Mostrando itens por marcador: governoderoraima

Garantir segurança alimentar e nutricional com a produção e venda de alimentos e produtos orgânicos para famílias em situação de vulnerabilidade social, tanto brasileiras como imigrantes. Esse é o principal objetivo do programa Quintais Produtivos Verde Sonho, uma iniciativa do Governo do Estado, liderada pela Setrabes (Secretaria do Trabalho e Bem-Estar Social).

Em execução, o projeto vai criar e potencializar unidades produtivas de agricultura orgânica, além de integrar a estratégia de enfrentamento da pobreza, gerar renda e alavancar o empreendedorismo.

O programa, lançado no dia 6 de março, também conta com a participação do Movimento ID, Caisan (Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional), OIM (Organização Internacional para as Migrações), Seapa (Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento) e Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária).

A titular da Setrabes, Tânia Soares, ressaltou que a meta principal do programa é possibilitar a garantia do direito de todos ao acesso regular e permanente a alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais, tendo como base práticas alimentares promotoras de saúde que respeitem a diversidade cultural e que sejam ambiental, cultural, econômica e socialmente sustentáveis.

 “Nos deparamos atualmente com um dos maiores desafios que é a produção de alimentos e a erradicação da fome. Pensando nesta questão idealizamos em parceria com o Movimento ID, e demais parceiros o programa com a finalidade de fortalecer a produção sustentável, visando a promoção da segurança alimentar e nutricional, além de estimular a geração de trabalho e renda, priorizando as famílias em situação de vulnerabilidade”, destacou.

O coordenador do Movimento ID, Fábio Cavalcante, informou que um dos fundamentos do Quintais Produtivos, é a construção de uma política pública integrada e intersetorial que possa contribuir para a soberania alimentar da população, auxiliando na construção de práticas e estratégias sustentáveis de produção, distribuição, consumo de alimentos. geração de renda e aperfeiçoamento profissional, atendendo brasileiros e imigrantes em condição de risco.

 “Nossa meta principal é atender as famílias carentes e fortalecer a integração social, contribuindo diretamente para o desenvolvimento do Estado, gerando renda e possibilitando que eles sejam multiplicadores desta prática da produção orgânica de alimentos, agregando valor à produção. Sem dúvida é um projeto que vai abranger todo o Estado e em breve teremos uma grande expansão de hortaliças e outras culturas, agregando novas parcerias para ampliar esta ação social”, informou.

 SOBRE O PROJETO – A primeira fase do projeto iniciou no bairro Jóquei Clube, no Centro de Convivências e Tecnologias Sociais. Com técnicas repassadas por profissionais da Seapa e da Embrapa. O conhecimento é repassado por meio de módulos, os participantes passam por um processo de aprendizagem ondem de forma teórica e prática aprendem as técnicas de montagem, cultivo e tratos de hortas urbanas, bem como a conscientização sobre plantas alimentícias não convencionais.

Para garantir a continuidade desta ação, durante a solenidade de lançamento do programa, a Setrabes e parceiros realizaram a assinatura do termo de permissão de uso do prédio, para a coordenação do Movimento ID, que ficará responsável pelos cuidados e manutenção do local, destinado exclusivamente para a formação técnica e profissional das famílias.

Publicado em DESTAQUES

A primeira etapa da campanha de vacinação contra o sarampo termina na próxima sexta-feira, dia 13. Em Roraima, as ações de imunização estão sendo reforçadas pelo Governo do Estado, por meio da parceria entre as Secretarias de Saúde e de Educação, com ações de imunização nas escolas públicas e demais instituições de ensino. 

O trabalho começou pelo Instituto Sion, situado no bairro Caçari, onde técnicos e vacinadores do NEPNI (Núcleo Estadual do Programa Nacional de Imunização) realizaram a aplicação das primeiras doses. A meta é alcançar o percentual que é preconizado pelo Ministério da Saúde.

“No ano passado, o Estado de Roraima teve uma cobertura vacinal de apenas 80%. Por esse motivo, é preciso que os pais ou responsáveis tenham consciência que a imunização é a única forma de prevenção contra doença e a vacina contra o sarampo também protege contra a caxumba e a rubéola, que são outras duas doenças que podem acometer esse público”, reforçou Alice Dantas, gerente do NEPNI.

