Quinta, 31 Março 2022 19:27

SEGURANÇA ESTRUTURADA | Governo lança concurso para 175 vagas na Polícia Civil de Roraima Destaque

Escrito por Jéssica Laurie e Sandra Lima
SEGURANÇA ESTRUTURADA | Governo lança concurso para 175 vagas na Polícia Civil de Roraima Jéssica Laurie e Sandra Lima

O governador Antonio Denarium lançou, nesta quinta-feira, dia 31, o edital do concurso público para provimento de vagas no âmbito da PCRR (Polícia Civil de Roraima), que será publicado no DOE (Diário Oficial do Estado), desta sexta-feira, dia 1º.

Ao todo, serão 175 vagas, para nove carreiras, com remuneração inicial de até R$ 20 mil. As provas objetivas e discursivas serão realizadas em dois finais de semana do mês agosto deste ano.

“Roraima vive um momento único na segurança pública. O lançamento deste tão esperado edital está completamente assegurado para sua plena realização e, com certeza, trará não só a realização de sonhos para os futuros aprovados, como um retorno inestimável em segurança para a população”, disse o governador Antonio Denarium.

Para o delegado Geral de Polícia Civil, Eduardo Wayner, o certame é uma necessidade da PCRR.

“É conhecido por todos que o único concurso realizado foi no ano de 2003, há 19 anos. A expectativa é não somente preencher vagas que são urgentes, como também trazer uma nova dinâmica de trabalho”, afirmou o delegado.

VAGAS E REMUNERAÇÃO

O edital estará disponível no site da Fundação Vunesp e no DOE, a partir desta sexta-feira, e prevê vagas para cargos de nível superior, sendo: 35 vagas para Delegado de Polícia Civil; sete vagas para Médico Legista; uma vaga para Odonto-Legista; nove vagas para Perito Criminal; 51 vagas para Escrivão de Polícia; 52 vagas para Agente de Polícia; 14 vagas para Perito Papiloscopista; quatro vagas para Auxiliar de Perito e duas vagas para Auxiliar de Necropsia.

Todos os cargos vão preencher a classe inicial, respeitando as porcentagens previstas para candidatos com deficiência.

Nas nove vagas disponíveis para o cargo de Perito Criminal, há uma distribuição por especialidade, com uma vaga para cada área de formação, sendo elas: Engenharia Mecânica (1), Engenharia Civil (1); Engenharia Elétrica ou Engenharia Eletrônica (1); Bioquímica, Biomedicina, Ciências Biológicas, Química, Engenharia Química ou Farmácia (1); Administração, Ciências Contábeis ou Ciências Econômicas (1); Engenharia Florestal (1); Geologia, Engenharia de Minas ou Bacharelado em Geografia (1); Física (1); Computação Científica ou Análise de Sistemas (1).

Quanto à remuneração, os candidatos, após aprovados devem passar pelo Curso de Formação, na Academia de Polícia e, nesses seis meses de formação irão receber uma bolsa, sendo R$ 6.123,01 para Delegado, R$ 3.870,35 para os cargos de Médico Legista, Perito Criminal e Odonto-Legista; R$ 1.516,06 para os aprovados como Escrivão, Agente, Perito, Papiloscopista, além de R$ 1.010,70 para Auxiliar de Necropsia e Auxiliar de Perito Criminal.

Após a posse, os subsídios serão inicialmente de: R$ 20.410,04 para Delegado; R$ 12.901,17 para Médico Legista, Perito Criminal e Odonto-Legista; R$ 5.053,55 para Escrivão, Agente, Perito e Papiloscopista; e R$ 3.369,03 para Auxiliar de Necropsia e Auxiliar de Perito Criminal. Todos os valores acrescidos do auxílio alimentação no valor de R$ 500,00.

INSCRIÇÕES E PROVAS

As inscrições para o Concurso iniciam no dia 13 de abril, a partir das 10h, e seguem até às 23h59 do dia 12 de junho, e devem ser realizadas, exclusivamente, no endereço eletrônico da Fundação Vunesp:  www.vunesp.com.br.

A taxa de inscrição referente aos cargos de Delegado será de R$ 350,00; para Médico Legista, Perito Criminal e Odonto-Legista, de R$ 260; para Escrivão, Agente, Perito e Papiloscopista, de R$ 120; para Auxiliar de Necropsia e Auxiliar de Perito Criminal, de R$ 80,00. As provas do certame serão divididas por vagas.

Na tarde do sábado, dia 6 de agosto, está prevista a prova objetiva e discursiva para os candidatos ao cargo de Escrivão de Polícia. 

No dia seguinte, dia 7, pela manhã, será aplicada a prova objetiva para o cargo de Auxiliar de Perito Criminal.

Ainda no dia 7, durante a tarde, será a vez das provas objetivas e discursivas para Agente de Polícia.

No final de semana seguinte, no dia 13, à tarde, serão aplicadas as provas objetivas e discursivas para Perito Papiloscopista e a prova discursiva para o cargo de Delegado.

No dia seguinte, 14, pela manhã, será aplicada a prova objetiva para o cargo de Auxiliar de Necropsia.

Ainda no dia 14 de agosto, à tarde, serão aplicadas as provas objetivas e discursivas para os cargos de Médicos Legistas, Odonto-legistas, Peritos Criminais e a prova objetiva para o cargo de Delegado.