Terça, 11 Agosto 2020 22:41

UIRAMUTÃ | Governo oferta serviço de Telediagnóstico de eletrocardiograma Destaque

Escrito por Laís Muniz
O telediagnóstico, tecnologia implementada por meio de uma ação articulada entre a Sesau e o MS (Ministério da Saúde), já atendeu cerca de 2.010 pessoas só este ano, e com isso garantiu que os moradores realizassem o eletrocardiograma na sua cidade de origem sem precisar se deslocar até a Capital. O telediagnóstico, tecnologia implementada por meio de uma ação articulada entre a Sesau e o MS (Ministério da Saúde), já atendeu cerca de 2.010 pessoas só este ano, e com isso garantiu que os moradores realizassem o eletrocardiograma na sua cidade de origem sem precisar se deslocar até a Capital. Ascom Sesau

Em Roraima, o Governo do Estado, por meio da Sesau (Secretaria de Saúde) está ampliando de forma gradativa o diagnóstico de exames realizados à distância, com o Telediagnóstico ECG (eletrocardiograma). A partir desta semana os moradores de Uiramutã passarão a contar com o serviço, que já alcançou 6.011 diagnósticos em seis municípios, desde a implantação do serviço no Estado, em outubro de 2018.

O telediagnóstico, tecnologia implementada por meio de uma ação articulada entre a Sesau e o MS (Ministério da Saúde), já atendeu cerca de 2.010 pessoas só este ano, e com isso garantiu que os moradores realizassem o eletrocardiograma na sua cidade de origem sem precisar se deslocar até a Capital.

Segundo o coordenador Geral de Atenção Básica, Hélder Fernandes Amorim, o Telediagnóstico é uma ferramenta que proporciona aos médicos a condição de oferecer um melhor diagnóstico para o usuário da unidade básica e desta forma melhorar o atendimento, além de ser 100% seguro, igual ao de uma clínica particular.

“O exame é coletado na própria unidade de atenção primária e o técnico encaminha os dados para o estado de Minas Gerais por meio da plataforma nacional de telediagnóstico. Em até duas horas, o exame vem laudado para a unidade básica de saúde, onde é impresso pelo técnico responsável e entregue ao paciente. E na mesma hora ele passa o resultado ao médico solicitante”, esclareceu.

De acordo com o Edinaldo Araújo, coordenador do Telessaúde, se o médico tiver dúvidas ao ler o exame, ele pode de forma automática entrar na plataforma de teleconsultoria. “E imediatamente consegue esclarecer todas as dúvidas com médicos especialistas da área. O que significa maior praticidade e redução, de dias e até semanas de espera, que o paciente teria se necessitasse vir para a capital. Trata-se de um serviço realizado de forma segura, rápida e confiável”, complementou.

  Seis municípios oferecem o serviço

O serviço de Telediagnóstico ECG já é realizado em seis municípios, os quais já atenderam mais de 2 mil pessoas de janeiro até julho de 2020. São eles: Boa Vista (em 20 unidades básicas de saúde), com 1.337 exames; Alto Alegre, com 58 exames; Amajari, com 51 exames; Bonfim, com 337 exames; Mucajaí, com 82 exames e Normandia, com 145 exames.

Em Boa Vista as seguintes Unidades dispõem do serviço de telediagnóstico:

 

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE ASA BRANCA

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE AYGARA MOTTA PEREIRA

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE BURITIS

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE CINTURAO VERDE

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE DELIO TUPINAMBA

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE DR SILVIO LEITE

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE IONE SANTIAGO 

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE LUPERCIO LIMA FERREIRA

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE LIBERDADE

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE MECEJANA

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE OLENKA MACELLARO THOME VIEIRA

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE PASTOR LUCIANO GALDINO RABELO

UNIDADE BÁSICA DE SAUDE PRICUMA