Nessa etapa da campanha, a maior parte do público está dentro das escolas, por isso o NEPNI buscará a estratégia de vacinar nas escolas e demais instituições de ensino do Estado, com o objetivo de chegar mais perto da população e proporcionar a possibilidade de acesso a imunização.

“É importantíssimo que os pais levem as suas crianças para vacinar, garantir que elas tenham as duas doses da vacina, o Núcleo Estadual está buscando esse apoio das escolas para essas atividades de imunização para garantir que esse público receba essas doses”, completou.

De acordo com o NCDE (Núcleo de Controle das Doenças Exantemáticas), o Estado contabilizou 58 notificações para a doença em 2019, com 01 caso confirmado, 55 descartados após análise laboratorial e outros 02 sob investigação.

Para Roraima, foram enviadas 8 mil doses para atender a primeira etapa da campanha, que é voltada para crianças e adolescentes de 5 a 19 anos. O NEPNI também vai disponibilizar nas ações doses de vacinas contra Hepatite B, HPV e Meningo C, que protege contra doenças infecciosas.

APERFEIÇOAMENTO – Por meio da Secretaria de Saúde, o Governo do Estado firmou uma parceria com a Faculdade Cathedral para oferecer estágio no NEPNI para acadêmicos de farmácia. As primeiras ações foram iniciadas este mês, com a realização de uma aula para tirar dúvidas sobre imunização e as formas de acondicionamento das vacinas. O foco é ressaltar entre os alunos a importância das ações da imunização e o manejo correto de vacinas.

“Nessa aula que realizamos esta semana, nós tentamos passar para esses alunos um pouco da importância do farmacêutico nesse processo para saber a conservação correta [da vacina], como administrar as doses, a diluição, o registro desses medicamentos nos sistemas de informação, entre outras informações”, ressaltou Larissa Ignachitti, técnica do NEPNI.

A secretária-geral do Conselho Regional de Farmácia e professora do curso, Bianca Félix ressaltou a relevância da ação tanto para os alunos quanto para a comunidade em geral, que deverá ser a grande beneficiada com a parceria.

“Graças a RDC-197 [Resolução da Diretoria Colegiada], de 2017, o farmacêutico acabou sendo inserido no sistema de imunização. Com isso, a faculdade já começou a incluir os alunos nesse tipo de vivência. Além de estudarem sobre imunologia clínica, eles vão sentir a imunização na prática, por meio do NEPNI. Com essa mão de obra, a população passa a ser bem melhor atendida nos programas e campanhas de imunização”, pontuou.

Publicado em DESTAQUES

O Governo de Roraima por meio da Aderr (Agência de Defesa Agropecuária) abre inscrições para habilitação de responsáveis técnicos para emissão de CFO (Certificação Fitossanitária de Origem), CFOC (Certificação Fitossanitária de Origem Consolidado) e inclusão de pragas na fruticultura.

As inscrições poderão ser feitas até 24 de março de 2020. Os interessados precisam preencher o formulário disponibilizado no link https://drive.google.com/open?id=1Wker-QCYSfIVdOXsI3rGirhnm3yw2NSd.

É necessário o envio digitalizado da carteira profissional do CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia), certidão negativa de débitos junto ao CREA, carteira de identidade e CPF para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

 “O número de vagas é limitado a 25 profissionais. O valor do curso é de R$ 312,15 que serão recolhidos através de Documento Arrecadação de Serviços. A emissão de boleto bancário pode ser feita no endereço: https://sigaderr.aderr.com.br/sem-login/dare-off/”, informou Marcelo Parisi, diretor de Defesa Vegetal da Aderr.

INCLUSÃO DE PRAGAS – O curso vai incluir o estudo das pragas mosca da carambola (Bactrocera carambolae), ácaro hindu dos citros (Schizotetranichus hindustanicus) e cancro cítrico (Xanthomonas axonopodis pv. citri).

Os responsáveis técnicos que desejarem fazer a inclusão dessas pragas também poderão participar mediante envio da documentação exigida, além de um requerimento formalizando quais pragas desejam incluir. O valor é de R$ 416,20.

O curso será realizado período de 30 de março a 6 de abril de 2020, no auditório da Superintendência Federal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Roraima, localizado na avenida Santos Dumont, 594, no bairro São Pedro. Mais informações podem ser obtidas no telefone (95) 99110-2181.

 

Publicado em DESTAQUES
Segunda, 09 Março 2020 12:56

COMUNICADO

A Sesau (Secretaria Estadual de Saúde), por meio da CGVS (Coordenação Geral de Vigilância em Saúde), torna pública a divulgação do BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO PARA ATUALIZAÇÃO SOBRE O CORONAVÍRUS.

