Quinta, 08 Agosto 2019 19:35

CONFERÊNCIA | Discute direitos dos idosos de Roraima Destaque

Escrito por ASCOM/SETRABES
A temática da conferência é debater os desafios que devem ser superados para promover as políticas públicas adequadas aos idosos   A temática da conferência é debater os desafios que devem ser superados para promover as políticas públicas adequadas aos idosos Charles Bruno

O Governo de Roraima deu início às discussões que vão pontuar os ordenamentos para as ações voltadas aos idosos, com a abertura da 5ª Conferência Estadual dos Diretos da Pessoa Idosa. A abertura do evento ocorreu no auditório da Setrabes (Secretaria do Trabalho e Bem-Estar Social), no final da tarde desta quarta-feira, 07.

 Estavam presentes autoridades do Estado e o representante do Governo Federal, Antônio Fernandes da Costa, secretário Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, a deputada estadual Aurelina Medeiros (PODE), o prefeito do município de São Luiz do Anauá, James Batista, secretários municipais de assistência social, conselheiros municipais do idoso e imprensa.

 Em sua fala, Antônio da Costa destacou que o Governo Federal vem reestruturando as políticas públicas voltadas para a pessoa idosa, através da execução de ações mais amplas, abrangendo várias vertentes não somente no aspecto social, de atividades físicas, mas também trabalhando o lado cognitivo.

 “O Governo Federal está executando o programa Viver, Envelhecimento Ativo e Saudável, uma ação que tange outros aspectos sociais da atenção para pessoa idosa. Por exemplo, temos dentro do programa o acesso ao mundo digital, com a disponibilização de computares e instrutores. Esse é o início de uma grande parceria que vai reforçar as ações já em andamento, uma vez que o Roraima já vem desenvolvendo um ótimo trabalho, quando comparado à realidade de outros Estados da Federação”, destacou.

 Representando o governador Antonio Denarium, a secretária do Trabalho e Bem-Estar Social, Tânia Soares, destacou que um dos maiores desafios é trazer a verdade para que as atuais gerações encarem de forma tranquila e respeitosa o processo de envelhecimento e pontuou que, em 200 dias de Governo, a atenção voltada aos idosos deu um salto no volume de atendimentos de 120 para cerca de 900 acolhidos, com as mais diversas modalidades de atividades, alimentação e atenção em saúde.

 Tânia destacou ainda que as contribuições da atual gestão para um envelhecimento mais saudável norteiam para a construção de uma sociedade que possa dispor do conhecimento pleno dos seus direitos e conquistas. “Precisamos encarar com mais naturalidade o processo de envelhecimento para que as distâncias sociais que persistem possam ser encurtadas e focadas no termo 'futuridade', que nada mais é do que o futuro de nossas idades”, finalizou.

 PROGRAMAÇÃO – As atividades continuam nesta quinta-feira, 08, com a realização de palestras e atividades culturais na  Rede Melhor Idade durante todo o dia e, na sexta-feira, 09, ocorre o encerramento da programação no mesmo local, com atividades dos grupos temáticos, deliberação das propostas e consolidações das sugestões apresentadas pela plenária. Às 16h30 ocorrerá a eleição dos delegados para a 5ª Conferência Nacional dos Direitos dos Idosos, entrega de certificados aos participantes e apresentações culturais.