A gestão escolar estadual será totalmente informatizada nos próximos meses. Na manhã desta sexta-feira, (21), o assessor especial do Governo, Paulo Torres, se reuniu com gestores de Escolas no Palácio Senador Hélio Campos para discutir detalhes da implantação do sistema digital.

Na ocasião foi discutido sobre a escolha da escola onde será implantado o projeto – piloto no prazo de 45 dias. Torres destacou que além do sistema na Seed [Secretaria de Educação e Desporto], todas as instituições do Governo terão a gestão informatizada.

“Isso faz parte de um projeto grande que é um compromisso do governador Antonio Denarium de implantar o Governo Digital e dar total transparência. Esse sistema da Educação, por exemplo, faz gestão do transporte escolar, de matrículas, planejamento, boletins, em fim, todo o ciclo educacional”, ressaltou.

A plataforma contempla toda a gestão escolar, mas também vai promover a participação dos pais que vão poder acompanhar o desenvolvimento dos filhos consultando notas, lista de chamada, planejamento, enfim, todo o processo de gestão da Seed.

De acordo com Torres, a plataforma será implantada em uma escola por período experimental e, depois de identificadas e corrigidas as falhas, será implantada em todas as escolas.

O diretor da Escola Gonçalves Dias, Mário Rosa, frisou os principais benefícios do sistema. ”Vai ser bom no sentido a partir da matrícula, acompanhamento dos pais, relação professor - aluno e professor – família, além da possibilidade de padronizar as questões das Secretarias de todas as escolas”, pontuou.

Publicado em DESTAQUES

O Governo de Roraima deu mais um passo importante para a transparência de todos os processos. A Sesp (Secretaria de Segurança Pública) será a primeira pasta a implementar o SEI (Sistema Eletrônico de Informação). Os treinamentos na Secretaria começam na próxima semana, com duração de 15 dias.

O secretário de Segurança Pública, coronel Olivan Junior destacou que todos os processos novos serão totalmente digitais e os processos anteriores à implementação que ainda tiverem em tramitação serão digitalizados.

“É com muito prazer que a gente anuncia a continuidade do projeto do governador Antonio Denarium de dar total transparência na sua gestão. Essa implementação vai trazer maior transparência e economia para todas tramitação de processos, documentos e sistema do governo”, disse.

O SEI é uma plataforma que promove a eficiência administrativa, gestão de processos e documentos eletrônicos e tem como principais características a celeridade nos trâmites documentais e processuais além da diminuição do uso de papel na administração pública.

Para o assessor da governadoria Paulo Torres, que está a frente da implementação do SEI, a primeira meta é a digitalização de todas as ações relacionadas a documentos. De acordo com ele, a transparência é prioridade no governo Antonio Denarium.

“O sistema vai trazer flexibilidade, segurança, redução do fluxo processual, transparência e segurança jurídica para qualquer gestor. A partir desse piloto na Sesp a gente vai identificar os ajustes para cada secretaria”, enfatizou.

PARCERIA COM O MPRR

Os dados serão armazenados na Data Center do Ministério público de Roraima. No início do mês o governador assinou um termo de cooperação com o MPRR.

A Data Center será a estrutura tecnológica que vai sustentar o funcionamento do SEI, que por sua vez, ser um sistema interno e externo onde funcionará todos os trâmites, processos e demandas do Estado de forma totalmente digital.

Internamente, será um sistema onde as Secretarias e demais setores governamentais terão acesso para fazer envios de documentos, acompanhar processos e obter resultados de qualquer assunto relacionado às suas respectivas pastas. Com isso, haverá economia de papel e de uso de transporte, diminuindo assim o consumo de combustível.

Já externamente, todas essas informações serão disponibilizadas no Portal da Transparência, onde a sociedade poderá ter acesso a todos os trâmites relacionados ao Governo do Estado, de forma rápida e clara.

Publicado em DESTAQUES

Um grupo de produtores de Ponta Grossa, no Estado do Paraná, visitou durante a quinta-feira, 20, fazendas dos municípios de Mucajaí e Iracema a fim de conhecer as potencialidades da região.

A visita foi acompanhada por uma equipe técnica do Governo do Estado, que contou com a presença do governador Antonio Denarium, além do diretor-presidente do IACTI (Instituto de Ampara à Ciência, Tecnologia e Inovação), Aluízio Nascimento, do secretário de Agricultura e Assuntos Indígenas  da Prefeitura de Boa Vista, Marlon Buss, e o pecuarista José Lopes.