A divulgação da situação epidemiológica do país com relação à doença faz parte do Plano de Contingenciamento montado pelas autoridades de saúde do Estado e as publicações vão ocorre diariamente, sempre a partir das 16 horas, no site da Sesau (www.saude.rr.gov.br), pelas redes sociais e na imprensa local.

A nova atualização do MS (Ministério da Saúde) aponta para para a existência de 25 casos positivos para o COVID-19 no país, sendo 16 em São Paulo, 03 no Rio de Janeiro, 02 na Bahia, 01 no Alagoas, 01 no Distrito Federal, 01 no Espírito Santo e 01 em Minas Gerais.

Já os casos suspeito caíram de 673 para 663 notificações, enquanto os casos descartados foram de 601 para 632  notificações.

 

Publicado em DESTAQUES

Fim de semana de alegria em Pacaraima. Neste domingo, 8, a saúde na região recebeu reforço. O Governo de Roraima, por meio da Sesau (Secretaria de Saúde), entregou para ao Hospital Délio de Oliveira Tupinambá uma ambulância tipo UTI.

A entrega ocorreu na Fazenda Xanadu, na Terra Indígena São Marcos, no município de Pacaraima, durante agenda de trabalho do governador Antonio Denarium, neste fim de semana.

Participaram da entrega parlamentares estaduais e federais, o prefeito de Pacaraima, Juliano Torquato, o diretor da Unidade, Luís Augusto da Silva, e lideranças indígenas da região.

“Essa ambulância nova vai ser muito importante para o município, pois vai ser usada na remoção de pacientes até Boa Vista. Esse apoio do governador para nós significa um grande auxílio e, sem dúvidas, essa parceria beneficiará os moradores aqui de Pacaraima”, agradeceu o prefeito.

A picape traçada, equipada com desfibrilador, balão de oxigênio, maca e prancha de remoção, foi adquirida com recursos próprios e está incluída em um investimento total de R$ 489.000,00, que consistia na entrega também de outras três ambulâncias sanitárias para o Hospital Geral Rubens de Souza Bento, em Boa Vista, ao Hospital Regional Sul Ottomar de Sousa Pinto, no município de Rorainópolis, e ao Hospital Irmã Aquilina, em Caracaraí.

"Esse é o nosso compromisso: levar saúde digna para todo o povo de Roraima, incluindo a capital e os municípios, onde as demandas são ainda maiores. Temos outras ações para realizar e mostrar para a população que o nosso maior objetivo é melhorar a vida das pessoas”, enfatizou o governador.

O planejamento incluiu também a aquisição de um gasômetro, equipamento portátil que faz a detecção da parte iônica e de gases, indicado para casos específicos, após avaliação médica.

Ao chegar ao Hospital, o paciente passa pela triagem e, dependendo do caso, após a avaliação clínica, se for indicada a realização do exame pelo gasômetro, ele passará pelo procedimento.

“Trata-se de um equipamento moderno, portátil, poderá ser usado dentro da Unidade, bem como em alguma ação realizada na região. Acreditamos que será de grande utilidade para o Hospital, uma vez que, quando for necessário, o paciente fará o exame na própria Unidade, sem precisar se deslocar pra Boa Vista”, salienta o secretário de saúde, Francisco Monteiro Neto.

OBRAS - O empenho do Governo do Estado em reestruturar a saúde de Roraima inclui a obra de reforma do Hospital Délio de Oliveira Tupinambá, programada para iniciar em 2020, com um planejamento orçamentário de R$ 2.700,000, por meio de emendas parlamentares.

O Hospital foi construído em 1992 e é a principal Unidade Hospitalar do Norte do Estado. Na Unidade, são realizados atendimentos ambulatoriais nas especialidades de ginecologia, obstetrícia, pediatria e clínica geral, além de serviços de urgência, emergência, partos de risco habitual e internação.

Publicado em Cidadania

O governador de Roraima Antonio Denarium recepcionou neste sábado, 7, o presidente da República Jair Bolsonaro. O encontro ocorreu na Base Aérea de Boa Vista. O avião do presidente fez uma escala em Roraima para reabastecimento, rumo aos Estados Unidos, onde Bolsonaro cumpre agenda neste final de semana. O encontro entre Denarium e o presidente durou um pouco mais de uma hora. Foram abordados temas como a obra do Linhão de Tucuruí, que vai conectar Roraima ao Sistema Interligado Nacional, os impactos da crise migratória, a Medida Provisória 901, que trata da transferência das terras da União para Roraima e que deve ser votada na Câmara Federal na próxima semana, entre outros assuntos.

