Quarta, 29 Mai 2019 13:39

CENSO ESCOLAR 2019 | Coleta de dados inicia nesta quarta-feira, 29, em todo o País Destaque

Escrito por MARÍLIA MESQUITA
O Censo Escolar retrata a realidade do sistema educacional de ensino e é importante para o repasse de recursos federais O Censo Escolar retrata a realidade do sistema educacional de ensino e é importante para o repasse de recursos federais Ascom/Seed

O Censo Escolar inicia nesta quarta-feira, 29, em todo o Brasil. Nesta primeira etapa serão realizadas a coleta, digitação e exportação dos dados da matricula inicial dos estudantes. A coleta de dados segue até o dia 31 de julho.

Na sexta-feira, 31, gestores escolares, secretários de escola e responsáveis pelo Censo Escolar de cada instituição de ensino da capital passarão por uma capacitação das 8h às 12h e das 14h às 18, no auditório do CBMRR (Corpo de Bombeiros Militar de Roraima), localizado na Avenida Venezuela, em Boa Vista.

Este ano, o Censo Escolar está com novidades, entre elas, o “formulário do gestor”, onde serão cadastrados os dados do gestor da escola e dos alunos autistas. Antes, a nomenclatura utilizada era “Transtornos Globais do Desenvolvimento” e este ano a nomenclatura a ser utilizada no sistema será “Transtornos do Espectro Autista”. Também será feito o cadastro das dependências físicas das escolas.

Outra inovação é o campo “Censo localiza”, que é o georreferenciamento das escolas, ou seja, sua localização por meio de satélite que agora também deverá constar no Censo Escolar.

“O Censo busca retratar a realidade do sistema educacional de ensino. A coleta de dados envolve as escolas públicas, privadas e federais”, explicou Rosalete Saldanha, gerente da GAIE (Gerência de Avaliação e Informações Educacionais) da Seed (Secretaria de Educação e Desporto).

Parte dos profissionais que atuam nas escolas do interior do Estado já passaram por capacitações e em breve receberão apenas atualizações das novidades do Censo.

“É importante que todos os servidores responsáveis pelo Censo Escolar das escolas participem da capacitação, principalmente os gestores, pois a coleta fidedigna dos dados é responsável pelo sucesso do trabalho”, ressaltou Rosalete.

Entre os dados coletados no Censo estão: se a escola possui água potável, dependências de alunos, destinação do lixo, reciclagem do lixo, modalidade do aluno, número de professores que cuidam de alunos com deficiência, número de alunos, dados do gestor, entre outros 

Nos dias 21 e 22 de maio, Rosalete e dois técnicos do Censo Escolar da Seed participaram em Brasília de um curso intensivo no auditório do INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), órgão responsável pela realização do Censo em todo o país. “Durante o curso, nós recebemos as orientações do que é novo no Censo Escolar e atualização do que já conhecemos”, disse a gerente.

CENSO ESCOLAR - O Censo Escolar é importante para a Educação Básica, pois é a partir dos dados coletados que são destinados todos os recursos federais, como Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica) e PNAE (Programa de Alimentação Escolar), entre outros.

Principal instrumento de coleta de informações da Educação Básica, o Censo Escolar é o mais importante levantamento estatístico educacional brasileiro nessa área. Coordenado pelo INEP, é realizado em regime de colaboração entre as secretarias estaduais e municipais de educação e com a participação de todas as escolas públicas e privadas do País.

O Censo Escolar abrange as diferentes etapas e modalidades da educação básica e profissional: ensino regular, educação especial, educação de jovens e adultos (EJA) e educação profissional.