As propriedades visitadas na tarde desta quinta-feira, 20, concentram produção de soja, de criação de bovinos, e de piscicultura.

Na oportunidade, Denarium destacou o trabalho que o Governo do Estado está realizando para desenvolver Roraima. “Estamos trabalhando para que Roraima cresça, se desenvolva. Valorizando os empreendedores que aqui estão e, atraindo novos investidores. Desta vez, estamos com a comitiva que veio de Ponta Grossa, Estado do Paraná, para conhecer o potencial produtivo do Estado”, disse.

“Estamos mostrando o potencial produtivo do Estado de Roraima. O Dr. Cunha, da Cescage, vem para Roraima para investir, especialmente em genética bovina, melhoria da qualidade genética”, ressaltou o governador.

O empresário das Faculdades Cescage (Centro de Ensino Superior dos Campos Gerais),  Fagundes Cunha, lembrou que o plantio direto da soja, nasceu em Ponta Grossa. “Foram Nono Pereira e seus agrônomos que desenvolveram o plantio direto no Brasil. A soja que abriu o cerrado é a soja cristalina, desenvolvida por Francisco Terasawa, e está em todo o cerrado do País”.

Cunha falou da alegria de ver que a soja plantada aqui, é da FT Sementes [Francisco Terasawa].  “Ponta Grossa já está em Roraima, gerando progresso e desenvolvimento. Não vamos transferir só tecnologia na área de pecuária. Vamos trazer através do Ensino à Distância integração lavoura, pecuária, floresta, plantio direto, o desenvolvimento de sementes, um curso Superior Tecnológico  em Gestão de Agronegócio”, explicou.

Ele ressaltou que se reuniu, na quarta-feira, 19, com a secretária da Seed [Secretaria de Educação e Desporto] Leila Perussolo, para tratar de implantação de cursos no Estado. “Vamos transferir a tecnologia que existe na Região dos Campos Gerais, não só por meio dos Institutos de Pesquisa e do parque tecnológico que temos, mas por meio do IAPAR [Instituto Agronômico do Paraná], trazendo a pesquisa do café para Roraima, um projeto meu, além de todas as culturas, laboratórios de reprodução”, disse, ao acrescentar que "vários agricultores pediram para trazermos um laboratório para análise de solo”.

“Temos a maior nota em Ensino à Distância do País. Nota 5. Nossa especialidade é o agronegócio. Estamos trazendo além do curso Superior e Tecnológico em Agronegócio, o Colégio Técnico em Agropecuária semipresencial, curso de Medicina Veterinária; curso de Especialização em Plantio Direto ; integração lavoura, pecuária , floresta;  criação de gado de corte e criação de gado de leite”, explicou Cunha.

UNIVIRR - Ele falou da visita à Univirr ( Fundação Universidade Virtual de Roraima), que, na ocasião, foi discutido com o reitor da instituição um projeto que será implantado em 15 Polos  de Roraima, além de Boa Vista. “No Interior, já temos todos os Polos definidos onde vamos instalar nosso sistema de Educação à Distância, faltando só a Capital”, explicou, ao adiantar que a previsão é começar no início de 2020. 

O empresário Marcelo Zimovisk ficou fascinado com o potencial que o Estado de Roraima oferece.  Disse que têm pretensões de investir em Roraima. “Viemos à convite do Governo do Estado. Para mim, foi uma surpresa, porque não tínhamos noção do que é o Estado de Roraima. Vejo um enorme potencial em todas as áreas. É um Estado com muitas aptidões. Estou encantado”, afirmou, ao acrescentar que,  “o Brasil e o brasileiro não sabem o Estado que tem aqui, no Norte”.

Adiantou que pretende investir na área da piscicultura, em gado de corte e, possivelmente, na agricultura. “Estou muito otimista com o Estado e vejo que aqui é o futuro. O Brasil acontece aqui”, afirmou.   

A comitiva visitou as fazendas São José, do pecuarista José Lopes, e Prateada,  de Ermílo Palludo.    

 

 

 

Publicado em MANCHETES

Cerca de 12 técnicos da Seed (Secretaria de Educação e Desporto) participaram nessa quarta-feira, 19, de Web Conferência ministrada pelo Consed (Conselho Nacional de Secretários de Educação), para discutir a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 15/2015, que versa sobre o Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação).

