Mostrando itens por marcador: governoderoraima

Estudantes e professores da Escola Estadual Ayrton Senna da Silva vão apresentar nesta sexta-feira, 13, os resultados do “Projeto Didático Interdisciplinar Feminicídio – a expressão máxima da violência contra a mulher”. O evento será das 8h às 11h30 e das 14h às 17h30 a instituição de ensino.

 Segundo a professora de História, Rosilene Souza da Silva, o projeto envolveu todos os professores da escola e todas as turmas, dada a importância do tema. “O objetivo da ação, além de trabalhar o tema relevante, que é a violência contra a mulher e o feminicídio, também buscou trabalhar com os professores a interdisciplinaridade”, explicou Rosilene.

A professora informou que o tema e o projeto interdisciplinar foram definidos durante reunião pedagógica em conjunto com todos os professores para que fosse trabalhado no mês de março, quando se comemora o Dia Internacional da Mulher.

Os estudantes realizaram pesquisas bibliográficas, levantamentos estatísticos, produziram documentários. Para os documentários, os alunos fizeram pesquisas científicas e pesquisa de campo, identificando situações de violência contra a mulher incluindo entre os próprios alunos, familiares ou também pessoas próximas.

Por meio das metodologias ativas, os alunos construíram linhas do tempo e mapas conceituais. Uma turma de alunos específica irá apresentar uma maquete com o mapa do feminicídio do Brasil. Ou seja, será apresentado o número de feminicídio em cada região do país.

A Escola Estadual Ayrton Senna está localizada na Avenida Venezuela n° 2398, bairro Mecejana, funcionando no mesmo prédio da Escola Ana Libória e atualmente atende 1022 alunos no Ensino Médio.

 

Publicado em DESTAQUES

Nesta sexta-feira, dia 13, encerram As inscrições para o I Concurso de Redação e Desenho “Valorize a Água, o Planeta agradece” encerram nesta sexta-feira, 13. A ação é realizada pela Caer (Companhia de Águas e Esgotos de Roraima) em parceria com a Seed (Secretaria Estadual de Educação).

Conforme explicou o diretor Administrativo e Financeiro, Thiago Amorim, os interessados podem se inscrever até às 17h, desta sexta-feira, na sede da Caer.

“Devido o feriado do carnaval, prorrogamos o concurso por mais quatorze dias, período que encerra esta sexta. Os candidatos inscritos podem concorrer em duas categorias, desenho ou redação. Lembrando que os três primeiros colocados serão premiados. Além disso, as escolas de cada vencedor também receberá kits esportivos. Então ainda dá tempo se inscrever, é só entregar sua redação ou seu desenho até amanhã”, explanou Thiago.

O certame visa fomentar as ações de preservação e valorização da água, permitindo uma melhor compreensão por parte da sociedade acerca dos malefícios do desperdício e da importância do consumo consciente, bem como despertar nos jovens o interesse por debates saudáveis no ambiente escolar.

Todas as inscrições devem ser feitas de forma presencial, na sede da Companhia, situada na Rua Melvin Jones, 219, no bairro São Pedro. As inscrições somente serão validadas após entrega dos desenhos e redações. O edital encontra-se no portal www.caer.com.br e no aplicativo Caer Mobile.

CRITÉRIOS - Estudantes das redes de ensino pública e privada terão os trabalhos inscritos no concurso e serão avaliados e pontuados de acordo com a adequação do tema, correção gramatical e ortográfica, objetividade, originalidade e criatividade.

PREMIAÇÃO - As três redações e desenhos vencedores serão premiadas com R$ 2 mil para o primeiro colocado, R$ 1,5 mil para o segundo lugar e R$ 500,00 para o terceiro. As escolas serão premiadas com um kit esportivo das modalidades futsal, vôlei e basquete.

 
Publicado em DESTAQUES

A fila de espera para realizar a cirurgias oncológicas na Unacon/RR (Unidade de Oncologia de Roraima) agora faz parte do passado. O avanço foi possível graças ao empenho da atual gestão do governo, a partir de um mutirão para atender os pacientes, iniciado em outubro do ano passado.

