Segunda, 05 Agosto 2019 22:42

AGRICULTURA FAMILIAR | Técnicos da Seapa participam de nivelamento sobre normas do crédito rural para 2019/2020 Destaque

Escrito por ISAQUE SANTIAGO
Avalie este item
(0 votos)
O nivelamento visa aperfeiçoar os projetos enviados ao banco, dinamizando o processo de análise e ampliando a oferta de crédito O nivelamento visa aperfeiçoar os projetos enviados ao banco, dinamizando o processo de análise e ampliando a oferta de crédito Fernando Oliveira

Os técnicos agrícolas da Seapa (Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento) participam nos dias 5 e 6 de agosto de uma capacitação do Basa (Banco da Amazônia SA) para nivelamento sobre as normas do crédito rural para 2019/2020. No primeiro dia, os 32 profissionais que atuam nas CPR (Casa do Produtor Rural) espalhadas pelo Estado recebem treinamento sobre as atualizações referentes à elaboração de planilhas.

O titular da Seapa, Emerson Baú, ressaltou que o Basa é um dos principais parceiros da Seapa no serviço de Ater (Assistência Técnica e Extensão Rural). O Basa é uma das instituições que financiam a agricultura familiar por meio do crédito rural.

“Um dos principais trabalhos que a assistência técnica da Seapa faz é justamente a elaboração de projetos para acesso à crédito via Pronaf [Programa Nacional de Apoio à Agricultura Familiar] e FNO [Fundo Constitucional do Norte] e o Basa é um dos principais parceiros nesse processo”, explicou o secretário.

O coordenador de crédito rural da Seapa, Emerson Santos, destacou a importância da capacitação. “Nós estamos há um ano sem fazer esses treinamentos de planilha. Com essa capacitação, nosso corpo técnico fica por dentro destas atualizações em relação às planilhas, ao aplicativo socioambiental, que é o Terras, que hoje é uma exigência para toda contratação junto ao Basa. É necessário o uso dessa ferramenta para que o Banco possa medir e verificar qual é realmente a possibilidade de fazer o financiamento para o produtor”, disse.

O engenheiro agrônomo e supervisor de engenharia da central de crédito Rondônia, Amazonas e Roraima do Basa, Eduardo Tomyoshi, é o responsável pela capacitação dos técnicos agrícolas. Ele explicou que o objetivo do treinamento é ampliar a aplicação de crédito na agricultura familiar em Roraima.

“O Basa visa promover o desenvolvimento sustentável de Roraima, que é o Estado que mais cresce na Região Norte, com números incríveis e um potencial enorme. Nós temos muita expectativa de realizar bons negócios, uma boa capacitação e promover o desenvolvimento, que é nossa principal missão”, disse.

Os projetos elaborados pelos técnicos da Seapa são enviados para o Basa que, após análise, verifica a possibilidade de liberação do crédito. Somente por meio do FNO, a instituição tem R$ 500 milhões disponíveis para Roraima. A quantia é dividida entre diversos setores, entre eles o produtivo. Somente para a agricultura familiar são reservados R$ 5 milhões.

“Na agricultura familiar, temos índices de metas para entregar. Até o fechamento do primeiro semestre, no mês de junho, estávamos dentro desse cronograma de 100% de aplicação. São R$ 5 milhões, no mínimo, para o segmento da agricultura familiar para Roraima neste período, mas obviamente, se aparecer demanda esse recurso pode ser ampliado. É justamente esse o motivo da nossa reunião de alinhamento com os técnicos da Seapa, para dinamizar o processo de análise para que possamos ter condições de alavancar as aplicações no segmento da agricultura familiar”, detalhou o gerente do Banco da Amazônia em Roraima, Daniel Moura.

SEGUNDO DIA – Nesta terça-feira, dia 6, o treinamento ocorrerá na Univirr (Universidade Virtual de Roraima), localizada na Alameda dos Bambus, Pricumã. Na ocasião, os técnicos vão aprender a utilizar o aplicativo Terras, ferramenta que facilita o envio de projetos ao banco.

Ler 790 vezes Última modificação em Terça, 06 Agosto 2019 20:57