O objetivo da web conferência é socializar a proposta do MEC (Ministério da Educação) em relação à alteração da PEC, pois ela será apresentada no Congresso Nacional no segundo semestre deste ano. “Para isso, é necessário que exista um entendimento e uma análise dos entes federados, pois essa emenda irá aprovar o novo Fundeb”, explicou a secretária de Educação, Leila Perussolo.

No decorrer da reunião, foi apresentado um comparativo da PEC com as alterações que o MEC propõe e as novas expressões que serão utilizadas. Além disso, os participantes puderam realizar perguntas e esclarecer dúvidas.

A gerente de Avaliação e Informações educacionais, Rosalete Saldanha, foi uma das participantes. Segundo ela, foi uma oportunidade dos técnicos adquirirem mais conhecimentos.

“A web conferência foi muito importante, pois pudemos conhecer um pouco as dúvidas dos outros estados. Além disso, todos nós, que trabalhamos com Educação Básica, precisamos dominar esses temas, e o Fundeb é primordial”, disse Rosalete.

Além de realizar a socialização das secretarias em relação ao texto da PEC, o Consed irá finalizar as contribuições na II Reunião Extraordinária, que ocorre dia 26, na Paraíba.

“Essa foi uma nova estratégia e alternativa que o Conselho teve para que todas as secretarias de Educação do País tenham conhecimento”, finalizou a secretária.

Participaram da web conferência todos os técnicos da Seed que trabalham diretamente com o Fundeb.

NOVO FUNDEB - O Fundeb atual perde a vigência em dezembro deste ano, e a vigência do novo recurso está atrelada à aprovação da PEC. A medida da Proposta é que o recurso seja parte integrante da Constituição Federal para torná-lo permanente, pois são esses recursos que financiam a Educação Básica. A relatora da PEC 15/2015 é a deputada federal professora Dorinha, do Democratas de Tocantins.

Publicado em Educação

A PMRR (Polícia Militar de Roraima) está realizando operações e intensificando atividades de policiamento ostensivo na capital e no interior, com o objetivo de coibir a criminalidade no Estado.

“Estamos realizando operações desde o início desta semana, com envolvimento de diversas guarnições, inclusive com emprego da Cavalaria da PM. Ontem, 19, tivemos a primeira noite de Arraial Boa Vista Junina, com a presença de um grande público. Fizemos o policiamento local e do entorno. Não tivemos registro de ocorrência, nem no ponto central, nem no entorno do evento”, ressaltou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Elias Santana.

Conforme ele, a semana está relativamente tranquila na Capital e no interior. “Desde essa quarta-feira, 19, a PM esta potencializando o policiamento ostensivo também no interior, o que diminuiu o número de registros de ocorrências. Os relatórios dos serviços de ontem, 19, para hoje, 20, a grande maioria aponta para o S/A(Sem Alterações)”, afirmou.

Ele destacou também as ações que ocorrem, especificamente, em Pacaraima, um dos municípios mais afetados pelo processo migratório no Estado. “Estamos com ações avançadas de policiamento em Pacaraima. Graças a Deus, conseguimos reduzir a criminalidade no local”, disse.

Publicado em Segurança Pública

Para conhecer a estrutura e organização do DCR (Documento Curricular de Roraima), técnicos pedagógicos da Seed (Secretaria de Estado da Educação e Desporto) participam na tarde desta quarta-feira, 19, de um curso na Univirr (Universidade Virtual de Roraima), das 13h às 20h.

O curso será ministrado por profissionais do Ceforr (Centro Estadual de Formação dos Profissionais da Educação de Roraima). O objetivo central é promover a formação dos técnicos, apresentando a estrutura, os  marcos legais e os princípios didáticos pedagógicos propostos no DCR.

Deve participar do encontro o corpo pedagógico do DEB (Departamento de Educação Básica), DEPE (Departamento de Desenvolvimento de Políticas Educacionais), DGE (Departamento de Gestão Escolar) e ACRE (Auditoria do Controle da Rede de Ensino).

O DCR é documento construído de acordo com as diretrizes da BNCC (Base Nacional Comum Curricular), que irá nortear o currículo e os conteúdos a serem ministrados nas escolas de Educação Infantil e Ensino Fundamental. O DCR foi elaborado por meio de uma parceria entre a Seed e a Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação), com a efetiva participação dos redatores (professores que atuam nas redes de ensino).

“O DCR traz uma proposta mais dinâmica e mais contextualizada do currículo, o que faz com que os professores tenham que adotar metodologias mais ativas com o foco na qualidade da aprendizagem do aluno”, destacou Stela Damas, diretora do Ceforr.