Conforme os dados da Unacon-RR, 130 pacientes, em processo de tratamento, passaram pelo procedimento cirúrgico durante o mutirão. O diretor da unidade, Dr. Anderson Benetta, disse que esse é um feito inédito para a saúde em Roraima.

“Estamos completando 14 anos de existência da Unacon-RR. É a primeira vez na nossa história que a gente não tem fila de pacientes para serem operados pelo serviço de cirurgia oncológica”, afirmou.

Benetta informou que a redução para zero da fila para cirurgias oncológicas foi possível com o apoio da Secretaria de Saúde e os investimentos feitos pelo Governo do Estado.

“Assumimos esse desafio de realizar os procedimentos graças ao esforço do Governo do Estado que investiu na compra de instrumentos e materiais cirúrgicos. O apoio da Secretaria de Saúde também foi fundamental para o sucesso no mutirão cirúrgico”, explicou.

O diretor da Unacon-RR lembra que antes os pacientes levavam seis meses para fazer um procedimento cirúrgico para tratar do câncer, mas que a partir de 2019 a realidade começou a mudar.

“Recebíamos inúmeras reclamações de pacientes em tratamento que precisavam realizar a cirurgia, mas tinham que esperar. Agora, eles conseguem marcar uma cirurgia em apenas uma semana”, esclareceu.

COMO FUNCIONA O ATENDIMENTO – A Unacon-RR recebe apenas pacientes diagnosticados com o câncer. Em Roraima, os exames para o diagnóstico da doença são feitos no Hospital Coronel Mota, Centro de Referência de Saúde da Mulher e Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth.

Após a confirmação do diagnóstico, o paciente é encaminhado para a Unacon-RR que aponta quais tratamentos deverão ser realizados. A duração varia e pode chegar há dois anos.

SOBRE A UNIDADE – A Unacon-RR realizou quase 30 mil atendimentos em 2019. Os números são bastante expressivos, levando em consideração que é a única unidade pública com credenciamento no MS (Ministério da Saúde) para operar com esse tipo de serviço no Estado.

A unidade também atende pacientes imigrantes, sobretudo venezuelanos em busca de tratamento. Foram quase 3 mil atendimentos a cidadãos daquele país no ano passado.

Desde que foi criada em 2006, a Unacon-RR realizou um total de 4.078 cirurgias oncológicas. Composta por uma grande equipe multidisciplinar com profissionais altamente especializados, a Unacon-RR oferta 26 diferentes serviços exclusivos para pacientes com câncer, além de grupos de apoio para pacientes e familiares.

MAIS INVESTIMENTOS – Ainda este ano está prevista a reforma e ampliação do Bloco A do HGR (Hospital Geral de Roraima). O valor do investimento é R$ 1.838,352,47, fruto de emenda do deputado federal Jhonatan de Jesus (PRB-RR).

Aprovado pela Caixa Econômica Federal, o projeto já em fase de licitação e quando inaugurado, atenderá as demandas de internações e quimioterapia da Unacon-RR. Com a obra, a unidade terá aumento no número de leitos, tanto de internação, que passará de 19 para 38 leitos, quanto de quimioterapia, que subirá de 6 para 10 poltronas de tratamento.

A equipe de atendimento para esses serviços também será aumentada.Atenção especial será dada aos pacientes em cuidados paliativos que possuirão leitos exclusivos de internação.

Para ampliar o número de atendimentos aos pacientes que lutam contra o câncer, será criada também a Unidade de Radioterapia de Roraima. A unidade começou a ser construída na rua Amsterdã, por trás do Laboratório de Anatomocitopatologia de Roraima (Laper) e ao lado do HGR, onde funciona a Unacon.

A implantação da Unidade faz parte do Plano Nacional de Expansão de Radioterapia no SUS, do Ministério da Saúde, que destinou um total de R$ 7.209.400,90 para a realização das obras.

