Quarta, 21 Agosto 2019 12:25

ACESSIBILIDADE | Governo entrega 1.300 meios auxiliares de locomoção para portadores de necessidades físicas Destaque

Escrito por EDUMAR JUNIOR e ROSI MARTINS
Há cadeiras de rodas dobráveis, para banho infantil, e motorizadas, além de muletas, andadores e bengalas para deficientes visuais Há cadeiras de rodas dobráveis, para banho infantil, e motorizadas, além de muletas, andadores e bengalas para deficientes visuais Fernando Oliveira

O Governo do Estado iniciou a entrega de cerca de 1.300 itens de meios auxiliares de locomoção para portadores de necessidades físicas.  A entrega foi feita pelo governador Antonio Denarium durante cerimônia na tarde desta terça-feira, 20, no NERF (Núcleo Estadual de Reabilitação Física). Foram investidos na aquisição do material R$ 1.116.975

Foram entregues 650 cadeiras de rodas dobráveis, 200 cadeiras de rodas para banho infantil, 100 cadeiras de rodas motorizadas, 200 muletas, 100 andadores, além de 50 bengalas para deficientes visuais.

O governador Antonio Denarium afirmou que está trabalhando para superar todos os entraves na Saúde e proporcionar cada vez mais dignidade à população.

“Com essa entrega, pessoas que estavam há mais de dois anos, três anos na fila estão recebendo as cadeiras de rodas, as muletas, as bengalas agora. É um compromisso do governo melhorar a saúde do Estado de Roraima”, enfatizou o governador.

A primeira-dama Simone Denarium,  emocionada, disse que não vê cadeirantes, mas pessoas. Destacou que a liberdade de se locomover com independência é fundamental para o bem estar das pessoas e que o Governo de Roraima está construindo acesso e derrubando barreiras.

 “Estamos resgatando essas pessoas, fazendo com que elas possam ser vistas, incluídas na sociedade e no mercado de trabalho. Estamos fazendo na Rede Cidadania Atenção Especial um trabalho voltado às pessoas com deficiência. É importante valorizar essas pessoas, fazer com que elas se sintam amadas e acolhidas, não só pelo Estado, mas por todos nós”, afirmou.

De acordo com o Diretor do Departamento de Políticas de Reabilitação Everton Nobre, os itens vão proporcionar mais qualidade de vida a essas pessoas, dando maior autonomia nas atividades diárias e adaptação à nova condição de vida melhorando a convivência social e familiar.

A secretária de Saúde Cecilia Lorezom afirmou que essa é mais uma etapa da mudança na saúde, onde a saúde está com o foco para a população, atendendo quem de fato precisa do serviço público.

  "Estamos trabalhando também para zerar a fila de cirurgias do HGR [Hospital Geral de Roraima]", acrescentou.

 "Aquelas pequenas coisas que não conseguia fazer como ir ao banheiro, agora vou alcançar", afirma paciente

 O Jorge Ferreira dos Santos teve paralisia infantil com um ano e meio de vida, a doença fez com que o aposentado perdesse os movimentos da perna direita, durante toda a sua vida se locomovia com ajudas de muletas. Há menos de três meses um acidente vascular fez com que o Jorge tivesse a perna esquerda amputada e desde então ele não saia da cama, até receber a cadeira de rodas.

 “Eu agradeço a Deus por ter ganho essa cadeira porque facilita muito. Aquelas pequenas coisas que não conseguia fazer como ir ao banheiro que antes eu não conseguia agora vou alcançar. Essa cadeira vai mudar minha vida para melhor”, afirmou emocionado.

A Nívia Rocha ganhou uma cadeira motorizada. Ela conta que com a nova cadeira vem junto a independência.

“Muda muito porque essa cadeira é como se fosse as nossas próprias pernas. Sem a cadeira motorizada a gente ficava limitada dentro de casa, dependendo das pessoas. Agora posso estudar, trabalhar. Estou muito feliz”, disse a estudante parabenizando o governador pela entrega.

A Daniela dos Santos Ribeiro de 14 anos é deficiente visual. A adolescente recebeu a bengala articulada, que ela chama carinhosamente de “varinha”. Ela conta que a varinha vai ajudar no dia-a-dia.

“Essa varinha vai trabalhar a autonomia da mão e dedo. Ela é para me locomover, vai me ajudar com a minha deficiência. Eu senti uma felicidade muito grande”, disse sorrindo.

Daniela emocionou a todos com uma apresentação musical e deu show de carisma. Perguntada sobre qual mensagem deixa para as pessoas que possuem alguma deficiência, a menina demonstrou todo o seu amor.

“Eu vou dizer com toda a força pra quem tem filhos especiais que nunca desista porque eles são capazes, você tem que acreditar porque é bem mais que você pensa, eles são especiais”, enfatizou.

 Pacientes aguardavam desde 2016

A Sesau (Secretaria de Saúde) possui uma lista de pacientes do Núcleo Estadual de Reabilitação Física desde 2016. Essa demanda reprimida será atendida com a chegada desses equipamentos. A entrega segue critérios da Sesau e do Ministério da Saúde, como explicou o Diretor do Departamento de Políticas de Reabilitação Everton Nobre.

“Essas entregas estão relacionadas a uma avaliação de um médico e também de critérios do Ministério da Saúde para que a distribuição seja feita de forma correta. Recebemos um estoque grande pensando na demanda reprimida que temos uma lista de cadastro do Programa de Atenção e Prevenção às Deficiências. Esse estoque é grande pensando nessa demanda, mas a gente pediu sobrando para fazer outras entregas”, disse.

A Secretaria de Saúde está encontrando dificuldades de localizar as pessoas cadastradas. Muitas mudaram o telefone, ou o endereço. A orientação é que as pessoas que estão no cadastro e não foram chamados para receber o seu equipamento procure o NERF que fica na Avenida Ataíde Teive no bairro Nova Canaã.

 Pacientes não Cadastrados

Para quem precisa de um de meio auxiliar de locomoção e não estava cadastrado precisa procurar a sede do NERF munidos de cópias do RG, comprovante de residência, cartão do SUS (Sistema Único de Saúde) e a prescrição médica.

 “Se tivermos no estoque a distribuição será imediata, caso contrário a gente vai montar um ciclo para trazer essas cadeiras até o Núcleo”, complementou Everton Nobre.