A Seed, por meio do Ceforr, está promovendo formações para os gestores escolares, orientadores educacionais, secretários de escolas, professores que atuam em salas de Correção de Fluxo e coordenadores pedagógicos.

Dentro das formações ocorrem as discussões sobre o DCR e nesta quarta-feira será o momento para os técnicos da área pedagógica da Seed. A próxima etapa será a formação dos professores, que deverá ocorrer em regime de colaboração com os municípios.

“A ideia é alinharmos todo o referencial teórico do DCR com o corpo pedagógico da secretaria e com as equipes gestoras, para depois chegarmos aos professores. O processo deve ocorrer de forma articulada com o objetivo de implementar de fato o DCR nas instituições de ensino”, explicou Stlela Damas.

Também já está em andamento no Estado de Roraima a construção do DCR referente ao Ensino Médio. No momento, ocorre a fase de elaboração da proposta preliminar dentro do GT (Grupo de Trabalho).

ARTICULAÇÃO - Na noite de terça-feira, 18, foi realizado um encontro de articulação com os representantes das instituições que trabalharão na formação dos professores para a implementação do DCR.

Participaram a secretária de Educação e Desporto, Leila Perussolo, secretário adjunto Pedagógico da Educação, Semaias Alexandre, e o reitor da Univrr, Raimundo Vilarins, além do presidente da Undime/RR e de técnicos do Departamento de Educação Básica, Ceforr, multiplicadores, articuladores e redatores da BNCC no Estado.

"Estamos num momento importante de discussão do currículo do Estado e teremos várias ações locais intersetoriais dentro do regime de colaboração, para que o currículo realmente se efetive e chegue ao chão da escola", destacou a secretária Leila Perussolo, enfatizando ainda que um dos desafios pela frente será inserir as instituições de ensino superior nas discussões.

O encontro foi uma oportunidade para alinhar as ações de cooperação entre Seed e Undime, para a implementação da formação dos professores que atuarão com o DCR no Estado.

 

 

 

Publicado em Educação

Em busca de alternativas que possam fortalecer o desenvolvimento econômico do Estado, o governador de Roraima Antonio Denarium recebeu mais um grupo de empresários, dessa vez de Ponta Grossa, do Paraná.

A reunião ocorreu nesta terça-feira, 18, com investidores de vários setores econômicos. Entres eles, o desembargador do Estado do Paraná, e também proprietário da Cescage (Centro de Ensino Superior dos Campos Gerais), Fagundes Cunha e também o diretor geral dos cartorários do Brasil, Valter Samara.

Dentro de uma sequência de visitas, esse é o terceiro grupo de investidores, de um total de 18 grupos que virão conhecer as potencialidades do Estado. O encontro tem como propósito desenvolver e fomentar a economia do Estado de Roraima com a instalação definitiva desses investidores.

"Estamos com mais um grupo de investidores do Paraná. Recebemos o proprietário da Cescage, uma empresa renomada com interesse em se instalar em Roraima. Nosso propósito é atrair novos investidores e valorizar os que temos", ressaltou Denarium, ao acrescentar que vai atender pessoalmente cada um deles apresentando o potencial de Roraima, os nossos secretários e para eles tenham a confiança e credibilidade no nosso trabalho.

Denarium lembrou ainda que o proprietário da Cescage, pretende fazer investimentos na parte educacional e tecnológica em Roraima.

"É importante lembrar que o desembargador Cunha já trabalha com melhoramento genético, inseminação in vitro, transferência de embrião, inseminação artificial e quer trazer essa tecnologia para o Estado de Roraima, e assim, nós vamos agregar valor ao nosso produto e atrair muito mais investidores", ressaltou o governador.

EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA

Conceituada como uma referência no ensino superior do Paraná, a Cescage possui 18 Faculdade, cerca de 30 cursos de pós-graduação e nota máxima do MEC (Ministério da Educação) para graduação de ensino à distância.

"Nós vamos instalar um pólo de ensino a distância aqui em Roraima e o primeiro será na capital. Com isso, implantaremos também os cursos de pós-graduação em agronegócio, com a integração de lavoura, pecuária e floresta, enfim, um curso tecnológico na gestão de agronegócio", disse Cunha.

Ainda de acordo com ele, a Cescage está em diálogo com Seed (Secretaria Estadual de Educação e Desporto) para ver a possibilidade de instalação do Colégio Técnico Agropecuário.