 

Publicado em DESTAQUES

Cinco professores da rede estadual de ensino foram classificados para a semifinal da I edição do Prêmio Professor Transformador.  Foram inscritos 1.270 projetos em todo o Brasil. Os projetos dos professores de Roraima estão entre os 350 trabalhos que serão avaliados. Devem passar para a final apenas 12 projetos e o resultado será divulgado ainda em março.

Um dos semifinalistas é o professor Manoel Reildo Cerdeira dos Santos, da Escola Estadual Major Alcides. Ele desenvolveu o tema “A matemática além da escola com o design, confecção e comercialização de biojoias e bijuterias”.

Esse projeto busca trabalhar a teoria e a prática da disciplina Matemática de uma forma criativa, promovendo a construtividade e contextualização da disciplina. Os alunos realizaram pesquisas, planilhas, tabelas, participaram de oficinas para confecção de produtos, conversaram com vendedores ambulantes e hippies que confeccionam bijouterias.

Os alunos também fizeram tabulação de dados, comparação de preços, análise de lucro, regra de três simples, trabalharam porcentagem e estatísticas. Eles confeccionaram seus próprios produtos (biojóias e bijouterias) e os comercializaram.

 “O projeto foi desenvolvido ao longo de 2019 com os estudantes do Ensino Médio e rendeu frutos, como o nome diz ‘além da escola’. Eles receberam muitas encomendas de produtos e perceberam a geração de renda. O lucro que obtinham era revertido na compra de materiais de estudo, transporte, alimentação. O projeto é para a vida deles. Fiquei muito feliz com o resultado”, destacou Reildo Cerdeira.

Outra semifinalista é a professora Simone Catão, da Escola Olavo Brasil Filho, que idealizou o trabalho intitulado “Duas Culturas e uma nação”. O projeto busca promover a inclusão e a boa convivência entre estudantes brasileiros e imigrantes venezuelanos.

A atividade tem como eixo temático a valorização humana, a formação do cidadão, interação social e o combate à xenofobia. O destaque do projeto foi a produção da cartilha “Alunos refugiados: vamos acolhê-los” que reuniu temas sobre o impacto da imigração, refúgio, xenofobia e a produção de poemas dos alunos.

 MAIS PROJETOS

O terceiro projeto semifinalista é da professora Rutemara Florêncio, da Escola Estadual Tancredo Neves. Com o tema “Histórias das mulheres em Roraima”, o trabalho foi desenvolvido dentro da disciplina de História, e destacou o trabalho de mulheres protagonistas de suas próprias histórias e que, dentro de sua profissão de forma pioneira, ajudaram a construir a história de Roraima.

Os estudantes realizaram pesquisas, leituras e entrevistas as quais foram registradas em vídeos. As entrevistas deram origem à produção de textos, documentários e sites contendo as histórias das mulheres entrevistadas.

A outra professora semifinalista é Shirlei dos Santos Catão, da Escola Crisotelma Francisca de Brito Gomes. A instituição de ensino está inserida no sistema prisional de Roraima e atende hoje 165 alunos. A professora concorre com três projetos e um dele é “Educação para o trânsito além das grades”, que tem a finalidade de proporcionar melhoria na aprendizagem por meio da educação para o trânsito.

O segundo projeto é intitulado “Preciosas” e busca elevar o crescimento intelectual e autoestima das alunas por meio de atividades esportivas. Além desses, a professora concorre também um terceiro projeto, com o tema “Reconstruindo Sorrisos” sobre saúde bucal, este pela escola municipal Francisco de Souza Bríglia.

Maria de Fátima dos Santos, da Escola Olavo Brasil Filho é a quinta semifinalista da rede estadual de ensino com o projeto “Ao passo da vida contra uma epidemia silenciosa” que trabalha a socialização dos alunos em sala de aula e em todo ambiente escolar, em busca de integrá-lo ao meio social visando a prevenção do suicídio. O projeto também trabalha questões referentes ao Bullying.

 O PRÊMIO

A I edição do Prêmio Professor Transformador é uma iniciativa da BETT Educar e Base2Edu Serviços de Tecnologia Educacional com a parceria do Instituto Singularidades, Consed (Conselho nacional dos Secretários de Educação), Microssoft, Undime/SP (União Nacional dos Secretários Municipais de Educação), e apoiadores. 

