Quinta, 26 Novembro 2020 18:04

PARCERIA COM A COMUNIDADE | Governo finalizará construção de Escola Indígena no Uiramutã Destaque

Escrito por Mágida Azulay Khatab
Avalie este item
(0 votos)
PARCERIA COM A COMUNIDADE | Governo finalizará construção de Escola Indígena no Uiramutã Ascom/Seed

Consolidando o compromisso de reconstruir a Educação de Roraima e demonstrando respeito às comunidades indígenas, o Governo de Roraima vai concluir a construção da Escola Estadual Indígena Koko Isabel Macuxi, na comunidade indígena Enseada, no munícipio de Uiramutã.

Demanda antiga da comunidade, a construção da instituição de ensino foi iniciada por esforço e iniciativa dos próprios moradores e será concluída pelo governo.

Na manhã desta terça-feira, 24, a secretária de Educação e Desporto Leila Perussolo esteve na região e fortalecendo a parceria com a comunidade indígena, anunciou que o Governo do Estado vai finalizar a obra.

"Viemos hoje aqui para conhecer a realidade da comunidade e na oportunidade já trouxemos o engenheiro e o eletricista da Seed para que possam avaliar a estrutura física, elaborar um novo projeto básico e adotar todos os trâmites necessários para a conclusão do prédio da escola”, disse a secretária Leila, complementando que a escola também receberá mobiliários novos e material escolar.

A estrutura do prédio anterior é antiga, construída há 14 anos nos padrões do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica), possui apenas duas salas de aula. Ao longo dos anos, a comunidade cresceu e o prédio não atende mais a demanda local. Hoje a escola conta com 350 estudantes matriculados no Ensino Fundamental e Médio.

“Vou esperar essa ajuda do Governo porque estamos sofrendo sem espaço para as aulas. Eu fiquei alegre porque é a primeira vez que uma secretária de Educação vem nos visitar”, disse a coordenadora pedagógica da escola, professora Leide Maria, moradora há 50 anos da comunidade Enseada.

O prédio novo da escola começou a ser construído pela comunidade em 2017 e possui sete salas de aula. Mas precisa de acabamento, instalações elétricas e hidráulicas, troca de portas, janelas e forro.

O Tuxaua da Comunidade, Severino da Silva Souza, disse que está satisfeito com notícia. "Iniciamos a construção com recursos próprios e agora essa ajuda do Governo será muito bem-vinda, estamos esperando há muito tempo", disse o Tuxaua.

A orientadora educacional da escola professora Denise Almeida, também reconheceu o esforço do Governo de Roraima para a melhoria não só da escola, mas da região.

"Essa foi a primeira vez que uma secretária de Educação esteve em nossa comunidade e nos ouviu com atenção, esclarecendo as possibilidades reais. Quero ainda parabenizar o Governador do Estado Antonio Denarium por olhar para a nossa região e agradecer também pela melhoria das estradas do município, tão importantes para o transporte escolar dos nossos alunos", ressaltou Denise.

Mais Estrutura para as Escolas Indígenas. Além da conclusão da escola da Enseada, a secretária Leila Perussolo falou sobre outros investimentos do Governo do Estado para a região. Entre elas, a revitalização da Escola Estadual Joaquim Nabuco, que atende 295 estudantes na sede do Uiramutã e da Escola Estadual Indígena Júlio Pereira que possui 210 alunos na comunidade indígena Uiramutazinho. As revitalizações serão executadas pela Seed.

Será feita também reforma geral na escola Estadual Indígena São Sebastião do Cailã, na comunidade Água Fria, que atende 220 alunos e na Escola Estadual Indígena Tuxaua Pedro Barbosa (Comunidade Flexal), que possui 191 alunos matriculados. A Seinf já está realizando levantamento para elaboração de projeto básico.

Todas as escolas revitalizadas e reformadas também receberão mobiliários novos, como carteiras escolares, kits refeitório, mesa e cadeira para professor.

Segundo Censo Escolar da Educação Básica, em Roraima existem 260 escolas indígenas e 16.802 alunos matriculados. Destas escolas apenas 92 possuem prédio escolar próprio.

Emendas Parlamentares

Além dos investimentos com recursos do Tesouro Estadual, o Governo de Roraima também promoverá reformas, construções e ampliações em escolas indígenas com recursos de emendas de parlamentares da bancada federal. Serão R$ 5 milhões destinados pelo Senador Telmário Mota para reforma de 4 escolas indígenas em Normandia.

E ainda R$ 2.106.420,94de recursos destinados pelo Deputado Federal Haroldo Campos para reforma de uma escola em Amajarí e outra em Bonfim. O Deputado Federal Jhonathan de Jesus destinou emenda no valor de R$ 2.090.712,01para construção de escola indígena na região de Boa Vista Rural.

A deputada Federal Joênia Wapichana destinou R$ 12.422.581,10 para 35 obras de reformas e 17 ampliações em escolas indígenas dos municípios de Uiramutã, Alto Alegre, Pacaraima, Cantá, Bonfim, Normandia, Amajari, São João da Baliza e Boa Vista Rural.

“O Governo do Estado está trabalhando para mudar a realidade das escolas da rede estadual de ensino com um olhar diferenciado para as escolas indígenas, que foram criadas ao longo dos anos, mas não receberam a infraestrutura devida e nem a atenção merecida”, finalizou Leila Perussolo.

 

 

Ler 560 vezes Última modificação em Quinta, 26 Novembro 2020 19:13