Terça, 23 Junho 2020 02:08

SISTEMA PRISIONAL | Governo de Roraima lança concurso para Policial Penal com 423 vagas Destaque

Escrito por WESLEY OLIVEIRA
Avalie este item
(1 Votar)
Antonio Denarium, governador de Roraima: “A contratação dos novos policiais penais vai ajudar a reestruturar o sistema Prisional de Roraima” Antonio Denarium, governador de Roraima: “A contratação dos novos policiais penais vai ajudar a reestruturar o sistema Prisional de Roraima” Secom/RR

O Governo de Roraima está trabalhando para melhorar o sistema prisional do Estado. Nesta segunda-feira, dia 22, o governador Antonio Denarium lançou o concurso público para Policial Penal de Roraima. A solenidade ocorreu no Palácio Senador Hélio Campos com a presença de deputados estaduais, federal, secretários, militares e autoridades em geral.

O edital e as demais publicações podem ser encontrados no endereço eletrônico www.institutoaocp.org.br. O certame abrirá 423 vagas, 100 candidatos serão chamados logo de imediato e os demais, 323, durante a validade do concurso, observando a dotação orçamentária e necessidade do serviço. O valor da inscrição, que só pode ser feita pela internet, custará R$ 110,00, e contemplará candidatos de nível Médio.

De acordo com o governador Antonio Denarium, a contratação dos novos policiais penais vai ajudar a reestruturar o sistema prisional de Roraima. “Essas vagas são necessárias. O Governo do Estado está valorizando todos os servidores públicos, os salários serão de R$ 4.421,00. A Polícia Penal é muito importante para nossa segurança”, afirmou.

Ainda durante a solenidade, Denarium explicou que atualmente Roraima tem o maior projeto de reestruturação de presídios que o Estado já teve. Conforme ele, são diversas obras que deverão zerar o déficit carcerário do sistema prisional.

“Nós temos o maior projeto da história de Roraima para o sistema prisional. Nós já entregamos reformado o bloco B da Pamc [Penitenciária Agrícola de Monte Cristo], com 154 celas, está em fase final a conclusão do bloco A, com outras 154 celas, estamos concluindo também a obra do presídio de segurança máxima, também em Monte Cristo. Estamos em fase conclusão a Cadeia Pública Masculina, no bairro São Vicente, também estamos reformando a Cadeia Feminina, no Asa Branca, com capacidade para 260 reeducandas e reiniciamos a obra do presídio de Rorainópolis, paralisada há mais de 10 anos”, ressaltou.

BANCA ORGANIZADORA

O Instituto AOCP foi contratado para a organização e realização do certame, A banca ofereceu percentual de 30% de desconto em cima da taxa de inscrição, que será revestido para o Fundo Penitenciário do Estado de Roraima, se mostrando dessa forma, a proposta mais vantajosa para a administração pública, além do preenchimento de critérios técnicos exigidos em edital.

O secretário da Sejuc (Secretaria de Justiça e Cidadania), André Fernandes, disse que os novos policiais penais irão reforçar os trabalhos já realizado dentro das unidades prisionais. “O concurso que está sendo lançado hoje pelo governador Antonio Denarium é muito importante. São 423 novas pessoas que integrarão o quadro da Sejuc, e trará mais tranquilidade dentro dos nossos presídios, mais segurança aqui fora, controle do sistema e principalmente o desenvolvimento do trabalho de ressocialização dos interno”, enfatizou.

O presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciário de Roraima, Rarisson Barbosa, proferiu que o lançamento do certame é um momento histórico e representa uma grande conquista, não somente para a classe, mas também para quem almeja ingressar no serviço público e alcançar o sonho da estabilidade. “Hoje é um dia histórico para nossos policiais penais. Corrigimos um erro cometido em governos anteriores, que faz concurso de agente penitenciários e retira, os antigos agentes carcerários que são policiais civis, então hoje é um dia extremamente especial para a categoria, que lutou pela aprovação da Polícia Penal em nível federal e estadual”, destacou.

Rarisson acrescentou também que o concurso público é uma realidade, e após aprovação, contará com o apoio de todos para somar força dentro sistema penitenciário.

“Quero dizer a todos os concurseiros que se dedicaram e estão estudando que o nosso concurso público é uma realidade. E que nós iremos precisar da força de todos aprovados para somar conosco no sistema prisional de Roraima”, frisou.

As inscrições serão realizadas somente via internet. O candidato deverá observar, rigorosamente, as formas de divulgação estabelecidas no Edital e as demais publicações no endereço eletrônico www.institutoaocp.org.br.

 

Ler 638 vezes