Sábado, 18 Mai 2019 15:38

IPEM | Inauguração de depósito marca a data comemorativa dos 16 anos de criação do Instituto Destaque

Escrito por Ascom/IPEM
Avalie este item
(1 Votar)
Instituto foi criado no dia 16 de maio de 2003 pela Lei Estadual nº 372 Instituto foi criado no dia 16 de maio de 2003 pela Lei Estadual nº 372 Ederson Brito

 

O Ipem–RR (Instituto de Pesos e Medidas de Roraima) comemorou nessa sexta – feira, 17, 16 anos de atuação em Roraima. A data foi marcada pela inauguração do depósito para armazenagem de materiais apreendidos durante as fiscalizações do Instituto. A solenidade contou com a presença do governador Antonio Denarium, de secretários de Estado, dentre os quais, o de Planejamento, Marcos Jorge, e o de Infraestrutura, Edilson Damião Lima, e de outras autoridades.

A presidente do Ipem, Isabella Dias, falou sobre o trabalho desenvolvido pelo órgão, que, dentre as atividades, atua para verificação da conformidade de materiais que levam a certificação do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia), produtos têxteis, brinquedos, itens de material escolar, lâmpadas, pneus, entre outros. Além de garantir que a sociedade esteja respaldada quanto ao atendimento dos seus direitos de segurança na hora da compra; o trabalho dos fiscais garante que, entre os comerciantes, não haja desigualdade no fornecimento de serviços.

“Desde a balança de alimento ao peso no supermercado, a bomba do posto de gasolina, a balança de malas do aeroporto, ou mesmo verificando a presença do selo de certificação do Inmetro em materiais têxteis e também em brinquedos. Em todos esses momentos, os fiscais estão dedicados para que a sociedade esteja segura para adquirir serviços e produtos com justo peso e qualidade”, disse Isabella.

Sobre o depósito, a presidente frisou a relevância da obra para o Instituto. “Vale ressaltar a importância dessa obra, haja vista que os materiais que são recolhidos pelas equipes do Instituto são retirados do mercado a fim de garantir a segurança e a saúde dos consumidores do nosso Estado”, afirmou.

Esses produtos, quando se apresentam fora dos padrões de conformidade, por exemplo, brinquedos sem o selo de certificação do Inmetro, devem ser retirados do mercado e não podem ser doados. Nesses casos, o material deve ser recolhido ao depósito, a fim de aguardar a tramitação do processo administrativo, para, ao final, ser destruído.

Essa melhoria ocorreu com o apoio do secretário de Planejamento, Marcos Jorge, que, na época, era secretário Executivo no MDIC (extinto Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços). O Ipem obteve junto ao Inmetro, em dezembro de 2016, o repasse de R$ 500 mil para a compra de seis novos veículos, mobiliário, material de informática e a construção do depósito. “Agora concretizamos o montante integral desse investimento com a entrega do depósito, que custou R$ 154.834,20”, informou Isabella Dias.

Em seu discurso, Denarium parabenizou toda a equipe do Ipem, que, segundo ele, desenvolve excelente trabalho. “As equipes de trabalho do Ipem se mobilizam por todos os municípios, de forma que possam atender a população com suas atividades de perícia metrológica, verificando a presença e adequação ao selo do Inmetro. Serviços de excelente qualidade, que vêm somar para fazer de Roraima cada dia melhor”, disse.

OBRA DA NOVA SEDE - O governador Antonio Denarium visitou a obra da nova sede do Instituto que está em construção, com previsão de inauguração para dezembro deste ano. A maquete da edificação foi apresentada por ele, em dezembro de 2018, quando ainda interventor federal. O recurso para construção da nova sede é fruto de um trabalho junto ao governo federal, por meio do MDIC (Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços).

Sobre a nova sede do Ipem, o governador ressaltou que será de grande mudança para melhorar o desenvolvimento dos trabalhos dos funcionários e também para atender melhor a população que busca os serviços do Instituto. “Com a inauguração da nova sede, teremos o único laboratório de grãos da região Norte; esse é um grande diferencial que vai ajudar colocar Roraima de forma muito positiva como próspera fronteira agrícola do Brasil”, ressaltou.

Ler 391 vezes Última modificação em Sábado, 18 Mai 2019 18:32