O presidente também conversou com simpatizantes que foram à Base Aérea. Durante o seu discurso, convocou a população para ir às ruas em todo o país, em apoio ao Brasil no próximo dia 15 de março.

“Dia 15 agora, tem um movimento de rua, espontâneo. Se um político tem medo de movimento de rua, não serve para ser político. Então participem. Não é um movimento contra o Congresso, contra o legislador, contra o Judiciário. É um movimento pró-Brasil. É um movimento que quer mostrar para todos nós, que quem dá um norte para o Brasil é a população”, afirmou.

Denarium aproveitou o encontro para solicitar uma resposta mais efetiva do Governo Federal sobre os gastos do Governo de Roraima com a imigração venezuelana, lembrando que a Venezuela faz fronteira não só com Roraima, mas com o Brasil.

“Precisamos que o Governo Federal faça o reembolso de todo o gasto efetuado com recursos próprios do Estado, para oferecimento e manutenção de serviços de saúde, educação, segurança pública e assistência social, em razão de imigração em massa de venezuelanos para o Estado, que tem sobrecarregado a nossa capacidade de atendimento e elevado os custos”, disse.

VISITA MINISTERIAL - Após Jair Bolsonaro seguir viagem para os Estado Unidos, a comitiva do ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Jorge Oliveira, composta pelo advogado-geral da União substituto, Renato de Lima França, Humberto Moura, subchefe adjunto de Assuntos Institucionais, e a subchefe adjunta de Infraestrutura, Ana Carolina Laferte, foi recebida pelo governador e pelos senadores Mecias de Jesus e Chico Rodrigues, o deputado federal Jhonatan de Jesus e os deputados estaduais Gabriel Picanço, Jorge Everton e Jeferson Alves, no Palácio Senador Hélio Campos.

Na ocasião, o governador apresentou os principais impactos causados pela imigração, pontuando ainda a necessidade de que o Governo Federal apoie os projetos estruturantes no Estado, como o Linhão de Tucuruí, a MP 901 e o Zoneamento Ecológico Econômico.

O ministro Jorge Oliveira disse que o Governo Federal está trabalhando para ajudar o Estado de Roraima e que, em breve, as obras do Linhão de Tucuruí devem iniciar.

Publicado em Cidadania

O Governo de Roraima, por meio da Sesau (Secretaria de Saúde), intensificará as ações de saúde disponibilizadas aos reeducandos da Pamc (Penitenciária Agrícola de Monte Cristo). A partir da próxima segunda-feira, 9, será realizado um mutirão de saúde na unidade prisional, com a oferta de consultas médicas, fornecimento de medicação, imunização, entre outros serviços. As atividades começarão a partir das 9h e devem seguir até as 16h.

De acordo com cronograma montado pela CGAB (Coordenadoria Geral de Atenção Básica) da Sesau, as ações serão realizadas em duas etapas, de 9 a 13 e de 16 a 20 de março.

Estarão envolvidos três médicos (clínico geral), 21 técnicos de enfermagem, dois enfermeiros e quatro farmacêuticos, um infectologista, um dermatologista, quatro dentistas, um auxiliar de saúde bucal, uma psicóloga e um assistente social. Após o mutirão, continuarão na Pamc cinco técnicos de enfermagem, duas enfermeiras, um clínico geral, um psiquiatra, um assistente social, um psicólogo, quatro dentistas, um técnico de saúde bucal e duas farmacêuticas, com atendimentos pela manhã e no turno da tarde.

De acordo com o coordenador geral da Atenção Básica, Erivan França, cada especialista ficará responsável pelo atendimento de 60 pessoas, o que dará em torno de 300 atendimentos por dia.

“A expectativa é atender todos os reeducandos daquela unidade, identificando as necessidades de cada caso e prestando o auxílio necessário para atender às demandas de cada um”, destacou o coordenador.

Na ação, as equipes da saúde farão o rastreamento de doenças infectocontagiosas que acometem a pele dos detentos; tratamento in loco de problemas comuns, como escabiose e micose; e fornecimento de medicamentos prescritos pelos médicos que integram o mutirão.

