Terça, 15 Outubro 2019 12:27

Governo de Roraima autoriza concurso público para agente penitenciário Destaque

Escrito por RODRIGO SANTANA
Avalie este item
(1 Votar)
Edital será lançado em janeiro de 2020 com contratação imediata de 100 aprovados no certame Edital será lançado em janeiro de 2020 com contratação imediata de 100 aprovados no certame Ederson Brito e Fernando Oliveira

O Governo de Roraima anunciou na tarde desta segunda-feira, 14, durante coletiva à imprensa, a autorização para a realização do Concurso Público para o cargo de Agente Penitenciário. Ao todo, serão oferecidas 423 vagas. O edital do certame está previsto para ser lançado em janeiro de 2020.

 O governador de Roraima Antonio Denarium, informou que serão convocados 100 candidatos aprovados no concurso de forma imediata para o próximo ano.

 "O restante dos candidatos aprovados serão convocados gradativamente nos anos seguintes, conforme a disponibilidade financeira do Estado", afirmou.

 O Projeto de Lei Complementar n° 003/2019, que permite a ampliação do número de vagas para o cargo de agente penitenciário foi sancionado pelo governo no dia 23 de setembro.

 "Após a autorização da realização do concurso, agora vamos instituir a comissão que será responsável pelo planejamento da execução do certame", explicou o governador.

 REFORÇO NA SEGURANÇA - Enquanto não for realizado o concurso público e a contratação dos novos agentes penitenciários, o governador assegurou que as unidades prisionais do Estado continuarão tendo o apoio do Depen [Departamento Penitenciário Nacional].

 "As equipes da Força Nacional e da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária [FTIP] serão renovadas a cada 60 dias. Semana passada conversei com o ministro da Justiça, Sérgio Moro, que autorizou a permanência da FTIP no Estado, até a conclusão das obras nas unidades prisionais.

A realização do concurso público para o cargo de agente penitenciário faz parte das medidas do Governo de Roraima para melhorar a Segurança Pública do Estado.

 "Estamos trabalhando de maneira efetiva para garantir mais segurança dentro do sistema prisional. Inclusive, já temos bons resultados do nosso esforço evitando rebeliões e fulgas de detentos", reforçou o governador.

O Governo de Roraima anunciou também que foi aberto processo licitatório para compra de equipamentos de baixa letalidade para a Secretaria de Justiça e Cidadania.

 "Iremos investir R$ 1 milhão para a compra de balas de borracha, sprays de pimenta e granadas de efeito moral. Equipamentos esses que vão ajudar no trabalho dos agentes", assegurou.

 OBRAS EM ANDAMENTO - O Governo de Roraima concluiu a obra do Bloco B da Penitenciária, com sete alas e 154 celas, das quais seis são para pessoas com deficiência. A obra do Bloco A que ficou parada foi retomada com previsão de entrega em 90 dias.

A construção do Presídio de Rorainópolis foi retomada com a previsão de entrega para abril de 2020. Na Cadeia Pública Masculina a obra está bem adiantada, com previsão de entrega para janeiro de 2020.

A obra da Cadeia Pública de Monte Cristo, que fica ao lado da Pamc, está com cerca de 60% concluída, com previsão de entrega para janeiro de 2020.

A obra da Cadeia Pública Feminina foi iniciada e a previsão de conclusão é para julho de 2020.

Ler 920 vezes