"Pretendemos instalar em 2020 o Colégio Técnico Agropecuário. Nossa ideia é fazer um colégio semipresencial, instalar todos os laboratórios para aulas práticas presenciais e trazer para lecionar nesse colégio os melhores docentes, metres e doutores das nossas faculdades, que tem as mais altas avaliações do país", relatou.

OUTROS SEGUIMENTOS

Além dos investidores do setor agropecuário, vieram também para o Estado, empreendores interessado em investir no setor imobiliário e comércio de combustíveis.

"Estamos aqui a convite do governador e quero agradecer a oportunidade de vir ao Estado de Roraima visitar as possibilidades de investimentos. A princípio pretendo investir em postos de combustíveis, mas queremos fazer parceria no setor imobiliário", observou Vilmar Trucullo.

Para os empreendedores, além da mão de obra, o grande atrativo do agronegócio está sendo o valor comercial das terras, que de acordo com eles é muito mais barato adiquirir uma propriedade em Roraima, do que na região Sul do Brasil.

"O maio atrativo hoje é o preço das terras. O pessoal está querendo expandir, tem muita gente vindo. Eu estou aqui desde o ano passado e vamos colher a segunda safra", pontuou Edgar Szabo, que é produtor de soja e milho.

Publicado em DESTAQUES

Com intuito de garantir melhor qualidade de vida a quem atua no Estado, o programa Cuidando do Servidor ofereceu serviços gratuitos de saúde e sociojurídico aos servidores do Palácio Senador Hélio Campos, nesta quarta-feira, 19.

Na oportunidade, a Setrabes (Secretaria de Trabalho e Bem Estar Social) estacionou a Carreta da Mulher e ofereceu serviços de estética, especialmente para as servidoras.

O servidor teve a oportunidade de solicitar o Cartão do Servidor, que garante descontos em diversos serviços no comércio local.

Esta é a quinta ação de atendimento aos servidores desde o início do projeto Cuidando do Servidor, firmado entre a Segad (Secretaria de Gestão Estratégica e Administração) e o Centro Universitário Estácio da Amazônia.

Sobre o projeto, o secretário da pasta, Pedro Cirino, reafirmou o compromisso do governo em gerar bem estar aos servidores.

“A ação é uma forma de valorizar os servidores e estamos concretizando isso com o projeto Cuidando do Servidor. É uma iniciativa que cuida do cidadão para dar melhor qualidade de vida e esse é nosso objetivo”, disse o secretário.

SERVIÇOS – O Cuidando do Servidor está oferecendo cinco serviços: assistência social, para avaliar se o servidor está passando por algum problema no trabalho ou em casa; avaliação física, como índice de massa corporal e peso; aferição de pressão arterial, glicemia e vacinação por parte do curso de Enfermagem; assistência sociojurídica e serviços de Fisioterapia para saber se tem alguma dor ou problema originado no ambiente de trabalho.

Para a reitora do Centro Universitário, Brena Linhares, esta é uma oportunidade tanto para os alunos de praticarem o que aprendem dentro da sala de aula quanto para os servidores.

“Estamos recebendo uma resposta muito positiva dos servidores, que algumas das vezes não sabem que está com alguma alteração e descobre com esses atendimentos”, frisou, ao acrescentar que os serviços são feitos por alunos sob coordenação de professores e coordenadores dos cursos participantes.

A reitora enfatiza que a ideia é prestar um serviço de qualidade. “Com isso, o servidor acaba ficando satisfeito com sua saúde, porque quando se está bem com a saúde física e mental, se fica bem com todo o resto e isso é muito importante para nós”, garantiu.

Além dos serviços do projeto Cuidando do Servidor, a Setrabes está oferecendo serviços de clínico geral, dermatologista, esmaltação, design de sobrancelhas, artesanato para comercialização e atendimento psicossocial. O Procon Estadual também oferece atendimento para os consumidores que desejam esclarecer dúvidas.

SATISFAÇÃO – Um dos atendidos foi o designer gráfico Abreu Mubarac. É a primeira vez que ele recebe atendimentos de saúde gratuitos no ambiente de trabalho.

“Acho bem importante a preocupação do governo com o servidor. E quando o servidor se sente bem é um incentivo a mais para desempenhar melhor o trabalho”, afirmou.

Publicado em DESTAQUES

O HMI (Hospital Materno Infantil), em parceria com o Ápice On (Aprimoramento e Inovação no Cuidado e Ensino em Obstetrícia e Neonatologia), projeto do MS (Ministério da Saúde), promoveu uma oficina de acolhimento às mulheres em situação de vulnerabilidade nesta terça-feira, 18.

