada na área rural de Boa Vista, com o objetivo de trocar experiências, para conhecer a realidade da criação da Coopana, como funciona a administração, experiência e crescimento no setor.

O agricultor do Complexo do Caju agradeceu a disponibilidade e todo apoio que está recebendo desde então. “Me falaram que eu tinha um espaço bom e que o projeto tinha tudo para dar certo. Hoje a nossa cooperativa é uma realidade. Chamei o Marlon para ser nosso padrinho. O Iater é muito bem-vindo. Estou muito feliz com isso, realmente vai dar certo, é um futuro brilhante pro nosso agricultor rural”, ressaltou.

Ele agradece também ao Governo de Roraima. “É o Governo que investe pesado na agricultura e gosta do homem do campo”, finalizou.