O objetivo do Prêmio é reconhecer práticas inovadoras de professores de todo o país que tenham como proposta a transformação das salas de aula em ambientes criativos.

O Prêmio é dividido em quatro categorias: Educação Infantil, Ensino Fundamental 1, Ensino Fundamental 2 e Ensino Médio. O segundo e terceiro lugar de cada categoria receberá a quantia de R$ 2,5 mil, troféu e participação na BETT Educar 2020, em São Paulo no mês de maio, em uma mesa de apresentação de projetos transformadores.

O primeiro lugar de cada categoria levará troféu, o prêmio de R$ 7 mil, ganhará uma viagem para participação na BETT Educar 2021 em Londres; participação especial como convidado na BETT Educar 2020, em uma mesa de apresentação de projetos transformadores, e divulgação do trabalho na Revista Direcional Escola.

 

Publicado em DESTAQUES

O Estado de Roraima, por meio da Secretaria de Saúde, está sendo representado na Reunião Ordinária da Assembleia Geral do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal, no âmbito do 20º Fórum de Governadores, realizado esta semana, na cidade de Belém, no Pará.

Durante a agenda governamental, estão programados debates pelas Câmaras de Planejamento e Gestão Estratégica, Meio Ambiente, Educação, Saúde, Segurança Pública, Comunicação Pública, Gestão Fiscal e Tributária.

Em relação à Câmara de Saúde, o tema em pauta será a “Compras compartilhadas em Saúde”, que consiste na primeira aquisição conjunta de medicamentos pelos noves estados associados ao Consórcio Norte de aquisição de medicamentos do componente especializado.

Além de Roraima farão parte do Consórcio Norte outros estados da Região Norte, entre eles, Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia e Tocantins.

Com a compra realizada desta forma, os estados brasileiros percebem, de imediato, dois principais benefícios. O primeiro é que em uma compra em grande volume, como esta, não corremos o risco de ter durante o processo, um resultado deserto ou fracassado. Além disso, cada estado terá uma economia de pelo menos 20%”, esclareceu o secretário de saúde, Francisco Monteiro Neto.

Por meio do Consórcio Norte de aquisição de medicamentos do componente especializado é adotado o modelo de compra centralizada para atender a necessidade anual da medicação pelo Estado.

São 37 itens de medicação do componente especializado que serão comprados junto com os outros estados. Para oficializar o projeto, o Estado de Roraima, bem como os outros estados, realizou um levantamento prévio das medicações a serem adquiridas e cada região inclui o seu quantitativo, para a aquisição por meio do consórcio. Esse formato de compra será de grande valia para o abastecimento de medicamentos nas Unidades Hospitalares no Estado”, enfatizou Yonara Karine Corrêa Varela, que integra a Coordenadoria Geral de Assistência Farmacêutica.

Publicado em DESTAQUES
Quinta, 12 Março 2020 11:14

COMUNICADO

A Sesau (Secretaria Estadual de Saúde), por meio da CGVS (Coordenação Geral de Vigilância em Saúde), torna pública a divulgação do BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO PARA ATUALIZAÇÃO SOBRE O CORONAVÍRUS.

A divulgação da situação epidemiológica do país com relação à doença faz parte do Plano de Contingenciamento montado pelas autoridades de saúde do Estado e as publicações vão ocorre diariamente, sempre a partir das 16 horas, no site da Sesau (www.saude.rr.gov.br), pelas redes sociais e na imprensa local.

A nova atualização do MS (Ministério da Saúde) aponta para um aumento nos casos positivos, que foram de 34 para 52 registros, enquanto os casos suspeitos também subiram, indo de 893 para 907 notificações

 

Já os casos descartados aumentaram de 780 para 935 notificações. Por conta do crescimento de notificações, a OMS (Organização Mundial de Saúde) declarou hoje, dia 11, que o mundo vive uma pandemia da doença. 