A programação foi marcada por palestras sobre mulheres em situação de vulnerabilidade no contexto da saúde, fluxo de atendimento às mulheres indígenas e venezuelanas nas unidades de saúde, além de discussão específica sobre os atendimentos na Maternidade.

“A ideia dessa oficina é qualificar os serviços e melhorar o atendimento, estruturando determinados fluxos para que possamos humanizar a assistência que oferecemos às mulheres”, afirmou Valéria Cristina, obstetra do HMI.

O Ápice On trabalha a questão da mortalidade materna e neonatal, pois por meio de pesquisas, notou-se que uma parte dos óbitos se dá pela falta de acolhimento, relacionamento e escuta qualificada. “A tecnologia de acolhimento é uma estratégia para reduzir o número de óbitos, então, com esse trabalho, esperamos ter bons resultados no panorama de morte materna em Roraima”, afirmou Loiana Alencar, representante do MS.

Ainda de acordo com ela, os indicadores mostram que o grupo com maior vulnerabilidade é o de mulheres negras, que tem a taxa de óbito materno mais elevada. No entanto, na Região Norte, ainda há outros grupos específicos, como as indígenas e imigrantes venezuelanas.

“Não é a resolução do problema, mas uma etapa importante. Precisamos estar atentos às especificidades das demandas de cada grupo, para que possamos reduzir os números de mortes maternas”, disse.

Conforme o coordenador geral de Atenção Básica de Saúde da Sesau, Ipojucan Costa, o Estado é responsável por promover esse tipo de evento. “É nossa responsabilidade fortalecer essas ações. O nosso sistema tem atendido essas mulheres de maneira plena, sem discriminar, com as possibilidades que temos, mas precisamos nos capacitar ainda mais”, pontuou.

Publicado em Saúde

Com o objetivo de divulgar a produção de conhecimentos pedagógicos e científicos, a Escola Estadual São Vicente de Paula realiza o “Projeto Litermática” para os alunos do 6° ao 9° ano do Ensino Fundamental. A culminância das atividades ocorre nesta quarta-feira, 19, das 7h30 às 11h45 e das 13h30 às 17h45.

“O projeto busca promover uma prática metodológica diferenciada, gerada a partir do envolvimento teórico e prático de nossos alunos no campo do conhecimento matemático e literário”, explicou a coordenadora pedagógica da escola, Marilena Fernandes.

O projeto envolve as disciplinas de Língua Portuguesa, Educação Física, Arte, Matemática e Língua Inglesa. Em cada matéria é trabalhado um aspecto diferenciado durante a execução das atividades. “Essas matérias são de fundamental importância para o contexto da aprendizagem. Cabe aos professores buscarem possíveis maneiras para trabalhar o ensino, propiciando uma aprendizagem significativa”, disse, Marilena.

No projeto, serão homenageados compositores como Alceu Valença, Gilberto Gil, Cazuza, Luiz Gonzaga, Cássia Ellen e Elis Regina. Entre as atividades desenvolvidas pelos alunos estão escrita da biografia do compositor, criação do mascote do artista ou música que será apresentada, grito de guerra, criação de jogos matemáticos e instrumentos musicais com materiais recicláveis.

Para a execução das atividades foi desenvolvida uma gincana, onde cada prática contará pontos. Durante o evento será somada a pontuação de cada turma e os vencedores ganharão troféu e um passeio.

“Durante o desenvolvimento das atividades, percebemos que houve uma maior interação dos alunos nas disciplinas. Eles têm trabalhado melhor em grupo. Além disso, conhecem melhor os nossos compositores brasileiros”, ressaltou a coordenadora.

LITERMÁTICA - É desenvolvido pela escola desde 2011, ou seja, está é a VIII edição do projeto e tem como tema: "Construindo valores, transformando atitudes". O projeto é trabalhado com a prática de ação pedagógica, que visa proporcionar a interação do conhecimento entre as disciplinas, oportunizando aos alunos uma visão mais ampla do conhecimento científico.

“As disciplinas trabalhadas fazem um redirecionamento na dinâmica das aulas com práticas diferenciadas, que possam proporcionar curiosidades, estímulos e desejos de buscar novos conhecimentos”, explicou Marilena.

A Escola São Vicente de Paula está localizada na Avenida Nossa Senhora da Consolata, 2772, bairro São Vicente, em Boa Vista. Atualmente são atendidos 492 alunos na modalidade de Ensino Fundamental.

Publicado em Secom