Governadora Suely Campos anuncia investimentos para Normandia

96

Nesta sexta-feira (15), a Caravana do Povo, programa que oferece mais de 70 serviços do Governo do Estado, visitou a Comunidade da Raposa, no município de Normandia.

SECOM RR / Fotos: Fernando Oliveira

Foram realizados 2.950 atendimentos na Escola Estadual Indígena José Viriato, nesta que é a 50ª edição do projeto. Até o momento, já foi registrado o total de 230.014 atendimentos à população em todo o Estado desde o ano passado, realizados por uma comitiva composta por mais de 25 secretarias e 250 servidores estaduais.

Na ocasião, a governadora Suely Campos também anunciou uma série de investimentos para a região de Normandia, como o programa de mandiocultura das comunidades indígenas do município.

“Recebemos os tratores e os maquinários para o programa e vamos implantar nosso laboratório de classificação de grãos, para que nossa farinha chegue num nível de exportação, algo importante para o crescimento econômico das comunidades. É um programa que vai permitir maior produção, vai propiciar qualidade e permitir a exportação dos produtos de origem da região”, disse.

Ainda conforme a governadora, será realizada a reforma da Escola Estadual José Viriato em parceria com o Exército Brasileiro e a recuperação do Clube de Mães, ambas unidades localizadas na Raposa.

“A reforma da escola já era uma demanda analisada e mais esta parceria com o Exército vai garantir que seja rápida e de qualidade. Já o Clube de Mães irá incentivar o artesanato e as manualidades das mulheres da Comunidade da Raposa, algo que já apreciamos nos belos trabalhos feitos com as panelas de barro do lugar”, adiantou.

Também será celebrado convênio com a prefeitura de Normandia para transferir recursos e realizar assim a manutenção das vicinais da região, muitas danificadas pelas chuvas do último inverno.

A Setrabes (Secretaria Estadual do Trabalho e Bem-Estar Social) realizou atendimentos e pré-cadastro com a equipe do Balcão de Ferramentas, cursos de artesanato, atendimentos do Crédito do Povo e do Bolsa Família, orientações e preenchimento de fichas para aquisição do passe livre de transporte intermunicipal e interestadual e atividades educacionais recreativas.

Também foram realizados exames e atendimentos de saúde, inclusive voltados ao público feminino, por meio da Carreta da Mulher. A população teve acesso à assistência jurídica oferecida pela Defensoria Pública do Estado.

Durante as atividades, a Caerr (Companhia de Águas e Esgotos de Roraima) realizou orientações ambientais sobre a importância do consumo racional da água, o uso correto da rede de esgoto e a preservação de mananciais.

A agricultora Maria Teresa Pereira, de 28 anos, vive na Comunidade Xumina, a cerca de 20 quilômetros da Raposa. Ela conta que não quis perder a oportunidade de trazer o filho para ser atendido por pediatra e tirar a primeira via da Carteira de Identidade.

“É um serviço que nós precisamos, mas fica difícil ir para Boa Vista, porque precisamos cuidar da roça e o transporte fica complicado. Agradeço essa preocupação que o Governo tem conosco, até porque também foi o único que realmente já veio até aqui para fazer algo pelas vilas e comunidades aqui do nosso interior. Assim que tiver outro na região, nós vamos estar lá, com certeza”, concluiu.

 Secretaria de Comunicação Governo do Estado de Roraima