Publicado em DESTAQUES

Com a realização de uma videoconferência na CGVS (Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde), a Sesau (Secretaria de Saúde), por meio do NCFAD (Núcleo de Controle da Febre Amarela e Dengue), iniciará as atividades do Centro de Operações Especiais das Arboviroses (Dengue, Chikungunya, Zika Vírus e Febre Amarela) nesta quinta-feira, dia 12.

A implantação do COE Arboviroses já é uma realidade em vários estados e Roraima passa a ser inserido em mais uma das estratégias de monitoramento e controle do Ministério da Saúde, conforme explica a gerente do NCFAD, Rosângela Santos.

 “Devido ao cenário atual, tanto a nível nacional quanto local, a montagem desse Centro vem para fortalecer as ações de vigilância que já são realizadas em nosso Estado, principalmente no que diz respeito à vigilância epidemiológica dessas doenças”, disse.

Participarão da videoconferência as áreas técnicas que vão compor o Centro de Operações no Estado, entre Assistências Primária, Especializada e Laboratorial, além da Vigilância Epidemiológica e Imunização, representantes da capital e dos municípios.

 “Como Estado, nós ainda vamos incluir a Vigilância Entomológica e o Controle Vetorial, que nos ajudarão a definir como e onde funcionará o Centro”, completou Rosângela.

 COMBATE À DENGUE

Outra atividade que também será realizada nesta quinta é a Oficina de Capacitação sobre Manejo do “Cielo-UVL”, novo inseticida que será utilizado nas ações de controle vetorial do Aedes Aegypti. Essa ação ocorrerá durante todo o dia na ETSUS (Escola Técnica do SUS), situada na Rua Uraricoera, bairro São Vicente.

 “Todos os técnicos do Estado e dos municípios que compõem as equipes de controle de vetores farão parte dessa ação, e essa capacitação será ministrada por técnicos da empresa responsável pela fabricação e distribuição [do produto], numa parceria entre o Estado e Ministério da Saúde”, completou.

Conforme a programação, a capacitação será dividida em aula prática pela parte da manhã e treinamento no período da tarde.

Atualmente, a Sesau realiza um trabalho estratégico de combate aos criadouros da dengue em todo o Estado, priorizando os municípios com maior número de casos.

A capital foi a primeira contemplada com a intensificação das ações dos carros fumacê, que deverão passar por todos os bairros até o dia 20 de março. Após isso, será a vez dos municípios do interior, começando pelas cidades que apresentam maior incidência nos registros de casos de dengue.

 

Publicado em DESTAQUES

Mais um poço artesiano foi reativado pela Caer (Companhia de Águas e Esgotos) esta semana. O poço com capacidade para fornecer 55 mil litros de água por hora está reforçando o abastecimento de água nos bairros Cambará e Jóquei Clube e entrou em atividade nesta terça-feira, dia 10.

O presidente da Companhia, James Serrador, ressaltou que a administração não tem medido esforços para minimizar a situação de falta de água em virtude da estiagem e vem realizando manobras na rede de distribuição dos bairros para melhorar o abastecimento tanto na capital quanto no interior.

A estação de tratamento do bairro São Pedro está funcionando na sua capacidade máxima, com média de 1.100 litros por segundo. Para reforçar o fornecimento de água em toda cidade, 56 poços artesianos foram reativados, e fornecem mais 660 litros por segundo.

Desde 2019 até a data de hoje, a Companhia acrescentou em Boa vista, uma média de 700 mil litros por hora, porém, a baixa vazão nos poços, alto consumo e o crescimento expressivo da demanda, podem causar falta de pressão em alguns pontos da cidade. A empresa está concluindo um processo licitatório para perfuração de mais 50 poços em todo o Estado, e a expectativa é de que os poços comecem a ser perfurados ainda no mês de março”, assegurou.

Assessoria de Comunicação e Marketing

 

Companhia de Águas e Esgotos de Roraima
(95) 2121-2205
Facebook: @caerroraima
Instagram: @caerroraima
Boa Vista - Roraima

 

Publicado em DESTAQUES

Em continuidade às comemorações do Dia Internacional da Mulher, a Escola Estadual Professor Hildebrando Ferro Bitencourt está realizando o projeto Semana da Mulher. O evento encerrará na sexta-feira, 13, a partir das 9h50, no auditório da instituição de ensino.