O agendamento de consultas para pacientes que necessitem de tratamento especializado e encaminhamento para a unidade hospitalar, para atendimento dos casos considerados graves, também serão feitos.

“Para esta ação, serão disponibilizados todos os profissionais que integram a equipe multiprofissional de saúde da Pamc. Será uma oportunidade em que eles terão acesso a diversos especialistas em um mesmo momento”, completou França.

A iniciativa de realizar o mutirão reafirma a preocupação do Governo de Roraima de prestar a assistência adequada a este público, propiciando um ambiente digno para o processo de ressocialização.

“A intenção é seguir as diretrizes da gestão de governo e contribuir para a qualidade de vida dessas pessoas, por isso é fundamental que façamos o mapeamento da situação de saúde da população privada de liberdade daquela unidade prisional”, ressaltou o secretário de Saúde interino, Francisco Monteiro Neto.

Publicado em Cidadania

Neste fim de semana a população do município de Pacaraima perceberá os resultados positivos do trabalho de reestruturação da saúde roraimense. Nesse domingo, dia 8, por meio da Sesau, o Governo de Roraima entregará uma ambulância UTI, para ao Hospital Délio de Oliveira Tupinambá, localizado no município de Pacaraima.

O Governo de Roraima adquiriu, com recursos próprios, quatro ambulâncias. Um investimento total de R$ 489 mil. Destas, três ambulâncias sanitárias foram entregues, em 2019, ao Hospital Geral Rubens de Souza Bento, em Boa Vista, ao Hospital Regional Sul Ottomar de Sousa Pinto, no município de Rorainópolis e ao Hospital Irmã Aquilina, em Caracaraí.

 “Todo esse trabalho vem sendo planejado e executado com muita responsabilidade e transparência para que a população perceba o compromisso da gestão pública de buscar a reestruturação da saúde roraimense. Sabemos que tem muito a ser feito, mas a saúde é uma das prioridades do governador Antonio Denarium e os avanços serão alcançados”, enfatizou o secretário de Saúde, Francisco Monteiro Neto.

Para Pacaraima o modelo é picape 4X4 pela necessidade de remoção de pacientes pela BR-174. Trata-se de uma ambulância moderna, equipada com desfibrilador, balão de oxigênio, maca e prancha de remoção.

“A chegada dessa ambulância será de extrema importância para a melhoria do serviço prestado na Unidade. Temos uma demanda imensa e que cresce a cada dia, e agora com esse reforço teremos condições de prestar a assistência de maneira mais adequada. Quem ganha são os pacientes e a comunidade que tanto necessita do serviço de qualidade”, salientou o diretor Luis Augusto da Silva.

Por meio de recursos próprios, o Governo adquiriu também um gasômetro, equipamento portátil que faz a detecção da parte iônica e de gases, indicado para casos específicos, após avaliação médica.

Ao chegar no Hospital o paciente passa pela triagem e dependendo do caso, após a avaliação clínica, se for indicada a realização do exame pelo gasômetro, ele passará pelo procedimento.

 “Como trata-se de um equipamento portátil ele pode ser usado dentro da Unidade, bem como em alguma ação realizada na região, ou seja, será de extrema valia para o atendimento de pacientes no município, atendendo a demanda reprimida na região. Com essa iniciativa a gestão demonstra o compromisso de equipar todas as unidades de saúde, e por meio do planejamento das ações está sendo possível realizar o sonho de ver a saúde melhorar no Estado”, salienta Francisvaldo Paixão, coordenador geral de urgência e emergência da Sesau.

 OBRAS – O Hospital Délio de Oliveira Tupinambá está entre as unidades hospitalares que passarão por obras de reforma. O início dos trabalhos está programado para começar ainda este ano, com um planejamento orçamentário de R$ 2,4 milhões, por meio de emendas parlamentares.

O Hospital foi construído em 1992 e é a principal Unidade Hospitalar do Norte do Estado de Roraima. Na Unidade são realizados atendimentos ambulatorial nas especialidades de ginecologia, obstetrícia, pediatria e clínica geral, além de serviços de urgência, emergência, partos de risco habitual e internação. No mês de Janeiro foram realizados cerca 3.300 atendimentos. Em 2019 foram realizados 44.413 atendimentos.