As atividades iniciaram hoje, 10, e têm como objetivo sensibilizar os alunos sobre a importância da mulher, repensando o seu papel na sociedade e sua independência pessoal e profissional. A programação envolve palestras com os temas: ‘Diferenças biológicas entre homens e mulheres’, ‘Diferenças comportamentais entre homens e mulheres’, ‘Lei Maria da Penha, Leis e Direitos’ e ‘Mulheres na linha do tempo’.

O evento também vai contar com uma apresentação teatral com o tema ‘Relacionamento abusivo’, um vídeo curta metragem  produzido pelos estudantes do 8° ano do Ensino Fundamental, além de apresentações musicais e de danças.

 “Buscamos falar sobre a mulher em vários aspectos, refletir sobre as diferenças, direitos e sua importância. Além de incentivar os alunos a construir sua aprendizagem realizando pesquisas em relação a temática trabalhada”, explicou a professora de língua portuguesa e coordenadora do projeto, Gisele Bispo.

O projeto é voltado para estudantes do Ensino Fundamental e Médio e envolve as disciplinas de Língua Portuguesa, Ciências e Biologia. Além dos estudantes, o projeto conta com a parceria dos professores, equipe gestora, servidores da escola e servidores do laboratório de informática.

A Escola Estadual Professor Hildebrando Ferro Bitencourt está localizada na Avenida São Paulo, n° 880, bairro dos Estados. Segundo dados do Censo Escolar 2019, são atendidos 276 alunos nas etapas de Ensino Fundamental e Médio.

 

Publicado em DESTAQUES

Uma das metas do Governo do Estado é promover o desenvolvimento de Roraima por meio do fomento à agricultura seja no segmento familiar, indígena ou empresarial. Para isso, um bom relacionamento e aproximação de instituições financeiras que ofertam linhas de Crédito Rural é fundamental.

Em Belém, no Pará, para participar do Consórcio Interestadual da Amazônia Legal, o titular da Seapa (Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento), Emerson Baú, visitou a sede do Banco da Amazônia na capital paraense para dialogar com representantes da presidência da instituição financeira sobre estratégias para o desenvolvimento da agricultura em Roraima.  

Baú ressaltou que o desenvolvimento da agricultura em Roraima é uma das metas do governador Antonio Denarium, que não tem medido esforços para que isso se torne uma realidade. Ele frisou que a aproximação com bancos parceiros que fomentam o Crédito Rural é importante para conseguir captar mais recursos.

“Com mais dinheiro em mãos para investir, o homem do campo pode aumentar sua produção, com isso, ele fortalece todo o setor no Estado. Com isso incluímos a agricultura indígena, a agricultura familiar e a empresarial”, afirmou o secretário de Agricultura.

No encontro, que também contou com a participação do assessor de Crédito, Nilson Barros e a assessora de Projetos, Alessandra Hallem, ambos da Seapa, foi debatido o alinhamento da atuação do Serviço de Ater (Assistência Técnica e Extensão Rural) da Seapa na implantação e difusão do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar) Digital, o Pronaf B, Pronaf Custeio e Pronaf Floresta, no Estado de Roraima.

Outros assuntos que também entraram em pauta foram estratégias para o fortalecimento da agricultura familiar em Roraima; treinamento e capacitação dos técnicos agrícolas e engenheiros; definição dos APLs (Arranjo Produtivo Local) prioritários; definição de metas operacionais e financeiras; e simplificação de processos, além de proposições para ajustes do Crédito Rural para o Plano Safra 2020/2021.

Os representantes do Banco da Amazônia foram: Misael Moreno, gerência de Políticas e Planejamento de Crédito e Cadastro; Luiz Lourenço, gerente Executivo de Pessoas Físicas; César Teixeira, coordenadoria de Inovação e Transformação Digital e Cláudio Pinto, gerente Executivo de Governança de TI (Tecnologia da Informação).

Publicado em DESTAQUES