 “O empenho do Governo de Roraima em reestruturar a saúde de Roraima demonstra o compromisso da gestão em atender as demandas do povo de Roraima, bem como as pessoas que escolheram Roraima para viver. O trabalho no Hospital de Pacaraima é um exemplo disso, e a nossa expectativa é começar essa mesma ação em outras unidades também do interior”, finalizou o secretário.

Publicado em DESTAQUES
Sábado, 07 Março 2020 12:39

COMUNICADO

A Sesau (Secretaria Estadual de Saúde), por meio da CGVS (Coordenação Geral de Vigilância em Saúde), torna pública a divulgação do BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO PARA ATUALIZAÇÃO SOBRE O CORONAVÍRUS.

A divulgação da situação epidemiológica do país com relação à doença faz parte do Plano de Contingenciamento montado pelas autoridades de saúde do Estado e as publicações vão ocorre diariamente, sempre a partir das 16 horas, no site da Sesau (www.saude.rr.gov.br), pelas redes sociais e na imprensa local.

A nova atualização do MS (Ministério da Saúde) aponta para para a existência de 13 casos positivos para o COVID-19 no país, sendo 10 no estado de São Paulo, 01 no Rio de Janeiro, 01 no Espírito Santo e 01 na Bahia.

Já os casos suspeito cresceram de 636 para 768 notificações, enquanto os casos descartados foram de 378 para 480  notificações.

Publicado em DESTAQUES

A Seapa (Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento) apresentou para 
os servidores da pasta o plano de metas “Desafios Seapa” para o ano de 2020. O
evento ocorreu no auditório da instituição, na tarde desta sexta-feira, dia 6 de
março. Dentre as principais ações no plano de ação está o fortalecimento do
escoamento e comercialização da produção agrícola, a promoção de
capacitações, treinamento e aperfeiçoamento dos servidores, além da criação do
Plano Estadual Agroambiental.

O governador do Estado, Antonio Denarium, enfatizou a importância de valorizar
toda produção agrícola. “A Seapa é uma secretaria estratégica, pois vai auxiliar
tanto o pequeno produtor rural, até o grande produtor, todos serão beneficiados
com este planejamento. Mensuramos os resultados do ano anterior e agora
fixamos as metas para este ano”, frisou.

O alinhamento dentro da Secretaria visa estabelecer que todos os processos
burocráticos sejam dinamizados e finalizados. Segundo o secretário da pasta,
Emerson Baú, a ideia é criar resultados possíveis de serem executados. “Nossa
gestão é toda fundamentada em metas concretas, assim conseguimos criar um
ambiente onde todos os servidores, entre técnicos e diretoria, possam trabalhar
para fortalecer a agricultura no estado de Roraima”, disse.

O governador ainda comemorou a parceria entre várias instituições, pois isso
torna fundamental a ampliação de recursos e investimentos.“Temos parceria coma Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), Sebrae (Serviço
Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), Banco do Brasil e Banco da
Amazônia.Os dois bancos juntos têm disponibilizado para o Estado de Roraima o
valor de até R$ 1 bilhão”, comemorou Denarium.


Desafios e metas
Cada diretoria fez uma análise das metas, entre elas, está a capacitação tantos
dos servidores, quanto dos produtores rurais. A reforma das feiras já existentes, o
apoio ao escoamento e comercialização e parcerias com outras instituições
ligadas a temática agrícola. Além disso, outra meta importante, para o produtor
rural é a recuperação de crédito, para que assim, ele consiga recursos para
novamente voltar a produzir.


Participaram do evento os secretários da Seampu (Secretaria de Segurança e de
Articulação Municipal), Ilaine Henz; o chefe da Casa Civil, Disney Mesquita;
presidente da Cerr (Companhia Energética de Roraima), Cecília Lorenzon;
presidente do Iteraima (Instituto de Terras e Colonização de Roraima), Márcio
Grangeiro; os deputados estaduais Tayla Peres, Ângela Águida Portella, Aurelina
Medeiros, Gabriel Picanço e Marcelo Cabral.


Estiveram presentes também os senadores Chico Rodrigues e Telmário Mota; os
superintendentes do Banco do Brasil, Mário Alcântara, e o presidente regional do
Basa (Banco da Amazônia), André Luiz Vargas; diretora técnica do Sebrae,
Dorete Padilha; o pesquisador Edvan Alves, da Embrapa (Empresa Brasileira de
Pesquisa Agropecuária); produtores rurais e o proprietário do Viveiro Henz,
Charles Henz.

Publicado em DESTAQUES